Pela primeira vez, o “Inimigo da Humanidade” não fez novos casos na China

A China anunciou, esta quinta-feira, não ter registado novas infeções locais pela primeira vez desde o início da epidemia do novo coronavírus, mas as autoridades contaram 34 casos importados.

Este número de pessoas infetadas provenientes do estrangeiro é também um recorde diário, indicou o Ministério da Saúde chinês. A maioria dos casos foi identificada em chineses que regressaram de países particularmente atingidos pela Covid-19.

A Comissão de Saúde da China disse que, até ao início desta quinta-feira, não se registaram novos casos de contágio local em todo o território.

Oito pessoas morreram, todas na província de Hubei, centro do país e centro da epidemia.

No total, desde o início do surto, em dezembro do ano passado, as autoridades da China continental, que exclui Macau e Hong Kong, contabilizaram 80.928 infeções, incluindo 70.420 casos que já recuperaram, enquanto o total de mortos se fixou nos 3245. O número de infetados ativos no país fixou-se em 7263, incluindo 2314 em estado grave.

Segundo dados oficiais, 683.281 pessoas que tiveram contacto próximo com os infetados foram monitorizadas clinicamente desde o início do surto, incluindo 9144 ainda sob observação.

Desde 11 de março que os números de novas infeções e de mortes permaneciam abaixo dos 21 diários, de acordo com as estatísticas oficiais. Em 12 de março, o Governo chinês declarou que o pico das transmissões tinha terminado no país.

Macau registou mais dois novos casos importados de infeção, elevando para 17 o número de pessoas infetadas no território.

Ontem, o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, classificou o novo coronavírus como um “inimigo da Humanidade”, quando mais de 8000 pessoas já morreram no mundo.

Itália atinge recorde de mortes num único dia

A pandemia provocou mais 475 mortes nas últimas 24 horas, o pior balanço registado num único país e num único dia, anunciou esta quarta-feira a Proteção Civil italiana. Até ao momento, cerca de 3000 pessoas perderam a vida devido a esta doença.

Os serviços sanitários registaram 4207 novos casos nas últimas 24 horas, um número que nunca tinha sido atingido desde o início da crise. A Lombardia, a região de Milão, permanece a mais atingida, com cerca de dois terços das mortes recenseadas.

No entanto, o aumento dos novos casos também ocorreu em outras regiões, em particular em Veneto e Piemonte com cerca de 500 novos casos cada, ou a Toscana com um aumento de 300 casos.

Reino Unido fecha escolas

As escolas vão encerrar, a partir de sexta-feira, por tempo indeterminado. “Isto será para todas as crianças, exceto os filhos de funcionários públicos e as crianças mais vulneráveis”, indicou Gavin Williamson no Parlamento.

Os filhos de profissionais de saúde, polícias e de motoristas de entregas sem alternativa poderão ficar na escola durante o horário de trabalho. O mesmo acontece com crianças com apoio social, e outras vão ter acesso a refeições através de um sistema de talões.

Ontem à tarde, os Governos autónomos da Escócia e do País de Gales já tinham anunciado o encerramento das escolas nas respetivas regiões, enquanto a Irlanda do Norte só confirmou depois do anúncio do Governo britânico.

De acordo com os últimos números, o número de mortes chegou às 104 no Reino Unido, tendo sido identificados 2626 casos positivos com coronavírus entre 56.221 pessoas testadas.

Estado de calamidade pública no Brasil

A Câmara dos Deputados do Brasil aprovou, na quarta-feira, o pedido de reconhecimento de calamidade pública enviado pelo Governo para fazer face à pandemia.

A proposta, que segue agora para o Senado Federal, permite que o Executivo gaste mais do que o previsto e não cumpra as metas fiscais para custear ações de combate à pandemia.

O relator do decreto, o deputado Orlando Silva, afirmou não se tratar de um “cheque em branco”, mas de um crédito ilimitado para o Governo agir perante a crise.

