Portugal revalida título de melhor destino europeu nos “Óscares do Turismo”

Portugal voltou, pelo segundo ano consecutivo, a ser escolhido como o melhor destino turístico europeu nos World Travel Awards, tidos como os “Óscares” do turismo mundial, enquanto Lisboa foi eleita a Melhor Cidade Destino da Europa.

Na Gala Europa, que decorreu em Atenas e na qual Portugal arrecadou 36 prémios, o país revalidou o título conquistado em 2017, impondo-se aos restantes nomeados: Áustria, Inglaterra, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Noruega, Espanha, Suécia, Suíça e Turquia.

Presente na cerimónia realizada na noite de sábado, a Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, considerou que “receber o ‘óscar’ de Melhor Destino Europeu pelo segundo ano consecutivo é algo que enche de orgulho e prova que Portugal continua no top das preferências dos turistas internacionais”.

“Estes resultados mostram que a nossa estratégia está claramente a dar frutos e que o mundo olha para Portugal como um exemplo, e também nos motivam para continuarmos o trabalho de qualificação da oferta e dos destinos, alargando o turismo a todo o território e ao longo de todo o ano, tornando-o cada vez mais sustentável”, acrescentou a governante, citada em comunicado.

A longa lista de ‘óscares’ para Portugal inclui ainda o Melhor Destino Citadino da Europa para Lisboa, que, pelo terceiro ano consecutivo, conseguiu o galardão como Melhor Porto de Cruzeiros.

Na competição das cidades, Lisboa ficou à frente das votações de Amesterdão, Barcelona, Londres, Paris, Roma e Veneza, um feito inédito já destacado pelo diretor-geral da Associação Turismo de Lisboa, Vítor Costa.

“A conquista de Melhor Cidade Destino da Europa é histórica para Lisboa, pois já recebemos inúmeros prémios, mas este ainda não tinha sido conquistado. O facto de estarmos a estabelecer os níveis de qualidade a que outras cidades devem aspirar, deixa-nos muito orgulhosos do trabalho que tem sido feito ao longo dos anos”, acrescentou o dirigente, citado em comunicado.

Em 2017, a capital portuguesa recebeu um total de 521 mil passageiros de cruzeiros, segundo o Turismo de Lisboa, que acrescentou que a “expectativa é que esse número possa aumentar este ano, sobretudo o de passageiros que começam ou acabam o cruzeiro na capital portuguesa”.

No final do ano passado, Lisboa tinha sido distinguida nos ‘óscares’ como Melhor Destino Mundial para City Break.

A longa lista de distinções conquistadas, a nível europeu, este sábado por Portugal inclui ainda o melhor destino insular, através da Madeira, e melhor organismo de turismo europeu, pelo Turismo de Portugal.

Os Passadiços do Paiva conquistaram os ‘óscares’ em termos de melhores destinos europeus de aventura e projeto de desenvolvimento, tendo a TAP sigo distinguida pelas ligações à África e América do Sul, assim como a sua revista de bordo Up, enquanto onze hotéis ultrapassaram os seus concorrentes europeus em diversas categorias.

A Grande Gala final destes ‘óscares’ decorrerá a 1 de dezembro, em Lisboa.

Para o próximo ano será a Madeira a receber a gala das distinções a nível europeu.

Os World Travel Awards surgiram em 1993 para “reconhecer, premiar e celebrar a excelência entre os setores da indústria do turimo”, define a própria organização na sua página de Internet.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vem aí um novo ecoponto (e vai ser castanho)

A partir de janeiro de 2024, todos os Estados-membros da União Europeia vão ser obrigados a ter um quarto contentor para a recolha seletiva do lixo. Desta vez, será castanho e passará a estar nas ilhas …

Federação Portuguesa de Futebol condena jogadores por viciação de resultados

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol condenou dois futebolistas e dois treinadores por manipulação de resultados no âmbito do caso "Jogo Duplo". O Público chama-lhe "uma decisão histórica". No âmbito do caso "Jogo …

Diferendo entre Galp/REN e ERSE pode custar 179 milhões de euros aos consumidores

As empresas de gás da Galp e da REN Portgás voltaram a impugnar as tarifas reguladas publicadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) e avançaram com o décimo processo judicial. Caso vençam, os clientes …

Salário mínimo de 700 euros "é perfeitamente razoável", diz líder da CIP

O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), António Saraiva, considerou que é "perfeitamente razoável" que o salário mínimo nacional (SMN) alcance os 700 euros durante a próxima legislatura. “Parece-me tão razoável como pode parecer outro …

Descoberto caminho de peregrinos mandado construir por Pôncio Pilatos em Jerusalém

Um caminho em pedra que terá sido usado há cerca de 2000 anos por peregrinos e mandado construir por Pôncio Pilatos foi descoberto perto do Monte do Templo, em Jerusalém, com uma centena de moedas …

Canadá. Trudeau luta por segundo mandato depois de meses de casos polémicos

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, corre o risco de perder a maioria nas legislativas de segunda-feira, tornando-se o primeiro chefe de governo canadiano apoiado por uma maioria parlamentar a falhar a reeleição desde 1935. Para …

Exumação de Francisco Franco já tem data marcada

Os restos mortais do ditador espanhol serão trasladados, esta quinta-feira, da Basílica do Vale dos Caídos, em Madrid, para o cemitério Pardo, nos subúrbios da capital espanhola. Em comunicado, o Governo espanhol adianta que, esta quinta-feira, …

"Sabe a muito pouco." Costa não tem "um Governo de combate"

No habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes disse que o novo Governo de António Costa não é novo, mas antes um "remodelação do anterior". "O primeiro erro político de António Costa" é, para …

A terceira eliminatória da Taça de Portugal deixou a sua "elite" ainda mais reduzida

Sete equipas da I Liga de futebol tombaram na terceira eliminatória da Taça de Portugal. A próxima ronda vai ter mais equipas do Campeonato de Portugal do que da "elite". A terceira eliminatória da Taça de …

Brexit volta a jogar-se no Parlamento. Presidente dos Comuns poderá travar nova votação

O Governo britânico, liderado pelo primeiro-ministro Boris Johnson, vai tentar aprovar o acordo alcançado para o Brexit no Parlamento esta segunda-feira, mas o Presidente da Câmara dos Comuns pode bloquear a nova votação. O sábado passado …