Portugal tem 30 mil vagas de emprego por preencher

José Sena Goulão / Lusa

O número de empregos vagos continua a aumentar em Portugal. No terceiro trimestre de 2018, 30.031 postos de trabalho não tinham candidatos, apesar de os centros de emprego contabilizarem mais de 334 mil desempregados.

De acordo com o Correio da Manhã, o comércio e a restauração são as atividades com mais vagas por preencher: um total de 9.876. Porém, foi o setor da construção o que registou um maior aumento de postos de trabalho sem candidatos, totalizando uma subida de quase 50%.

Ao todo, os empregos vagos no país atingiram, no terceiro trimestre, 1% do total do emprego, ultrapassando os 30 mil postos de trabalho vagos. Apesar disso, de acordo com o IEFP (Instituto do Emprego e Formação Profissional), 334.897 pessoas estavam registadas em centros de emprego, em novembro – embora apenas 139.732 recebam o subsídio de desemprego.

Das vagas, cerca de 33% registam-se no comércio, na restauração e reparação de veículos, com quase dez mil postos por ocupar.

Arménio Carlos, líder da CGTP, justifica estes números com “os salários baixos e os vínculos precários“. “São condições que estão longe de corresponderem às expetativas dos trabalhadores”, defendeu o sindicalista ao mesmo jornal.

De facto, entre junho de 2017 e junho de 2018, a economia portuguesa criou 133 mil empregos mas, nem por isso a precariedade deu sinais de abrandar. Dos 133 mil novos postos de emprego, quase 29 mil foram de caráter temporário.

O aumento do número de empregos vagos foi mais significativo nos grupos de “especialistas das atividades intelectuais e científicas” (49,6%), segundo as Estatísticas dos Empregos Vagos relativas ao terceiro trimestre de 2018.

Por outro lado, foram “observadas reduções de valor mais expressivo no grupo de operadores de máquinas e trabalhadores de montagem”, cujos postos vagos caíram 17,4% face ao terceiro trimestre de 2017.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Salários baixos, vínculos precários e na sua maioria exigem experiência prévia! Tudo isso juntando à localização dos postos de trabalho não compatível com a distância da morada dos desempregados e é fácil justificar o não preenchimento das vagas. Muitos, mesmo tendo experiência e devido aos custos de deslocação teriam que pagar para trabalhar para ocupar essas vagas.

  2. Resta saber quantos desses empregos são reais, porque as pessoas enviam currículos, nem resposta lhes dão e passados alguns dias tornam a aparecer os mesmos anúncios…

    • Os empresários/empresas são uns malandros; colocam anúncios, não respondem e depois voltam a colocar… não devem ter mais nada para fazer!…

      • Pois, pelos vistos não. Falas bem porque precisas de procurar emprego. Aproveita enquanto tens. Se estivesses na mesma situação vias que é verdade e não são assim tão poucos…

  3. Se fossem empregos no desgoverno, com salários altos e que para concorrer bastasse apenas uma entrevista, já estava tudo ocupado. São empregos para o salário mínimo, exigem experiência, muitas habilitações, falar e escrever francês e inglês, não ter mais de 25 anos e sem contrato. A gente sabe como é. Depois de trabalharem vários anos são postos no olho da rua e metem outros aos quais lhe fazem o mesmo. Meu rico tempo do Salazar que as pessoas entravam logo para o quadro de qualquer empresa, havia fiscais de trabalho e nem se podia estar mais um minuto no local de trabalho com medo dos fiscais!

  4. … o tecido empresarial português não presta, raríssimas exceções. O empresário português está acostumado a sobreviver com salários de fome e com ajudas de estado do compadrio, infelizmente é o nosso pão de cada dia, enviasse CV e … temos exposto os resultados pelos pósteres acima. Uma miséria autentica, autentico descalabro empresarial e o IEFP não fica nada atras.

NASA gravou acidentalmente a explosão de um cometa a aproximar-se do Sol

Astrónomos usaram dados do telescópio espacial TESS para estudar a explosão de um cometa durante a sua aproximação ao Sol. A investigação resultou num artigo publicado em novembro na revista científica Astrophysical Journal Letters. Foi a …

Objeto de Hoag é uma galáxia dentro de uma galáxia (que está dentro de outra galáxia)

Se observar atentamente a Constelação da Serpente poderá ver uma galáxia dentro de uma galáxia que, por sua vez, está dentro de outra galáxia. Este grande mistério do Universo é conhecido como Objeto de Hoag. Descoberto …

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …