Pensões em atraso podem aumentar IRS dos contribuintes

Manuel de Almeida / Lusa

O Instituto de Segurança Social pediu uma “aclaração” à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) por causa dos efeitos que o pagamento de pensões com retroativos pode ter no IRS dos pensionistas.

De acordo com o Diário de Notícias, muitos pensionistas podem subir de escalão só porque o valor acumula vários meses. A decisão foi avançada pelo Instituto de Segurança Social (ISS) depois dos alertas deixados pela provedora de Justiça.

“Os atrasos imensos na Segurança Social levam a crer que este problema, que há dez anos motiva queixas do provedor de Justiça, se irá avolumar nos anos mais próximos. Estamos a falar de pessoas que se queixam porque são pessoas economicamente vulneráveis, para quem a isenção do IRS, transformada subitamente em escalão pelo recebimento de créditos atrasados, traz consequências particularmente nefastas“, afirmou Maria Lúcia Amaral numa conferência no final de fevereiro.

Questionado sobre o que estava a ser feito, o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social reconheceu que o problema existe e que está a “merecer toda a atenção possível” por parte do Instituto de Segurança Social.

“A questão concreta colocada pela senhora provedora de Justiça advém da liquidação em sede de IRS de pagamentos de pensões com retroativos, o que tem constituído preocupação do ISS. Nesse sentido, o ISS já pediu uma aclaração junto da Autoridade Tributária e Aduaneira”, refere uma nota enviada ao jornal.

O MTSSS reafirma que está “em curso um plano de recuperação das pendências nesta área, como foi aliás amplamente falado na comunicação social”.

Os atrasos na atribuição de pensões já vêm de trás, podendo atingir os dez meses entre o pedido e o deferimento pelo Centro Nacional de Pensões (CNP). O gabinete de Vieira da Silva lançou um conjunto de medidas para acelerar as pendências, com a abertura de um concurso externo para a contratação de mais pessoal para o CNP, a abertura de novos polos em Aveiro e Braga, concursos internos, recibos verdes e integração de precários.

Na passada quinta-feira, o primeiro-ministro arriscou dar um prazo de apenas três meses para despachar os pedidos de pensões, já a partir de junho. “No final do primeiro semestre poderemos recuperar o período de resposta dos pedidos de reforma para 90 dias”, afirmou o primeiro-ministro, reconhecendo que se trata de um “número arriscado”.

O presidente do ISSS afirmou que o Centro Nacional de Pensões tem 57 mil pedidos de pensão de velhice à espera de uma resposta que demora, em média, sete meses.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Vou apertar com Rangel para ver se ele resolve aquela merda". Escutas comprometem Vieira na Operação Lex

Novas escutas reveladas comprometem o presidente benfiquista na Operação Lex. "Vou apertar com Rangel para ver se ele resolve aquela merda", disse Luís Filipe Vieira. A revista Visão relevou as conversas telefónicas, ouvidas durante quase um …

Beneficiários da ADSE vão pagar mais pelas consultas

Os beneficiários da ADSE passarão a pagar mais pelas consultas, escreve esta sexta-feira o Jornal de Negócios e o semanário Expresso, que citam a proposta da nova tabela de preços do sistema de saúde dos …

"Classe distinta". Bruno Fernandes já fez aquilo que nunca ninguém tinha feito na Premier League

O internacional português Bruno Fernandes esteve diretamente envolvido em 13 golos nos primeiros dez jogos que disputou com a camisola do Manchester United. É uma marca que nunca nenhum outro jogador da Premier League conseguiu …

OMS: Portugal não foi escolhido por acaso para acolher a Champions. Foi dos que melhor lidou com a covid-19

Portugal “não foi escolhido por acaso” para acolher a final da Liga dos Campeões de futebol, mas porque “foi um dos países que melhor lidou” com a covid-19, assinala um conselheiro da Organização Mundial da …

Há quatro anos, Ronaldo saiu em lágrimas e Paris foi surpreendida pelo "patinho feio"

Foi precisamente há quatro anos que Portugal sagrou-se campeão europeu de futebol. Na final da competição, a Seleção derrotou a anfitriã França, por 1-0. Portugal começou o Euro 2016 com o pé esquerdo. Num grupo com …

China alerta para pneumonia "mais mortal" do que a covid-19. Informações "incorretas", garante Cazaquistão

A Embaixada da China no Cazaquistão alertou esta quinta-feira os cidadãos chineses para uma pneumonia desconhecida, cuja mortalidade é "muito maior" do que a covid-19. De acordo com o jornal chinês Global Times, que cita um …

Cláusula "secreta" permite nacionalização encapotada do Novo Banco

Na eventualidade de um cenário adverso, um mecanismo exigido por Bruxelas prevê a intervenção direta do Estado no Novo Banco. Isto pode levar a uma espécie de nacionalização encapotada. A venda do Novo Banco ao fundo …

Descoberta uma mina de ocre pré-histórica nas cavernas subaquáticas do México

As cavernas subaquáticas ao longo da península de Yucatán, no México, contêm um vasto labirinto de relíquias arqueológicas. A vasta rede de cavernas submersas guardam segredos dos Maias. Porém, uma nova descoberta remonta a episódios …

Da alta velocidade entre Porto Lisboa ao novo aeroporto. Os dez pilares de Costa e Silva para a retoma do país

O diretor diretor executivo da petrolífera Partex, António Costa Silva, convidado pelo Governo para estudar um plano de retoma económica para o período pós-pandemia, já apresentou as suas ideias ao Executivo socialista. Num documento com …

Fim das reuniões no Infarmed. BE quer dados da pandemia entregues ao Parlamento (e publicados na Internet)

Com o fim das reuniões entre peritos e políticos no Infarmed, o Bloco de Esquerda quer que os deputados passem a receber informações e dados científicos sobre a evolução da pandemia no Parlamento. De acordo com a …