Reino Unido começa a vacinar já na próxima semana

number10gov / Flickr

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson

O Reino Unido vai começar a vacinar a sua população contra a covid-19 na próxima semana. Depois da aprovação do uso da vacina da Pfizer, os primeiros a receber a vacina serão os trabalhadores e residentes em lares, os mais velhos, com mais de 80 anos, os profissionais de saúde e os doentes críticos.

Esta quarta-feira, o Reino Unido tornou-se o primeiro país ocidental a conceder autorização para o uso de uma vacina contra a covid-19, depois de a agência reguladora dos produtos de saúde britânica (MHRA) ter concedido autorização para o uso de emergência da vacina desenvolvida pela Pfizer e pela BioNTech.

Segundo Matt Hancock, ministro da Saúde britânico, a vacinação começa já na próxima semana. “A partir do início da próxima semana, iremos começar um programa de vacinação das pessoas contra a covid-19 aqui neste país”, disse, em entrevista à Sky News.

De acordo com o Diário de Notícias, os primeiros a receber a vacina serão os trabalhadores e residentes em lares, os mais velhos, com mais de 80 anos, os profissionais de saúde e os doentes críticos.

Cada pessoa precisa de duas doses, sendo que a segunda tem de ser administrada três semanas (21 dias) após a primeira. “Vão ser precisos meses para todos os grupos de riscos serem vacinados”, disse esta quarta-feira o primeiro-ministro britânico.

“Os cientistas finalmente conseguiram. Eles usaram o próprio vírus para realizar uma espécie de jiu-jitsu biológico, para transformar o vírus numa arma contra si mesmo sob forma de uma vacina”, acrescentou Boris Johnson.

Segundo o The Telegraph, o plano para implementar a vacinação já está em marcha. As Forças Armadas ajudaram a transformar dez locais em centros de vacinas em apenas duas semanas, incluindo o hospital de Nightingale, o hipódromo Epsom e o estádio de futebol Ashton Gare.

O jornal avança ainda que as primeiras vacinas deverão começar a ser administradas já na segunda-feira numa grande unidade hospitalar de Londres: o Imperial College Healthcare Trust, que inclui cinco hospitais. Ainda assim, todas as grandes cidades terão um centro de vacinação em massa, enquanto outros 1.000 pequenos locais serão estabelecidos pelo país.

As farmácias e as clínicas de saúde, assim como centros desportivos, serão reaproveitados para o mesmo efeito.

Vacinação de Boris poderá ser transmitida na televisão

Boris Johnson poderá ser persuadido a vacinar-se contra a covid-19 à frente das câmaras de canais televisivos para mostrar que é seguro. No entanto, o líder do governo do Reino Unido não vai vacinar-se antes dos grupos mais necessitados, anunciou o seu secretário de imprensa, citado pelo The Guardian.

O primeiro-ministro britânico procurou moderar as expectativas dos britânicos sobre a velocidade de distribuição da vacina. “Penso que, nesta fase, é muito, muito importante que as pessoas não tenham esperanças muito altas sobre a velocidade com que seremos capazes de implementar esta vacina”, avisou, durante o debate semanal no parlamento.

A campanha de vacinação vai começar “a partir da próxima semana” com 800 mil doses da vacina Pfizer/BioNTech, suficientes para 400 mil pessoas, e o governo britânico aguarda mais “vários milhões de doses” antes do final do ano.

A agência de medicamentos britânica anunciou a aprovação da vacina Pfizer/BioNTech contra a covid-19 após “análises rigorosas”, tornando-se a primeira autoridade sanitária ocidental a aprovar uma vacina contra a doença.

A Comissão Conjunta de Vacinação e Imunização do Reino Unido estabeleceu uma ordem de prioridades, colocando no topo residentes e funcionários de lares de idosos, seguidos por idosos com mais de 80 anos e profissionais de saúde. A lista continua depois em contagem decrescente em termos de grupos etários e pessoas vulneráveis em termos de risco ou problemas de saúde.

Contudo, o primeiro-ministro deu a entender que a ordem de prioridade poderá ser afetada pela necessidade de armazenar a vacina Pfizer/BioNTech a temperaturas muito baixas, limitando o seu transporte e distribuição.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …

Jogos Olímpicos. Ouro e prata para atletas de...13 anos

Pódio muito jovem na estreia do skate feminino. A espreitar o pódio ficou uma norte-americana com quase o triplo da idade. O skate está a "viver" os seus primeiros dias na história dos Jogos Olímpicos. Inserido …

SEF e PSP reforçam fiscalização às regras aplicáveis nas viagens de avião

O SEF e a PSP reforçaram a fiscalização nos aeroportos às regras do tráfego aéreo devido às variantes de covid-19 e ao aumento do número de voos previsto para as próximas semanas, segundo um despacho …

Ramalho Eanes defende que Otelo "tem direito a lugar de proeminência" na História

O ex-presidente da República Ramalho Eanes defendeu esta segunda-feira que Otelo Saraiva de Carvalho, falecido no domingo, tem direito a um "lugar de proeminência histórica", apesar "da autoria" do que considerou "desvios políticos perversos, de …

Hidilyn Diaz dá primeira medalha de ouro de sempre às Filipinas

A filipina Hidilyn Diaz deu esta segunda-feira a primeira medalha de ouro de sempre ao seu país em Jogos Olímpicos, ao conquistar a categoria de -55 kg de halterofilismo em Tóquio2020. Depois de ter sido segunda …