Espanha pede união, França aplica multas e EUA anunciam plano de assistência social

Manuel de Almeida / Lusa

Esta quarta-feira, o rei de Espanha apelou à união, a polícia francesa multou mais de 4.000 pessoas e os Estados Unidos anunciaram um plano de assistência social para as pessoas afetadas pela pandemia de Covid-19.

O ministro do Interior francês, Christophe Castaner, disse esta quarta-feira que nas primeiras 36 horas de quarentena reforçada a polícia multou mais de 4.000 pessoas por circularem na rua sem apresentarem a declaração justificando o motivo.

O nosso objetivo não é sancionar, é proteger os franceses e a melhor maneira de os proteger é convencê-los a ficar em casa, mas temos de ter um elemento de pressão e é por isso que a polícia está mobilizada”, indicou o governante numa entrevista na televisão francesa.

Para circularem na via pública, os franceses precisam de se fazer acompanhar de uma declaração, disponível no site do ministério do Interior, que eles próprios preenchem e onde justificam a saída, declarando por sua honra que não estão a violar as regras em vigor, e que terão de mostrar se abordados pelas autoridades.

Segundo Castaner, a polícia passou mais de 4.095 multas, que começam nos 135 euros e podem chegar quase a 400, em todo o país. As multas podem ser aplicadas caso as pessoas estejam na rua e não apresentem uma justificação para a sua deslocação – os franceses podem sair de casa para trabalhar, ir às compras, ao médico, prestar serviço a um familiar dependente e fazer curtas sessões de exercício físico – ou caso esta esteja mal preenchida.

“Podemos sair, porque não vamos ficar sempre fechados, mas evitamos fazê-lo em grupo. Não vamos jogar futebol com os nossos amigos. Se for necessário, vamos sancionar mais”, avisou o ministro.

Para sair, é preciso ter a declaração em papel e preenche-la todos os dias, assinando-a. Este método é muito contestado porque muitas pessoas não têm impressora em casa, no entanto, o ministro recusou a ideia de ter o documento no telefone.

“Desde logo, as empresas que distribuiriam o justificativo aproveitariam para se apropriar dos dados dos utilizadores. Depois queremos evitar que as pessoas manipulem os telefones e para mostrar aos polícias, podiam estar a contagiá-los”, lembrou.

Apesar de todos os espaços comerciais não alimentares estarem fechados, os mercados a céu aberto continuam abertos, com alguns a serem ainda muito frequentados. O ministro sugeriu aos autarcas, que regulam estes mercados, que proíbam vendedores cuja mercadoria não é alimentar e assegurarem-se que as medidas de segurança sanitária estão a ser cumpridas.

A França tem atualmente 9.134 casos de Covid-19 e 264 pessoas já morreram do vírus.

Rei de Espanha pede ao país para estar unido

O rei de Espanha, Felipe VI, pediu esta quarta-feira aos espanhóis para deixarem de lado as divisões e apelou à união de todos contra o novo coronavírus, uma pandemia que, assegurou, será vencida. “Este vírus não nos derrotará. Pelo contrário, vai-nos fazer mais fortes como sociedade”, disse Felipe VI, numa mensagem institucional.

O soberano recordou os mais afetados pela pandemia e teve palavras de homenagem aos profissionais de saúde. “Agora temos de pôr de lado as nossas diferenças. Devemo-nos unir à volta do mesmo objetivo: ultrapassar esta grave situação. E temos de fazê-lo juntos, entre todos nós, com serenidade e confiança, mas também com decisão e energia”, sublinhou o chefe de Estado.

A mensagem institucional foi feita quatro dias depois de, no sábado passado, o Governo espanhol ter declarado o estado de emergência e numa altura em que a Casa Real espanhola está a ser posta em causa.

Felipe VI anunciou no domingo que renunciava a qualquer futura herança a que tenha direito do seu pai, o rei emérito Juan Carlos, depois de serem reveladas supostas irregularidades financeiras envolvendo o ex-monarca.

Ao mesmo tempo que o rei se dirigia aos espanhóis, 21:00 (20:00 em Lisboa), milhares de pessoas manifestaram-se à janela em todo o país a bater com panelas e a pedir que o pai do soberano, Juan Carlos, doasse ao Serviço Nacional de Saúde o dinheiro que teria recebido de forma ilegal.

Espanha é um dos países mais atingidos com a pandemia da Covid-19, que já infetou em todo o mundo mais de 210 mil pessoas, das quais mais de 8.750 morreram.

Plano de 100 mil milhões de dólares

O Congresso norte-americano aprovou um plano de assistência social de cerca de 100 mil milhões de dólares para trabalhadores diretamente afetados pela pandemia da Covid-19, enquanto a Casa Branca negoceia um plano de recuperação da economia dos EUA.

De acordo com a agência France-Presse, esta medida – apoiada pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump – foi aprovada em votação final global pela maioria republicana no Senado norte-americano, em Washington.

Os cerca de 100 mil milhões de dólares (mais de 91 mil milhões de euros) vão apoiar os trabalhadores norte-americanos afetados pela doença causada pelo novo coronavírus.

O executivo chefiado por Trump também está a negociar um plano para recuperar e estimular a economia dos Estados Unidos da América e que poderá ser de mais de 1,3 triliões de dólares (mais de um bilião de euros).

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Marcelo remete diretamente para o Governo limites ao ruído nos prédios

O chefe de Estado incluiu o detalhe "decreto-lei do Governo", no novo decreto para a renovação do estado de emergência, para permitir que o Executivo limite o ruído nos prédios. No último decreto que executou o …

Clubes ingleses decidiram: não há público, acabou a época

Decisão não afeta a Premier League mas antecipa o final de quatro divisões do futebol inglês. Na época passada os campeonatos também não chegaram ao fim. Muitos dos campeonatos não-profissionais (em várias modalidades) estão parados, não …

Cães podem ter consciência corporal tal como os humanos

Os cães podem não ser capazes de se reconhecer em frente a um espelho, mas isso não significa que não tenham um certo nível de autoconsciência. De acordo com o site Science Alert, um novo estudo …

Moratórias de crédito à habitação terminam a 31 em Março. Famílias terão de procurar opções

Todas as moratória públicas para o crédito à habitação terminam a 30 de Setembro, mas a dos bancos expira já no próximo mês. Uma das soluções para quem não consegue cumprir os pagamentos é a …

Finanças: Mais dinheiro para a TAP só com novo acordo com Bruxelas

O Ministério das Finanças refere que, enquanto não houver a luz verde de Bruxelas ao plano de reestruturação, não há mais apoio público à companhia aérea.  A TAP só garante a liquidez até final de março, …

Primeiros fundos chegam até junho. Costa pede “consenso” no Plano de Recuperação

O ministro do Planeamento, Nelson de Souza, anunciou esta quarta-feira no Parlamento, que os novos subsídios europeus do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) para 2021-2026 chegarão até ao mês de junho. De acordo com o …

Descobertos "ingredientes para a vida" em rochas com 3,5 mil milhões de anos

Investigadores descobriram moléculas orgânicas em formações rochosas super antigas na Austrália, revelando o que dizem ser a primeira evidência detalhada dos primeiros ingredientes químicos que poderiam ter sustentado as formas de vida microbianas primitivas da …

Juventus: FC Porto deverá ter Dybala pela frente (durante 30 minutos)

Uma das figuras do campeão italiano pode reduzir a lista longa de lesionados no plantel. E o regresso deverá acontecer contra o campeão português. Paulo Dybala continua fora dos jogos da Juventus mas há uma data …

A Via Láctea pode estar cheia de "Terras" (com oceanos e continentes)

Uma equipa de investigadores da Universidade da Dinamarca acredita que a Via Láctea pode estar cheia de planetas semelhantes à Terra, com oceanos e continentes. Há muito tempo que os astrónomos vasculham o vasto Universo na …

Podem as leis da Física refutar a existência de Deus?

Se existe um Deus que criou todo o universo e todas as leis da Física, Deus segue as suas próprias leis? Ou pode Deus substituir as suas leis, como viajar mais rápido do que a …