“Ao reconhecer a calamidade pública, o Congresso permite o não cumprimento das metas fiscais, e o Governo vai ter condições de fortalecer o Sistema Único de Saúde, que é o principal instrumento de combate ao coronavírus. Também vai garantir medidas económicas, como mais rendimentos para a população, e ações para impedir a expansão do vírus”, argumentou o deputado.

O presidente do Senado brasileiro, Davi Alcolumbre, que testou positivo para o novo coronavírus, já se manifestou a favor da medida.

O número de mortes no Brasil aumentou para quatro, com o país a registar 428 casos confirmados e 11.278 casos suspeitos, informou o Ministério da Saúde brasileiro.

Apesar de o Executivo não divulgar em que estado as mortes foram registadas, a imprensa local indica que os quatro óbitos ocorreram em São Paulo, a região mais afetada pelo vírus.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Esquemas de Wall Street alimentaram a crise de 2008. Está a voltar a acontecer o mesmo

Bancos têm erroneamente relatado dados de rendimento inflacionados que comprometem a integridade dos valores imobiliários resultantes. Foi há mais de 12 anos que foi anunciada a falência do Lehman Brothers, o quarto maior banco de investimento …

Chelsea e Manchester City preparam-se para sair da Superliga Europeia

Os dois clubes ingleses estão a preparar-se para se retirar formalmente da Superliga Europeia, avança, esta terça-feira, a imprensa britânica. O jornal The Guardian avançou, tal como a generalidade da imprensa britânica, que o Chelsea e …

Rússia planeia clonar e "ressuscitar" um exército cita com 3.000 anos

Há duas décadas, arqueólogos da Sibéria encontraram os restos mortais de guerreiros citas com três mil anos com os seus cavalos na República de Tuva. Agora, a Rússia quer cloná-los. O ministro da Defesa da Rússia …

Levantada imunidade parlamentar a António Gameiro, suspeito na Operação Triângulo

A comissão de Transparência aprovou, esta terça-feira, um relatório favorável ao levantamento da imunidade parlamentar ao deputado António Gameiro (PS), envolvido na "Operação Triângulo". A decisão foi tomada por unanimidade na reunião desta terça-feira da comissão …

Medina confirma que ex-vereador Manuel Salgado é um dos visados na investigação da PJ

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa confirmou, esta terça-feira, que um dos visados na investigação da Polícia Judiciária (PJ) a suspeitas de crimes de abuso de poder e corrupção é o ex-vereador do Urbanismo …

Jeff Bezos quer transformar a Amazon no "melhor empregador da Terra"

O CEO da Amazon admitiu que é preciso fazer mais pelos trabalhadores e revelou que um dos seus principais objetivos é fazer da empresa "o melhor empregador da Terra". As más condições de trabalho a que …

Montenegro "hipotecou-se" à China (e agora quer a ajuda da Europa para se libertar)

Montenegro aceitou um empréstimo gigante da China para construir uma rodovia. Agora, o minúsculo país montanhoso quer ajuda da União Europeia (UE) para pagar a dívida. A situação em Montenegro é o mais recente conflito numa …

Punir os 12 clubes da Superliga Europeia? O tiro pode sair pela culatra

A UEFA ameaça punir os clubes que participem na Superliga Europeia. No entanto, tomar medidas precipitadas pode fazer com que o tiro saia pela culatra. O mundo do futebol foi abalado pelo anúncio de uma Superliga …

Criados 280 postos para vacinar 100 mil pessoas por dia

Duzentos e oitenta postos de vacinação rápida e de resposta reforçada estão a ser criados em todo o país para se conseguir vacinar 100 mil pessoas por dia, disse esta terça-feira à agência Lusa o …

Portugal e França promovem intercâmbio de árbitros nas ligas profissionais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta segunda-feira, que vai promover, juntamente com a Federação Francesa de Futebol (FFF), um intercâmbio de árbitros. "Portugal e França vão promover um intercâmbio de árbitros no seguimento do …