Portimonense 1-3 Sporting CP | Raphinha dá vida a visão de Bruno

O Sporting assumiu a liderança da Liga NOS, ao arrancar uma vitória por 3-1 no terreno do Portimonense. Raphinha foi o herói da partida ao apontar dois golos.

Num jogo que teve um arranque louco, com três golos em nove minutos, dois para os “leões”, a formação de Alvalade foi, sobretudo, mais competente no ataque, pois os algarvios até tiveram mais bola e remataram com mais frequência, mas apenas enquadraram duas de 16 tentativas, contra seis em 11 dos comandados de Marcel Keizer. Raphinha, com dois golos, e Bruno Fernandes, com três assistências, foram as grandes figuras leoninas.

O jogo explicado em números

  • Início arrasador do Sporting, a marcar dois golos nos primeiros dois remates, dentro dos primeiros cinco minutos, ambos após assistências de Bruno Fernandes. O primeiro, por Raphinha (2′), com o brasileiro a flectir para o meio e a rematar colocado de pé esquerdo. Em seguida, o médio português fez o passe para Luiz Phellype (5′) encostar facilmente para o 2-0. Mas a resposta foi rápida.
  • Aos nove minutos, Rômulo reduziu de grande penalidade, após falta de Mathieu sobre Iuri na grande área. Três golos nos primeiros minutos e não houve outro a seguir, para o Sporting, de penálti, porque o árbitro reverteu uma decisão inicial, após recurso ao VAR.
  • Primeiro quarto-de-hora, portanto, de emoção e vertigem, com três golos em três remates, um para os algarvios, dois para os lisboetas, numa fase em que os “leões” tinham um pouco mais de bola (55%) e muita qualidade no passe (89% certos).
  • O jogo acalmou após estes primeiros minutos alucinantes e, à passagem da primeira meia-hora, o Sporting mandava nos acontecimentos, embora não de forma vincada, mas era o Portimonense a tentar mais o remate, com seis tentativas contra três, duas enquadradas (tantas quanto o “leão”). E os algarvios somavam os únicos três pontapés de canto do jogo.
  • Willyan, aos 38 minutos, cortou em cima da linha de golo um chapéu de Bruno Fernandes a Ricardo Ferreira, numa fase em que o jogo começava de novo a partir, e logo a seguir, Iury falhou de cabeça só com Renan Ribeiro pela frente.
  • Intervalo Muita emoção no Algarve, num jogo aberto com duas equipas à procura do golo e que teve um arranque alucinante, com três golos em nove minutos e muitas ocasiões. Os “leões” tiveram um pouco mais de iniciativa, mas os algarvios remataram mais, embora com menor qualidade e muitas vezes de fora da área leonina. O melhor em campo nesta fase era Raphinha, com um GoalPoint Rating de 6.9, graças ao grande golo que apontou, mas também aos três dribles eficazes em quatro tentativas.
  • Bom regresso do Portimonense para a segunda parte, a chegar à hora de jogo com 66% de posse de bola, mas somente dois remates e nenhum enquadrado. Contudo, era notória a intenção dos homens da casa em assumir as rédeas da partida e criar perigo. Mas a eficácia estava do outro lado.
  • Aos 65 minutos, Bruno Fernandes descobriu Raphinha do lado direito da grande área e serviu o brasileiro para o 3-1. Esta foi a terceira assistência do português no jogo e o segundo tento do extremo – ao terceiro remate leonino na etapa complementar, segundo enquadrado.
  • Jogo interessante de Luciano Vietto. O argentino, a partir do flanco esquerdo, não estava particularmente rematador, mas mostrava vontade e alguns pormenores interessantes, que lhe permitia somar cinco dribles eficazes em sete tentativas por volta dos 70 minutos, para além de um passe de ruptura.
  • Com o jogo controlado, os “leões” passaram a esperar pelo ataque do Portimonense, que tentava reduzir a desvantagem. Os algarvios melhoraram sobremaneira na qualidade do passe, com 87% de acerto na segunda parte, mas no ataque eram inofensivos, não conseguindo enquadrar qualquer disparo no segundo tempo.

O melhor em campo GoalPoint

O jogo não poderia ter corrido melhor a Raphinha. O extremo leonino foi o melhor em campo, com um GoalPoint Rating de 8.2, e foi bem cedo que começou a construir uma exibição de grande qualidade. Logo aos dois minutos flectiu da direita para o meio para marcar um grande golo de pé esquerdo. Já na segunda parte acorreu com competência a um excelente passe de Bruno Fernandes, para fazer o 3-1 final. O brasileiro completou ainda três de sete tentativas de drible (duas no último terço) e só não tem uma nota mais elevada porque desperdiçou uma ocasião flagrante de golo.

Jogadores em foco

  • Luciano Vietto 7.1 – Boa estreia do argentino a titular no Sporting. Vietto foi o segundo melhor em campo, fruto essencialmente da facilidade em ultrapassar os adversários. Ao todo tentou nove vezes o drible e teve sucesso em seis, somou quatro desarmes e seis recuperações de posse e ainda registou um passe de ruptura.

