Portugal revalida título de melhor destino europeu nos “Óscares do Turismo”

Portugal voltou, pelo segundo ano consecutivo, a ser escolhido como o melhor destino turístico europeu nos World Travel Awards, tidos como os “Óscares” do turismo mundial, enquanto Lisboa foi eleita a Melhor Cidade Destino da Europa.

Na Gala Europa, que decorreu em Atenas e na qual Portugal arrecadou 36 prémios, o país revalidou o título conquistado em 2017, impondo-se aos restantes nomeados: Áustria, Inglaterra, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Noruega, Espanha, Suécia, Suíça e Turquia.

Presente na cerimónia realizada na noite de sábado, a Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, considerou que “receber o ‘óscar’ de Melhor Destino Europeu pelo segundo ano consecutivo é algo que enche de orgulho e prova que Portugal continua no top das preferências dos turistas internacionais”.

“Estes resultados mostram que a nossa estratégia está claramente a dar frutos e que o mundo olha para Portugal como um exemplo, e também nos motivam para continuarmos o trabalho de qualificação da oferta e dos destinos, alargando o turismo a todo o território e ao longo de todo o ano, tornando-o cada vez mais sustentável”, acrescentou a governante, citada em comunicado.

A longa lista de ‘óscares’ para Portugal inclui ainda o Melhor Destino Citadino da Europa para Lisboa, que, pelo terceiro ano consecutivo, conseguiu o galardão como Melhor Porto de Cruzeiros.

Na competição das cidades, Lisboa ficou à frente das votações de Amesterdão, Barcelona, Londres, Paris, Roma e Veneza, um feito inédito já destacado pelo diretor-geral da Associação Turismo de Lisboa, Vítor Costa.

“A conquista de Melhor Cidade Destino da Europa é histórica para Lisboa, pois já recebemos inúmeros prémios, mas este ainda não tinha sido conquistado. O facto de estarmos a estabelecer os níveis de qualidade a que outras cidades devem aspirar, deixa-nos muito orgulhosos do trabalho que tem sido feito ao longo dos anos”, acrescentou o dirigente, citado em comunicado.

Em 2017, a capital portuguesa recebeu um total de 521 mil passageiros de cruzeiros, segundo o Turismo de Lisboa, que acrescentou que a “expectativa é que esse número possa aumentar este ano, sobretudo o de passageiros que começam ou acabam o cruzeiro na capital portuguesa”.

No final do ano passado, Lisboa tinha sido distinguida nos ‘óscares’ como Melhor Destino Mundial para City Break.

A longa lista de distinções conquistadas, a nível europeu, este sábado por Portugal inclui ainda o melhor destino insular, através da Madeira, e melhor organismo de turismo europeu, pelo Turismo de Portugal.

Os Passadiços do Paiva conquistaram os ‘óscares’ em termos de melhores destinos europeus de aventura e projeto de desenvolvimento, tendo a TAP sigo distinguida pelas ligações à África e América do Sul, assim como a sua revista de bordo Up, enquanto onze hotéis ultrapassaram os seus concorrentes europeus em diversas categorias.

A Grande Gala final destes ‘óscares’ decorrerá a 1 de dezembro, em Lisboa.

Para o próximo ano será a Madeira a receber a gala das distinções a nível europeu.

Os World Travel Awards surgiram em 1993 para “reconhecer, premiar e celebrar a excelência entre os setores da indústria do turimo”, define a própria organização na sua página de Internet.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Consumo de vinho aumentou "acentuadamente" durante confinamento

Um estudo europeu divulgado esta segunda-feira concluiu que a frequência do consumo de vinho "aumentou acentuadamente" em Espanha, França, Itália e Portugal com o confinamento e que as principais fontes de abastecimento foram os supermercados …

João Félix lesiona-se a poucos dias do regresso da La Liga

João Félix contraiu uma lesão no ligamento lateral interno do joelho esquerdo durante um treino, informou esta segunda-feira o Atlético de Madrid. "João Félix sofreu uma entorse do ligamento colateral medial de baixo grau do joelho …

"Agiu com responsabilidade, legalidade e integridade". Boris Johnson segura assessor

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, apoiou este domingo o seu principal conselheiro, Dominic Cummings, acusado de violar as regras de confinamento impostas para combater a pandemia covid-19, assegurando que o assessor agiu legalmente e com …

Dieselgate. Volkswagen condenada a indemnizar cliente

A justiça alemã condenou hoje a Volkswagen a indemnizar em parte um cliente que comprou um automóvel equipado com um motor diesel falsificado, numa sentença que deve influenciar dezenas de milhares de processos cinco anos …

Caso prazo das moratórias não seja alargado "terão de ser criadas outras medidas extraordinárias"

Caso as "as moratórias dos créditos não forem prolongadas, ou o Governo ou a Assembleia da República terão de criar outras medidas extraordinárias para as apoiar", disse a coordenadora do Gabinete de Proteção Financeira (GPF) …

Santuário de Fátima retoma no sábado celebrações com presença de peregrinos

O Santuário de Fátima vai retomar as celebrações com a presença de peregrinos a partir de sábado, garantindo as condições de segurança para o maior número de pessoas. O Santuário de Fátima, no concelho de Ourém, …

Ex-ministro da Saúde da Bolívia em prisão preventiva por suspeitas de corrupção

O ex-ministro da Saúde da Bolívia foi detido, na semana passada, por suspeita de corrupção na compra de ventiladores. O ex-ministro da Saúde da Bolívia, detido na última semana por suspeita de corrupção na compra a …

OMS considera cada vez mais improvável segunda grande vaga

A diretora do departamento de Saúde Pública da Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou hoje que é "cada vez mais" improvável uma segunda grande vaga do novo coronavírus, mas aconselhou muita prudência. Em entrevista à rádio …

Açores reabrem creches e jardins de infância. Aulas de 11.º e 12.º também em São Miguel

As respostas sociais, encerradas devido à pandemia, reabrem esta segunda-feira no Pico, Faial, Terceira e São Jorge, e na ilha de São Miguel são retomadas as aulas dos 11.º e 12.º anos para alunos inscritos …

"Há muita gente a passar fome" no sector das Artes (alguns artistas receberam 50 euros de apoio)

Não vai haver condições para abrir muitas salas de espectáculos a 1 de Junho, como está permitido, alerta-se no sector das Artes, onde há "há muita gente a passar fome". Alguns artistas só conseguiram receber …