Polícia britânica identifica dois atacantes do atentado de Londres

London Metropolitan Police / EPA

Khuram Shazad Butt (à esquerda) e Rachid Redouane (à direita)

Khuram Shazad Butt (à esquerda) e Rachid Redouane (à direita)

A polícia britânica revelou, esta segunda-feira, a identidade de dois dos três atacantes que perpetraram dois ataques terroristas no sábado à noite em Londres: Khuram Butt, de 27 anos, e Rachid Redouane, de 30 anos.

As autoridades continuam a investigar para identificar o terceiro elemento envolvido nos ataques ocorridos na London Bridge e junto à zona de animação noturna Borough Market.

Os ataques fizeram pelo menos 7 mortos e 48 feridos, dos quais 36 permaneciam hospitalizados. Os três atacantes seriam abatidos pelas forças policiais.

O comandante da unidade antiterrorista, Mark Rowley, precisou que Khuram Butt, um britânico de origem paquistanesa, era conhecido dos serviços de segurança, mas que não existiam elementos que sugerissem que o suspeito estaria a preparar um ataque.

Rachid Redouane, que teria nacionalidade marroquina e líbia, não estava assinalado pelos serviços de segurança, de acordo com o mesmo responsável. Utilizava outra identidade: Rachid Elkhdar, 25 anos.

A polícia referiu que os dois atacantes viviam no mesmo bairro, Barking, no leste de Londres, onde a polícia deteve várias pessoas nos últimos dias.

A identidade dos dois atacantes foi revelada quando estava a decorrer uma vigília em memória das vítimas dos ataques de sábado perto da zona da ponte London Bridge.

Segundo vários media britânicos, Khuram Butt participou no ano passado num documentário do canal Channel 4, intitulado “Os meus vizinhos ‘jihadistas'”, e chegou a trabalhar na rede pública de transportes londrinos TFL.

Os ataques de sábado na capital britânica foram reivindicados pelo Estado Islâmico.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Astrónomos descobrem uma super-Terra perto de uma estrela gelada

Uma equipa de investigadores descobriu uma super-Terra a orbitar GJ 740, uma estrela anã fria localizada a cerca de 36 anos-luz do nosso planeta. Nos últimos anos, os cientistas têm levado a cabo uma busca exaustiva …

Já pode "adotar" um pedaço de Notre-Dame para ajudar na sua reconstrução

Uma organização está a dar a oportunidade de o público ajudar na reconstrução de artefactos específicos da catedral de Notre-Dame, em França, que foi parcialmente destruída por um incêndio em 2019. De acordo com a cadeia …

Proporção divina identificada na gerbera

Descobrir como se formam os padrões distintos e omnipresentes das cabeças das flores tem intrigado os cientistas há séculos. Quando se pede a alguém que desenhe um girassol, quase todas as pessoas desenham um grande círculo …

Audi apresenta o novo Q4 e-tron que traz uma autonomia até 520 km

Ainda antes do verão, a Audi vai colocar no mercado o seu primeiro SUV elétrico concebido de raiz e não adaptado a partir de uma plataforma concebida para motores a combustão. O Q4 e-tron destaca-se pela …

Vanuatu em alerta depois de um corpo com covid-19 ter dado à costa

Vanuatu proibiu viagens de e para a sua principal ilha três dias depois de ter dado à costa um corpo de um pescador filipino, que testou positivo à covid-19. De acordo com a Radio New Zealand, …

Cientistas russos querem criar a primeira vacina comestível contra a covid-19

O Instituto de Medicina Experimental de São Petersburgo, na Rússia, anunciou o seu plano de concluir dentro de um ano os testes pré-clínicos da primeira vacina comestível do mundo contra o novo coronavírus. Em entrevista à …

Em plena crise política, o país mais pobre das Américas ainda não recebeu nenhuma vacina

Numa altura em que a maior parte dos países já têm o processo de vacinação a decorrer, o governo do Haiti ainda não garantiu uma única dose da vacina contra o coronavírus. O país mais pobre …

Afinal, Leonardo da Vinci não esculpiu o busto de Flora

Está terminada a controvérsia que durou mais de cem anos após a aquisição do Busto de Flora em 1909, por Wilhelm von Bode. A datação por radiocarbono revelou, recentemente, que a obra não foi …

Crise climática "implacável" intensificou-se em 2020, diz relatório da ONU

Houve uma intensificação "implacável" da crise climática em 2020, com a queda temporária nas emissões de carbono devido ao confinamento a ter um impacto pouco significativo nas concentrações de gases de efeito de estufa, revelou …

Já se sabe o que causou a misteriosa "tempestade de asma", que vitimou dez pessoas em 2016

Em 2016, na cidade de Melbourne, aconteceu o evento de "tempestade de asma" mais grave do mundo. Os cientistas descobriram agora o culpado. No dia 21 de novembro de 2016, as urgências de um hospital em …