Irão pediu vistos aos EUA para ir à Assembleia Geral da ONU “há meses”, mas nenhum foi entregue

rouhani.ir

O presidente do Irão, Hassan Rohani

O Presidente do Irão ainda não recebeu visto de entrada nos EUA, podendo estar em risco a participação de Hassan Rohani na Assembleia Geral das Nações Unidas, noticiou esta quarta-feira a agência de notícias estatal daquele país.

De acordo com a agência Irna, a delegação escolhida para o evento anual da ONU ainda não saiu do Irão por falta de vistos dos EUA. O ministro dos Negócios estrangeiros iraniano, Mohammad Javad Zarif, deveria viajar na sexta-feira para Nova Iorque, adianta a agência de notícias. O Presidente, Hassan Rohani, deve partir na segunda-feira, dia em que começa a Assembleia Geral das Nações Unidas.

A reunião das Nações Unidas foi apresentada como um possível local de encontro entre os presidentes norte-americano e iraniano, para debater a tensão entre os dois países, agravada no fim de semana passado na sequência dos ataques a instalações da petrolífera saudita Aramco.

Sem excluir por completo a possibilidade, Donald Trump afirmou esta quarta-feira, no entanto, que prefere não se encontrar com o homólogo iraniano à margem da ONU. “Não excluo nada, mas preferia não o encontrar na Assembleia-Geral das Nações Unidas”, em Nova Iorque, afirmou Trump em resposta a um jornalista.

A resposta de Trump, durante um voo do Air Force One  com destino à Califórnia, é dada numa altura em que Washington se diz “seguro” de que Teerão é o autor do ataque com drones que, no sábado, atingiu um campo petrolífero na Arábia Saudita.

Por seu lado, o líder supremo iraniano, Ali Khamenei, descartou esta quarta-feira a possibilidade de negociações “a qualquer nível” com os EUA. “Negociar significa a imposição das exigências dos EUA à República Islâmica e é uma manifestação da vitória da campanha de ‘máxima pressão’ dos EUA” contra o Irão, considerou Khamenei.

A Assembleia-Geral das Nações Unidas abre no dia 24 com a presença dos chefes de Estado ou de altos representantes dos países membros na sede da organização, em Nova Iorque. Os EUA são obrigados a conceder vistos a todos os chefes de Estado e de Governo que queiram participar. Foi uma condição assente entre os EUA e a União Soviética quando a ONU foi criada, em 1945. Os vistos foram pedidos há meses, segundo os iranianos, e nenhum foi entregue.

Irão vai retaliar ataques, EUA aumentam sanções

O governo iraniano advertiu oficialmente os EUA de que vai responder de forma “imediata” a qualquer agressão, reagindo assim à posição de Washington sobre eventuais represálias contra Teerão na sequência dos ataques à petrolífera saudita Aramco.

Entretanto, Donald Trump reagiu ao aviso e anunciou no Twitter que deu instruções ao secretário de Estado do Tesouro norte-americano para “aumentar significativamente” as sanções económicas ao Irão.

“Caso venha a ser levada a cabo qualquer ação contra o Irão haverá uma resposta imediata e o alcance da resposta não se vai limitar a uma ameaça”, refere uma nota oficial publicada esta quarta-feira na imprensa iraniana. “Acabei de dar instruções ao secretário de Estado do Tesouro para aumentar significativamente as sanções ao Irão!”, escreveu o Presidente norte-americano no Twitter.

O documento do governo iraniano foi enviado na segunda-feira à representante dos interesses norte-americanos na embaixada da Suíça na capital do Irão, visto que os EUA não têm relações diplomáticas com a República Islâmica. Na carta, o governo iraniano sublinha que os ataques contra a Aramco “não foram obra do Irão”, condenando e desmentindo as acusações do presidente norte-americano, Donald Trump, e do secretário de Estado, Mike Pompeo.

O ataque de sábado contra a fábrica de Abqaiq e a jazida de Khurais provocou uma queda para metade da produção saudita (5,7 milhões de barris por dia, cerca de 6% do fornecimento mundial) e fez com que o preço do petróleo disparasse.

O preço do barril de petróleo Brent, para entrega em novembro, abriu esta terça-feira no mercado de futuros de Londres, a descer 0,53%, depois da forte subida registada na segunda-feira (subiu 14,59%, para 69,02 dólares).

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Coloridos e selados. Descobertos no Egito sarcófagos com mais de 2.500 anos

As autoridades egípcias anunciaram esta segunda-feira a descoberta de uma coleção de sarcófagos datados de há mais de 2.500 anos, na zona arqueológica de Sakkara, a sul da cidade do Cairo. Em comunicado, citado pela agência …

Nokia vai criar para a NASA a primeira rede móvel operacional na Lua

O grupo finlandês Nokia vai fabricar para a NASA aquela que será a primeira rede móvel móvel na Lua, como parte de um projeto de base humana permanente da agência espacial norte-americana, foi esta segunda-feira …

Sarkozy acusado de "associação criminosa". Investigação sobre ligações à Líbia continua

Nicolas Sarkozy, o antigo Presidente francês, está a ser acusado de "associação criminosa" como parte de uma investigação sobre o financiamento da sua campanha presidencial de 2007, particularmente acerca dos seus alegados vínculos com o …

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em três milénios

A última década foi a mais quente do Oceano Atlântico em quase três milénios, aponta uma nova investigação da Universidade de Massachusetts em Amherst, nos Estados Unidos, e da Universidade de Quebec, no Canadá. As …

NASA apresenta rover "transformer" que vai explorar os penhascos íngremes de Marte

A NASA acaba de apresentar um rover de quatro rodas, denominado DuAxel, que se pode dividir em dois rovers de duas rodas separados. O robô foi projetado para, um dia, explorar alguns dos terrenos mais …

Veneno de vespa pode ter muito "potencial" na composição de antibióticos

Com o passar dos anos, a população começa a ficar mais resistente a certos medicamentos e estes deixam de fazer efeito. Agora, uma equipa de investigadores desenvolveu novas moléculas anti-microbianas a partir do veneno de …

"Ou és infetado ou morres de fome". Trabalhadores da Amazon nas Filipinas denunciam condições precárias

Trabalhadores contratados pela empresa de segurança Ring da Amazon que trabalham em call centers nas Filipinas denunciam condições de trabalho que dizem ser precárias, mostrando-se ainda mais preocupados com a situação por causa da pandemia …

"Momento muito duro". André Almeida sofreu rotura de ligamentos e arrisca paragem longa

O futebolista internacional português André Almeida sofreu uma entorse do joelho direito, que resultou numa “rotura do ligamento cruzado anterior e do ligamento lateral interno”, informou esta segunda-feira o Benfica. O lateral dos encarnados saiu aos …

Apoio à retoma. Empresas com perdas de 25% podem reduzir horário até 33% já esta terça-feira

Empregadores com quebra de faturação igual ou superior a 25% vão poder reduzir até 33% o horário dos trabalhadores, entre outubro e dezembro, segundo a alteração ao regime de retoma progressiva de empresas em crise. O …

Chega quer tornar voto obrigatório e sanções para quem não cumprir

O deputado único do Chega entregou uma nova proposta no âmbito do projeto de revisão constitucional do partido para tornar o voto obrigatório para todos os cidadãos que o possam exercer e sanções para quem …