/

PSD contestou votos da emigração. “É picuinhice”, diz Santos Silva

1

O PSD apresentou uma reclamação ao Tribunal Constitucional a pedir a revisão dos resultados. A publicação dos resultados fica assim suspensa, pondo em causa as tomadas de posse da Assembleia da República e do Governo.

No entender do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, que associa este pedido a questões internas do PSD trata-se de “picuinhice” dos sociais democratas.

“É o que em Portugal se chama uma picuinhice. O país não tem de estar refém das questões internas do PSD (…) O PSD acha que os 30 e tal mil votos que foram considerados nulos, porque as pessoas se esqueceram de por a fotocópia do cartão de cidadão, deviam ser considerados não nulos, mas inexistentes. É o que em Portugal se chama uma picuinhice”, afirmou, em declarações ao Sapo 24.

“Este pedido não tem nenhum efeito sobre os resultados, o único efeito que tem é atrasar a publicação dos resultados e a formação do Governo (…) Dito isto, o tribunal julgará e o que o tribunal decidir está bem”, rematou.

Com o pedido avançado, explica o jornal Público, o PSD pretende que haja uma reavaliação dos votos dos círculos da emigração, o que, por sua vez, obriga à suspensão do envio dos resultados eleitorais das eleições legislativas por parte da Comissão Nacional de Eleições para publicação em Diário da República.

Sem esta publicação, a Assembleia da República o Governo não podem tomar posse, ações que estavam previstas para terça e quarta-feira da próxima semana. O jornal confirmou também que a reunião da conferência de líderes para preparar a primeira sessão plenária, marcada para esta sexta-feira, foi cancelada.

De acordo com o jornal Eco, o PSD argumenta que as diferentes mesas de voto tiveram decisões diferentes sobre se estes votos eram considerados válidos ou não. A contagem  revelou um aumento do número de votos nulos de 3.071 para 35.331 – onze vezes mais que o verificado em 2015.

  ZAP //

1 Comment

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.