“É prematuro estar a aligeirar medidas” na região de Lisboa

José Sena Goulão / EPA

Esta sexta-feira, António Costa considerou que ainda é preciso acompanhar “dia a dia” a evolução da pandemia em Portugal, relembrando que na próxima segunda-feira haverá um conselho de ministros extraordinário.

À saída da reunião com autarcas, em Loures, António Costa referiu que a situação está sob controlo em todo o território nacional, mas frisou que “não devemos desvalorizar o facto de, em alguns locais muito precisos, haver uma taxa de incidência muito elevada”.

O primeiro-ministro reconheceu que a nova metodologia permitiu estabilizar o aparecimento de novos casos, mas afirmou que “seria prematuro, neste momento, estar a aligeirar as medidas neste território”.

“Creio que é, neste momento, consensual entre todos. Isto é um processo dinâmico, todos os dias há novos dados”, pelo que, “temos de ir acompanhando dia a dia a evolução da situação”, afirmou António Costa, citado pelo Sol.

Em relação ao caso concreto de Loures, o governante chamou a atenção para a alteração de focos muito precisos, que se acabam por dispersar, “o que exige da parte das equipas um esforço acrescido”, vincou, salientando ser diferente trabalhar intensamente num determinado bairro e correr múltiplas ruas com uma extensão significativa.

Já sobre o facto de Portugal estar a ser colocado em listas vermelhas de alguns países devido aos vários surtos existentes, Costa lembrou que sempre afirmou que, a partir do momento que Portugal fosse saindo do confinamento para uma normalização da vida, o risco de contágio necessariamente aumentaria.

O país tem “focos muito localizados”, como o caso dos lares, no entanto, isso “não significa a expansão do vírus na comunidade”, sublinhou o primeiro-ministro. Com exceção da Area Metropolitana de Lisboa, António Costa garantiu que a situação é “absolutamente tranquila”.

“Sem prejuízo da realidade que temos todos presente: até haver vacina, o vírus vai continuar a estar aí”, disse, considerando assim injusta a decisão de alguns países. “É injusto incluir Portugal em listas vermelhas, quem veja essas classificações parece que estamos numa situação de risco muito elevado.”

“Há países que só testam situações sintomáticas, há outros que testam assintomáticos. Há outros que só testam casos suspeitos, outros que vão à procura de grupos específico. Tudo isto gera discrepâncias na realidade”, considerou, sublinhando a política portuguesa de testagem massiva.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Príncipes da Torre". Um dos crimes mais misteriosos de sempre pode ter sido resolvido

Novas evidências sugerem que Ricardo III pode mesmo ter ordenado o assassinato de dois príncipes em Inglaterra. É talvez uma das maiores histórias de mistério de assassinato da história britânica — um jovem rei e o …

Acordo de Concertação prevê licenças e apoios fiscais à formação

Já se conhecem algumas das medidas previstas no Acordo de Formação Profissional e Qualificações, assinado ontem pelo governo, confederações patronais e UGT. O governo, as confederações patronais e a UGT assinaram, esta quarta-feira, o Acordo de …

Relatório do Novo Banco estilhaça PSD. Pinto Luz sai em defesa de Passos Coelho e critica Rui Rio

Esta quarta-feira, Miguel Pinto Luz, vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, deixou duras críticas ao atual líder do PSD depois de o partido ter aprovado o relatório que acusa o Governo de Pedro Passos Coelho …

Cientistas "encontraram" a válvula de Nikola Tesla nos intestinos de tubarões

Cientistas descobriram que os intestinos de tubarões funcionam de forma semelhante à famosa válvula unidirecional de Nikola Tesla, criada há mais de 100 anos. Pela primeira vez, cientistas fizeram exames 3D de intestinos de tubarão para …

Recolher obrigatório, limitação horária nos restaurantes e restrições por concelho podem acabar hoje

Na reunião de terça-feira no Infarmed, os peritos concluíram haver condições para começar a aliviar algumas das medidas restritivas em vigor. Em Conselhos de Ministros, que se irá realizar hoje, o Governo irá definir novas …

Alerta de tsunami no Alasca depois de sismo de magnitude 8.2

A península do Alasca, a oeste dos Estados Unidos, foi atingida por um sismo de magnitude 8.2 na noite de quarta-feira (7h15 de quinta-feira em Lisboa) e já foi lançado um alerta de tsunami na …

Conselho de Ministros reúne-se para discutir próximos passos no desconfinamento

O Conselho de Ministros reúne-se esta quinta-feira para decidir os próximos passos no processo de abertura do país, dois dias depois de especialistas terem sugerido a evolução das medidas de restrição de acordo com a …

Capacete magnético mostra-se eficaz na redução de tumor cerebral

O diagnóstico de um cancro é sempre complicado, mas há partes do corpo onde a presença da doença pode ser mais ameaçadora. É o caso do glioblastoma, um tipo de cancro cerebral, que se não …

Engenheiros japoneses fizeram levitar objectos com "armadilha acústica"

Engenheiros japoneses descobriram uma forma de fazer pequenos objectos levitar usando apenas ondas sonoras, o que pode ser um passo importante para a tecnologia. A engenharia biomédica, o desenvolvimento de farmacêuticos e a nanotecnologia podem vir …

Juno fez a maior aproximação a Ganimedes das duas últimas décadas (e as imagens são de cortar a respiração)

A NASA divulgou, recentemente, um vídeo da sonda Juno a passar por Júpiter e Ganimedes, uma das suas luas. As imagens são de cortar a respiração. Juno visitou Ganimedes em junho. As imagens foram captadas no …