PT tem 6 anos para recuperar impacto negativo da dívida da Rioforte na fusão com Oi

telecom.pt

Zeinal Bava e Henrique Granadeiro na CE da PT

A PT tem seis anos para recuperar o impacto negativo da dívida da Rioforte na sua fusão com a Oi, segundo os termos definitivos dos contratos a apresentar à assembleia geral a realizar até 8 de setembro de 2014.

Em comunicado divulgado na página da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a PT anunciou que a holding PT SGPS (sociedade gestora de participações sociais) e a brasileira Oi acordaram os termos definitivos dos principais contratos a celebrar na sequência do memorando de entendimento (MoU, na sigla em inglês), apresentado em 16 de julho.

Este memorando foi celebrado na sequência do final do prazo que a Rioforte tinha para reembolsar os 847 milhões de euros à empresa, a que se juntaram outros 50 milhões.

A aplicação da PT na Rioforte fazia parte dos ativos avançados para a fusão com a Oi, na qual a posição da PT ficaria em torno dos 37% da nova entidade, por enquanto designada CorpCo.

Os acordos agora estabelecidos consagram a redução desta posição para os 25,6% da nova entidade, em consequência da não cobrança daquela dívida.

No âmbito do acordo, que será apresentado à mencionada assembleia geral de 8 de setembro, “a PT SGPS irá permutar com a Oi as aplicações de tesouraria na Rio Forte Investments, SA, no montante de 897 milhões de euros, em contrapartida de 474.348.720 ações ON e 948.697.440 ações PN da Oi”.

Este tipo de ações, ON e PN, é uma especificidade brasileira, que se refere a títulos com diferentes capacidades de voto.

Maturidade de seis anos

Ao mesmo tempo, é possibilitada à PT a recuperação da sua posição na entidade resultante da fusão, sendo definidos os termos e o prazo.

Assim, “à PT será atribuída uma opção de compra não transferível de tipo Americano para readquirir as Ações da Oi Objeto da Opção (com o preço de exercício de R$2,0104 [cerca de 0,67 euros] para ações ON e R$1,8529 [cerca de 0,62 euros] para ações PN), a qual será ajustada pela taxa brasileira CDI acrescida de 1,5% por ano”, precisa o documento.

A opção de compra “terá uma maturidade de seis anos, expirando a possibilidade de exercício pela PT SGPS em 10% das Ações Objeto da Opção no fim do primeiro ano e de 18% em cada ano seguinte”.

Os contratos vão ser celebrados assim que existam todas as autorizações das empresas e a permuta vai ser apresentada, para aprovação, à Comissão de Valores Mobiliários brasileira e deve ser executada em ou antes de março de 2015, adianta-se no comunicado.

Outro resultado previsto destes acordos é a continuação da cotação da PT SGPS, tendo como únicos ativos relevantes as mencionadas dívida da Rioforte e a opção de compra.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalos da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …

Oposição critica Governo de El Salvador por usar a covid-19 para limitar manifestações

Na quarta-feira, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou um decreto que proíbe reuniões públicas e privadas que não estejam relacionadas com as artes, cultura ou desporto até 8 de dezembro. Segundo a Vice, apesar de …

Portugal com mais 883 casos confirmados e quatro mortes

Portugal regista hoje mais 883 casos confirmados de covid-19 e quatro óbitos pela doença, assim como 729 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, de acordo com o boletim diário. Segundo …

Um boneco do Super-Homem a voar

Indianos declaram "guerra" ao Super-Homem e à Mulher-Maravilha

Injustice, o último filme de animação da DC Comics, deixou alguns indianos muito perto de um ataque de fúria. Cenas em que o Super-Homem e a Mulher-Maravilha surgem a lutar contra militares indianos e a …

Alec Baldwin

Hollywood em choque. Alec Baldwin recebeu arma carregada, mas disseram-lhe que estava "fria"

A morte da directora de fotografia Halyna Hutchins, depois de ter sido atingida pelo actor Alec Baldwin durante as filmagens de "Rust", deixou o mundo de cinema de Hollywood abalado. E ninguém percebe como é …

Provedor da Santa Casa sob suspeita. Renda com desconto, gastos e bolsa investigados

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu documentos e computadores ao provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), Edmundo Martinho, e à professora Maria da Luz Cabral. Em causa estarão suspeitas relacionadas com despesas, uma …

O empresário John Textor

FC Porto tenta desviar John Textor. Empresário só quer o Benfica

John Textor foi abordado várias vezes nos últimos meses por intermediários alegadamente com ligações ao FC Porto, que procuravam levar o empresário a investir na SAD azul e branca. Mas o empresário assegura que, em …

Biden adia publicação de arquivos sobre assassinato de John F. Kennedy

A Casa Branca informou esta sexta-feira que irá adiar a publicação de documentos confidenciais relacionados com o assassinato do presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy. O atual presidente norte-americano, Joe Biden, afirmou em comunicado que …

Dirigente da Al-Qaida abatido na Síria em ataque com drone

O exército norte-americano anunciou esta sexta-feira ter abatido um dirigente do grupo extremista Al-Qaida, num ataque com 'drone' na Síria. "Um ataque aéreo norte-americano realizado esta sexta-feira no noroeste da Síria matou o dirigente da Al-Qaida …

"Venezuelização" do país. Governo arrasado pelos descontos para os combustíveis no IVAucher

O anúncio do Governo de um desconto de 10 cêntimos por litro de combustível abastecido, através do programa IVAucher, está a ser duramente criticado por muitos portugueses. E há até quem fala na "venezuelização" do …