Presidente da Proteção Civil demitiu-se por “falta de confiança” na ministra

Tiago Petinga / Lusa

A Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa

A Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa

O ex-presidente da Proteção Civil disse ter perdido a “confiança institucional” na ministra da Administração Interna por causa do inquérito aos helicópteros Kamov.

O ex-presidente da Proteção Civil disse, numa carta enviada à ministra da Administração Interna Constança Urbano de Sousa, ter “perdido a confiança institucional” por não lhe ter dado conhecimento das conclusões do inquérito ao caso dos helicópteros Kamov.

“Registo com profundo desagrado o facto de Vossa Excelência ter objetivamente optado por me manter no desconhecimento desta matéria, que se refere diretamente à ANPC e a seus elementos”, escreveu Francisco Grave Pereira, numa carta a que o Diário de Notícias teve acesso.

“Considero esta posição de uma absoluta falta de consideração institucional e pessoal, para mim incompreensível e inaceitáveis”, frisa ainda o antigo responsável pela ANPC.

Nesse sentido, o ex-presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) realça na carta ter perdido a “confiança institucional” na ministra.

Francisco Grave Pereira, que pediu a demissão do cargo na passada terça-feira, afirma na carta ter tido conhecimento no dia 2 de setembro pelo chefe de Estado-Maior do Exército, Rovisco Duarte, do inquérito conduzido pelo Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI).

Na carta, o ex-presidente adianta: “Não podendo ignorar o que a imprensa tem vindo a veicular, não posso deixar de reiterar que as causas do pedido de demissão nada têm a ver com o inquérito da IGAI, cujas recomendações ou conclusões, aparentemente já do domínio jornalístico, ainda desconheço por completo“, sublinhou.

Segundo o DN, esta demissão já levou quer o PSD quer o CDS a anunciar que pretendem ouvir no Parlamento a ministra da Administração Interna e o ex-presidente da ANPC.

Numa altura em que o país continua a ser fustigado pelas chamas, os dois partidos da oposição dizem estar surpreendidos com esta demissão e querem justificações sobre este incidente.

A abertura do inquérito surgiu após a ANPC ter detetado problemas “graves no estado das aeronaves”, que ditaram a impossibilidade de os helicópteros estarem em plena condição de serem operados, durante o processo de transferência dos Kamov para a empresa que ganhou o concurso público de operação e manutenção dos aparelhos para os próximos quatro anos.

O inquérito incidia sobre “as circunstâncias descritas e apuradas durante o processo de consignação dos meios aéreos próprios pesados do Estado, tendo em vista o apuramento de responsabilidades a que haja lugar nesse âmbito”.

Dos seis helicópteros Kamov da frota do Estado, apenas três estão aptos para voar, estando dois inoperacionais por avaria e outro acidentado desde 2012.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. E fez muito bem Sr. Gneral..:Enquanto o Sr e os seus homens davam ao caneco a Srª Ministra andava nas revistas sociais a pavonear-se, em festas do social. Mas nada se passa, fosse noutro registo e o BE e o PCP apareciam logo a exigir as demissões de tudo e de todos.

    Mudam-se os tempos e mudam-se as vontades….Hipocrisia pura e dura desta gente de esquerda unidos apenas pelos mínimos olímpicos que era afastar quem ganhou as eleições….

    • Só quem é burro é que não consegue entender a estratégia do BE e PCP. Querem mas é que o estado tome conta dos montes como acontece nos países com a política deles! Quando se corta uma árvore, metade vai para o estado, por isso, a limpeza deveria ser feita pelo mesmo. Onde estão os guardas florestais? Enganem-me que eu gosto.

  2. Esta ministra nao tem sentido do dever, porque se tivesse, nos momentos críticos , neste caso incêndios, devia estar no local a dar animo e apoio as pessoas, mas a não, estava a tirar fotos numa festarola de revista cor de rosa. E é isto uma ministra. So nesta republica das bananas.

  3. Comprova-se mais uma vez a impreparação , incapacidade e mais não digo , de quem ocupa cargos “de ministro” . É assim , lamentavel , pouco ´lá fazem .

  4. Pois olha, eu, como contribuinte, perdi a confiançaem ti ó nodoa!
    Temos sido fustigados por incendios em barda neste ano, e este cretino, ao que sabe, só tem dado barraca.
    Se há criticas injustas esta é uma delas. Embora esta senhora tenha uma evidente falta de dotes de comunicação com os “media” , tem um trabalho reconhecido e meritoso junto das polícias e dos bombeiros voluntários. Este cromo deve ter é inveja.
    Quanto aos Kamov, acho graça a estes imbecis do PSD/CDS. Foi no governo deles, com o ministro Macedo, que atribuiram a operacionalidade dos mesmos, o que incluia revisões etc, a uma empresa de amigos deles. Agora que deu merda, a culpa é desta ministra? Vão se mas é catar! Caras de pau, sem vergonha!

  5. Então este pedaço de lixo é que não tem confiança na ministra?!
    O país é que não tem confiança nenhuma em ti, seu mafioso incompetente!!
    Basta ver o “excelente” serviço que tens feito…

Os animais perdem o medo dos predadores depois de contactarem com o Homem

Uma nova investigação concluiu que os animais selvagens perdem rapidamente o medo dos seus predadores depois de entrarem em contacto com o Homem. A maioria dos animais selvagens, como é o caso dos leões, exibe …

Há mais 884 casos confirmados e oito óbitos por covid-19 em Portugal

De acordo com o último boletim divulgado epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista, este sábado, mais oito óbitos e 884 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Assim, Portugal contabiliza, desde o início da …

Negros norte-americanos estão a comprar armas em valores recorde

O número de afro-americanos a comprar armas aumentou drasticamente. Em causa, estará uma resposta ao agravar das tensões sociais no país devido ao movimento Black Lives Matter. Nos Estados Unidos, os protestos do movimento Black Lives …

Sporting paga 5 milhões e "rouba" Bruno Tabata ao Braga

O Sporting conseguiu 'roubar' Bruno Tabata ao Sporting de Braga. O extremo do Portimonense assina pelos 'leões' num contrato válido por cinco temporadas. Bruno Tabata está a caminho do Sporting CP, avança este sábado o jornal …

Há (pelo menos) 16 escolas com casos de covid-19, mas não há dados oficiais

Nem o Ministério da Educação, nem a Direcção Geral de Saúde (DGS) revelam o número de casos de covid-19 nas escolas, depois da reabertura do ano lectivo. Mesmo sem dados oficiais, é possível contabilizar, pelo …

Deixar Bilbau não dá bom resultado (lembra-se da grande equipa de Bielsa?)

Javi Martínez tenta contrariar a tendência dos seus antigos companheiros de equipa no famoso Atlético de Bilbau, que só aceita no seu plantel futebolistas nascidos no País Basco ou com ascendência familiar basca. Javi Martínez, herói …

Tatuagens racistas, saias curtas, cabelos e bigodes estranhos proibidos na PSP

Os polícias que tenham tatuagens com símbolos, palavras ou desenhos de natureza partidária, extremista, racista ou que incentivem à violência têm seis meses para as remover, de acordo com novas normas da PSP que também …

Republicação das caricaturas de Maomé foi o motivo do ataque junto ao Charlie Hebdo

A republicação das caricaturas de Maomé terá estado na origem do ataque junto ao edifício da antiga redação do jornal satírico Charlie Hebdo, confessou o principal suspeito. Quatro pessoas foram esta sexta-feira feridas, duas das quais …

Segunda vaga pode matar menos (mesmo com novos casos a disparar)

Os especialistas acreditam que a segunda vaga de covid-19 em Portugal vai ser menos letal, embora o número de novos casos diários possa vir a ser "muito elevado". Isto porque temos a lição mais bem …

BCP disponível para fusão com o Montepio

Na eventualidade de ser necessária uma intervenção, o Millennium BCP mostrou-se disponível para uma fusão com o Banco Montepio. Esta hipótese foi apresentada pela instituição bancária numa reunião com o ministro das Finanças, João Leão. O …