Jacob Blake. Polícia prende suspeito de 17 anos por morte de dois manifestantes em Wisconsin

Tannen Maury / EPA

O terceiro dia de protestos antirracistas em Kenosha, nos Estados Unidos, provocados pelo abuso policial de que Jacob Blake, alvejado nas costas foi alvo, resultou em dois mortos. A polícia deteve já um suspeito com 17 anos.

De acordo com a CNN, um homem que se identifica no Facebook como CJ Halliburton, e que diz ser jornalista, estava a fazer um direto para a rede social durante os protestos de terça-feira quando ouviu disparos. Sem desligar o vídeo, correu na direção do som para perceber o que tinha acontecido e, quando chega ao local, ouve gritos e vê pessoas a correr.

“Ele baleou aquele rapaz no estômago”, disse Halliburton. “As pessoas estão a ser baleadas à nossa volta”. Ao fundo, pode ouvir-se: “Preciso de um médico!”.

As autoridades de Kenosha, no estado de Wisconsin, nos Estados Unidos, anunciaram a detenção de um suspeito de 17 anos pela morte de dois manifestantes antirracistas.

David Beth, responsável pela polícia de Kenosha, disse, em declarações ao jornal norte-americano The New York Times, que está em curso uma investigação para perceber se o tiroteio resultou de um conflito entre os manifestantes e um grupo de homens armados que protegiam lojas.

O Facebook também está a investigar a atividade na rede social relacionada com o tiroteio de terça-feira. Um grupo chamado Kenosha Guard (“guarda de Kenosha”) promoveu um evento chamado “Cidadãos armados para proteger as nossas vidas e a nossa propriedade”, no qual 2.600 utilizadores disseram que marcariam presença. O evento foi removido pelo Facebook por violar a política da empresa.

Não é ainda certo se o tiroteio está ligado com este evento. O Facebook anunciou ainda que vai ainda apagar os conteúdos que elogiem a violência policial.

Donald Trump afirmou no Twitter que o governo ia fornecer assistência federal para impedir novos confrontos entre os manifestantes antirracistas e as milícias de brancos que povoam Kenosha. No entanto, o governador de Wisconsin rejeitou tal pedido de ajuda das autoridades federais.

Os protestos antirracistas em Kenosha surgiram na sequência do incidente de domingo, quando um homem afro-americano foi baleado oito vezes pelas costas pela polícia. O progenitor de Jacob Blake, que se encontra hospitalizado, afirmou que o filho tem “oito buracos” no corpo e que está paralisado da cintura para baixo, acrescentando que neste momento os médicos não sabem se a paralisia será permanente.

Este ataque aconteceu meses depois de George Floyd, afro-americano, ter morrido asfixiado pelo joelho de um polícia branco em maio passado, na cidade de Minneapolis.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

No primeiro telefonema com um líder estrangeiro, Biden liga a Trudeau

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, falou na sexta-feira com o seu homólogo canadiano, Justin Trudeau, na primeira conversa telefónica com um líder estrangeiro desde que tomou posse na quarta-feira, anunciou a Casa Branca. Os …

PS alarga vantagem sobre PSD. Chega recupera terceiro lugar (mas apenas 1% das mulheres apoia o partido)

Segundo uma sondagem da Pitagórica para o Observador e para a TVI, se as eleições legislativas fossem hoje, o PS teria a preferência de 42,6% dos portugueses. O partido de António Costa continua com grande …

Caso de nova variante é de uma pessoa sul-africana residente em Lisboa

O primeiro caso de covid-19 associado à variante genética da África do Sul detetado ontem em Portugal é de uma pessoa sul-africana, residente em Lisboa, anunciaram as autoridades de saúde “O caso reporta-se a uma pessoa …

Na Rússia, dezenas de pessoas foram presas durante manifestações de apoio a Navalny

Dezenas de pessoas foram presas hoje durante manifestações organizadas na Rússia para exigir a libertação do opositor Alexei Navalny, que está em prisão preventiva, apesar das múltiplas ameaças das autoridades contra os protestos. De Moscovo a …

Arqueólogos egípcios encontram cópia de capítulo do "Livro dos Mortos"

Arqueólogos egípcios encontraram, em Sacara, uma cópia do Capítulo 17 do "Livro dos Mortos" numa zona de túmulos próximos da pirâmide do faraó Teti. De acordo com o site Live Science, que cita um comunicado do …

Senado avalia processo de destituição de Trump na semana de 8 de fevereiro

O Senado norte-americano irá ouvir na semana de 8 de fevereiro os argumentos iniciais do processo de destituição de Donald Trump por incitamento dos recentes motins do Capitólio, anunciou o senador democrata Chuck Schumer. "Todos queremos …

Portugal é o país do mundo com mais mortes. Vacinas da AstraZeneca vão chegar com atraso

Pela primeira vez, desde o início da pandemia da covid-19, Portugal é o país com maior número de vítimas mortais e mais casos de infeção por milhão de habitantes em todo o mundo. Más notícias, …

Fóssil de dinossauro dá novas pistas sobre como estes animais acasalavam

É verdade que já sabemos muitas coisas sobre dinossauros – como eram, o que comiam e a causa da sua extinção. Mas nenhum fóssil nos permitiu ainda perceber coisas tão simples como, por exemplo, em que …

Itália bloqueia TikTok após morte de menina de 10 anos em desafio na rede social

A rede social TikTok foi hoje bloqueada temporariamente em Itália, para utilizadores cuja idade não está confirmada, na sequência da morte de uma menina de 10 anos que participava num desafio naquela plataforma. A Autoridade para …

Infetados ocupam mais de metade das camas das UCI. Hospital de campanha de Lisboa recebe primeiros doentes

Os dados são do boletim divulgado esta sexta-feira pela Direção-Geral da Saúde, mas reportam-se às 24 horas anteriores, nos cuidados intensivos estavam internados 715 doentes com covid. O hospital de campanha de Lisboa está pronto …