Luis Forra / Lusa

  • Bruno Fernandes 6.8 – Mais uma prestação fundamental do médio luso a servir o ataque leonino. Logo aos dois minutos fez a primeira de três assistências na partida, num total de cinco passes para finalização, e ainda realizou três bloqueios de passe. Desta feita não foi além de um remate (enquadrado).
  • Rômulo 6.6 – O melhor do Portimonense foi o autor do golo algarvio, de grande penalidade. O brasileiro fez dois remates (um enquadrado), dois passes para finalização e esteve muito bem no cruzamento, com seis, três deles eficazes.
  • Lucas Fernandes 6.2 – O médio brasileiro entrou ao intervalo para emprestar a habitual qualidade do seu jogo. Lucas fez três remates, todos de fora da área, realizou um passe para finalização, completou as três tentativas de drible a falhou somente um de 36 passes.
  • Bruno Tabata 6.1 – Mais um brasileiro do Portimonense a realizar uma boa exibição. O extremo foi, a par de Bruno Fernandes, o jogador com mais passes para finalização (não encontrou nos colegas de equipa a mesma competência que o “leão” testemunhou nos companheiros na hora de rematar), recuperou oito vezes a posse de bola e teve sucesso em duas de oito tentativas de drible.
  • Luiz Phellype 5.9 – Sem Bas Dost, o brasileiro é o foco de todas as atenções leoninas no momento de finalizar, e voltou a marcar, embora um golo fácil. De resto teve pouca interveniência na partida.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

Tribunal de Contas arrasa modelo de financiamento do Ensino Superior (e diz que Governo não cumpriu lei de bases)

No seguimento de uma auditoria ao método de financiamento do ensino superior, para o Tribunal de Contas (TdC), entre 2016 e 2018, o modelo de financiamento concretizado pelo governo não cumpriu o estipulado na Lei …

Cientistas encontram no Ébola um aliado inesperado contra os tumores cerebrais

Cientistas encontraram um gene do vírus do Ébola que mostrou ser útil no combate contra os glioblastomas, que são tumores cerebrais que reaparecem após serem eliminados. O gliobastoma é um tumor que cresce e espalha-se depressa …

Estivadores do Porto de Lisboa iniciam greve de três semanas

Os estivadores do Porto de Lisboa iniciam, esta quarta-feira, uma greve de três semanas em protesto contra os salários em atraso e incumprimento dos acordos celebrados por parte da Associação de Empresas de Trabalho Portuário …

Michael Vang. Passou despercebido por Portugal, mas carrega os sonhos de toda uma etnia

Michael Vang é dos pouquíssimos jogadores de origem Hmong a jogar futebol profissionalmente. Agora nos Estados Unidos, o jovem teve uma passagem apagada por Portugal. Os Hmong são um grupo étnico asiático originário das regiões montanhosas …

Há pessoas sem a parte olfativa do cérebro que conseguem cheirar (e cientistas não sabem porquê)

Cientistas encontraram casos em que as pessoas não tinham bulbo olfativo, a parte do cérebro responsável pelo olfato, mas mesmo assim conseguiam cheirar. Anosmia consiste na perda total ou parcial do olfato e esta é uma …

Cientistas detetam estranhos movimentos de gás na Via Láctea (em redor de algo "invisível")

Os astrónomos detetaram movimentos de nuvens de gás incomuns perto do centro da Via Láctea, que podem sugerir a presença de um desconhecido buraco negro de classe intermediária. Os investigadores que rastrearam os gases no centro …

Hackers podem facilmente piratear satélites (e transformá-los em armas)

Piratear satélites pode não ser assim tão complicado quanto pensamos. Os hackers podem simplesmente desligá-los ou até mesmo usá-los como armas. No mês passado, a SpaceX tornou-se a operadora da maior constelação de satélites ativos do …

Gelo a cair num buraco faz barulhos estranhos (e parece uma batalha de lasers)

Alguma vez pensou o que se ouve quando deixamos cair gelo num buraco gelado profundo? Já não precisamos de pensar mais - e já podemos ouvir. O vídeo do pedaço de gelo a cair num buraco …

Tribunal recusa exumar corpo. Rosa Grilo conhece sentença a 3 de março

A leitura do acórdão no processo do homicídio do triatleta ficou agendada, esta terça-feira, para o dia 3 de março. De acordo com o Diário de Notícias, a defesa de Rosa Grilo pediu a exumação do …

Revelados documentos que provam a investigação de OVNIs por parte do Pentágono

Documentos recentemente divulgados mostram que o Departamento de Defesa dos Estados Unidos (EUA) financiou estudos sobre Objetos Voadores Não Identificados (OVNI's), contradizendo declarações recentes do Pentágono. Em 2017, o New York Times revelou a existência de …