Portugal poderá ter cinco vezes mais infetados do que os casos confirmados

Manuel de Almeida / Lusa

Epidemiologistas do Imperial College de Londres estimam que o número de infetados por covid-19 em Portugal seja cinco vezes superior aos casos confirmados.

O número de infetados por covid-19 em Portugal pode ser bem maior do que aquilo que se estima. Uma estimativa de epidemiologistas do Imperial College de Londres aponta que Portugal terá cinco vezes mais infetados do que os casos confirmados até ao momento. Os especialistas sugerem que 80% dos infetados em Portugal estejam assintomáticos ou com sintomas ligeiros.

Neste panorama, as pessoas ainda não foram testadas, mas ainda podem ser agentes de transmissão do novo coronavírus. Assim sendo, até 4 de abril, em vez dos 5.354 casos confirmados, Portugal poderá ter registado mais de 26 mil pacientes infetados por covid-19.

Segundo o Observador, o modelo estima ainda que, com alguns dados mais atualizados, o número de casos em Portugal até poderia chegar aos 39 mil. Esta estimativa eleva o número de infetados para um valor sete vezes superior ao registados oficialmente pela Direção-Geral de Saúde.

Com base no modelo do Imperial College, Ruy Ribeiro, epidemiologista da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, acredita que atualmente o número de infetados em Portugal possa rondar as 81.699 pessoas.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pelo organismo liderado por Graça Freitas, que expressa os números registados até à meia noite deste sábado, há agora 16.585 casos positivos em Portugal, mais 598 casos do que neste sábado.

Trata-se de um crescimento de 3,7% no que respeita a novos casos de covid-19 diagnosticados, ligeiramente superior à registada neste sábado (3,3%).

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já provocou mais de 107 mil mortos e infetou mais de 1,7 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Dos casos de infeção, quase 345 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. … irrita-me que isto ainda seja novidade para alguém.
    Desde o início (quando os testes ainda eram minimamente suficientes para não afectarem a contagem) se sabe que os assintomáticos representam 4 ou 5 vezes mais que os casos confirmados. A partir do momento em que os testes começaram a ser racionados ( e não racionalizados como diz o governo) o numero real de infectados é uma incógnita, mas continuo a achar que ande nas 5 vezes mais (sou um gajo optimista).
    Mas isto só importa para que se entenda a necessidade do afastamento social ou do uso generalizado e obrigatório de máscaras por todos (a minha hipótese preferida para não travar a economia),
    atenção: máscaras simples, não para protecção própria, mas dos outros, não confundir com o equipamento de protecção pessoal.
    É impossível saber actualmente quem é portador do vírus, e todos os infectados (e mesmo alguns que ainda nem estão) são fontes de contágio.
    Só assim se mantém a doença em números minimamente suportáveis pelo SNS, mas nada de ter medo, basta apenas sermos responsáveis por nós e pelos outros e encontrar soluções eficazes, os problemas começam quando alguns se acham “superiores” e circulam sem qualquer cuidado pelos demais.
    Por mim garantia-se os milhões de máscaras (o fabrico nacional é fácil e barato) é um investimento bem menor que o prejuízo actual, e começava-se gradualmente a retomar o trabalho, com o máximo de higiene e máscaras obrigatórias e multas a quem não as usar. A recessão que se aproxima assusta-me muito mais que a doença.

  2. Os Epidemiologistas do Imperial College de Londres descobriram agora a pólvora, qualquer pessoa com dois dedos de testa sabe que se fossem fazer testes a todos os cidadãos seja em Portugal ou em qualquer outro País iam-se descobrir muitos mais infectados, mas nem Portugal nem nenhum País tem meios suficientes para fazer testes a toda a população de um dia para o outro nem meios humanos para os realistar, um pouco mais de honestidade não lhes fazia mal, podiam dizer o porque de não sabermos se há mais infectados.

    • Completamente de acordo. Mas se por prevenção (como mandam as normas) continuarmos a manter as distâncias entre pessoas e/ou em certos casos usar máscara, não haverá propagação.

      • Pois, o pior é que há por aí muitos inteligentes que fazem de conta que está tudo bem, que se riem dos que tentam prevenir-se, que mantêm cafés abertos pelas traseiras, que mantêm infectados a trabalhar em grandes superfícies, e até beijam a cruz em Dia de Páscoa!!!
        Com este gaijedo assim, como é que nos iremos safar?

    • Manda bitaites, não ! Alerta para aquilo que a DGS e o governo querem, que é encobrir a verdade aos portugueses. No tempo da outra senhora, também se encobria a verdade, de forma escandalosa. Lembram-se da mentira que foi o encobrir dos milhares e milhares de mortos nas fortíssimas cheias do vale do Tejo ?

      • Essa cabecinha alucinada é que te deve andar a “encobrir a verdade”!…
        Comparações entre a agora considerada 7a melhor democracia do mundo e a ditadura tambem já revelam muito da confusão que vai nessa cabecinha!….

    • Ora bem, isso mesmo.
      Só em Inglaterra são cerca de 50 milhões de habitantes.
      Tendo em conta as últimas eleições e o primeiro ministro devem estar muito infectados
      🙂

  3. Os dados revelam uma realidade algo diferente visto que com o aumento do número de testes (o artigo do Imperial College é de 04/04/2020), a subida de casos em Portugal tem-se mantido estável. A maior falha em Portugal foi ter-se descurado, logo no início, os lares de idosos. Parece que ninguém pensou nisso, o que é normal, visto que se trata de um vírus novo que só se vai conhecendo com o evoluir da pandemia.
    https://www.worldometers.info/coronavirus/

Super-vulcão Yellowstone registou 91 terramotos em apenas 24 horas

Os vulcanólogos têm andado atentos ao super-vulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos. O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) relatou recentemente a ocorrência de 91 terremotos em apenas 24 horas. Estes …

Cartoonista alemão Frank Hoppmann é o vencedor do 15.º World Press Cartoon

O 'cartoonista' alemão Frank Hoppmann, com a caricatura do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, é o vencedor da 15.ª edição do World Press Cartoon, foi hoje anunciado nas Caldas da Rainha, na cerimónia de entrega de …

Pequena e funcional. Assim se carateriza a Tiny House (que ainda evita dores de joelhos)

Esta pequena casa móvel pode ser a solução que procura. Devido à sua arquitetura dinâmica é ótima para pessoas com problemas de articulações e que sofrem com dores joelhos, pernas cansadas ​​ou dores nas costas. Hoje …

Chama-se Elios, é um drone e vai explorar as profundezas das cavernas de gelo da Gronelândia

Elios é o drone que está a ajudar os investigadores a descobrirem mais sobre os mistérios da Gronelândia. Inserido numa estrutura própria, tem explorado as cavernas de gelo, facilitando assim o acesso a locais mais …

Milhares de pássaros migratórios estão (misteriosamente) a morrer no Novo México

Um elevado número de pássaros migratórios está a morrer em todo o Novo México, numa misteriosa mortalidade em massa que está a preocupar os cientistas. Estima-se que o número de pássaros mortos seja de centenas de …

Crianças inspiram Lego a livrar-se de todas as embalagens de plástico

As peças da Lego podem acabar no oceano durante mais de mil anos, mas os fabricantes dinamarqueses estão a tentar tornar a empresa ecologicamente correta. Na sua última promessa, a Lego vai começar a usar sacos …

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …