Pensões em atraso podem aumentar IRS dos contribuintes

Manuel de Almeida / Lusa

O Instituto de Segurança Social pediu uma “aclaração” à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) por causa dos efeitos que o pagamento de pensões com retroativos pode ter no IRS dos pensionistas.

De acordo com o Diário de Notícias, muitos pensionistas podem subir de escalão só porque o valor acumula vários meses. A decisão foi avançada pelo Instituto de Segurança Social (ISS) depois dos alertas deixados pela provedora de Justiça.

“Os atrasos imensos na Segurança Social levam a crer que este problema, que há dez anos motiva queixas do provedor de Justiça, se irá avolumar nos anos mais próximos. Estamos a falar de pessoas que se queixam porque são pessoas economicamente vulneráveis, para quem a isenção do IRS, transformada subitamente em escalão pelo recebimento de créditos atrasados, traz consequências particularmente nefastas“, afirmou Maria Lúcia Amaral numa conferência no final de fevereiro.

Questionado sobre o que estava a ser feito, o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social reconheceu que o problema existe e que está a “merecer toda a atenção possível” por parte do Instituto de Segurança Social.

“A questão concreta colocada pela senhora provedora de Justiça advém da liquidação em sede de IRS de pagamentos de pensões com retroativos, o que tem constituído preocupação do ISS. Nesse sentido, o ISS já pediu uma aclaração junto da Autoridade Tributária e Aduaneira”, refere uma nota enviada ao jornal.

O MTSSS reafirma que está “em curso um plano de recuperação das pendências nesta área, como foi aliás amplamente falado na comunicação social”.

Os atrasos na atribuição de pensões já vêm de trás, podendo atingir os dez meses entre o pedido e o deferimento pelo Centro Nacional de Pensões (CNP). O gabinete de Vieira da Silva lançou um conjunto de medidas para acelerar as pendências, com a abertura de um concurso externo para a contratação de mais pessoal para o CNP, a abertura de novos polos em Aveiro e Braga, concursos internos, recibos verdes e integração de precários.

Na passada quinta-feira, o primeiro-ministro arriscou dar um prazo de apenas três meses para despachar os pedidos de pensões, já a partir de junho. “No final do primeiro semestre poderemos recuperar o período de resposta dos pedidos de reforma para 90 dias”, afirmou o primeiro-ministro, reconhecendo que se trata de um “número arriscado”.

O presidente do ISSS afirmou que o Centro Nacional de Pensões tem 57 mil pedidos de pensão de velhice à espera de uma resposta que demora, em média, sete meses.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Número de Câmaras que devolvem parte do IRS duplicou numa década

O número de Câmaras Municipais que dão desconto no IRS aos munícipes, ao abrigo do Regime Financeiro das Autarquias locais, duplicou em dez anos. O número de Câmaras Municipais a efetuar descontos no IRS a favor …

"Melhor treinador de todos os tempos". Mourinho vai receber prémio na Web Summit

A Web Summit anunciou, esta terça-feira, que o treinador de futebol português vai ser premiado com o "Web Summit Innovation in Sport", durante o evento que decorre online entre 2 e 4 de dezembro. Em comunicado …

Afinal, novo apoio social vai chegar a 250 mil trabalhadores e custar 633 milhões de euros

As negociações do Governo com a esquerda levaram a alterações no novo apoio social, que deverá abranger mais 80 mil pessoas do que inicialmente estava previsto.  O novo apoio social previsto na proposta de Orçamento do …

Geringonça açoriana. PSD pondera ligação com CDS, PPM e Chega (e o PAN é o centro da disputa)

PSD leva em conta "casamento" político com CDS e PPM e estes podem ser opção para o executivo regional. Os sociais-democratas e os socialistas disputam o PAN. Após as eleições nos Açores, que se realizaram no …

"Dei-te quase tudo." PS dedica música ao Bloco, mas não vai em cantigas

"Dei-te quase tudo e quase tudo foi demais." A dedicatória do deputado socialista João Paulo Pedrosa resume a relação tensa do Governo com o Bloco de Esquerda. Sem acordo, parte das propostas no Código de …

Cristiano Ronaldo está a ser investigado em Itália por causa da covid-19

O ministro do Desporto de Itália, Vincenzo Spadafora, anunciou que está em curso uma investigação para "provar" que Cristiano Ronaldo quebrou o protocolo sanitário no âmbito da pandemia de covid-19. Em causa está o facto …

PEV vai abster-se na votação do Orçamento do Estado na generalidade

O Partido Ecologista "Os Verdes" junta-se ao PCP e ao PAN na abstenção da votação da proposta de Orçamento do Estado para 2021, cuja aprovação já está garantida. De acordo com o deputado José Luís Ferreira, …

Ovar volta a ativar Plano de Emergência Municipal

A Câmara Municipal de Ovar reativou o Plano Municipal de Emergência da Proteção Civil face ao aumento do número de casos de covid-19. Salvador Malheiro, decidiu ativar o Plano Municipal de Emergência, a partir das 00:00 …

Crocodilos africanos viveram em Espanha há seis milhões de anos

Há milhões de anos, várias espécies de crocodilos habitaram a Europa. Contudo, era improvável que crocodilos do género Crocodylus - de origem africana - tivessem vivido na bacia do Mediterrâneo. Os vestígios encontrados nas regiões …

Bernardo Silva arrasa Vieira (e Jesus e Rui Costa atiram-se ao jogador)

Na antecâmara das eleições para a presidência do Benfica, Bernardo Silva, ex-futebolista encarnado, apela a uma "mudança" e deixa duras críticas à presidência de Luís Filipe Vieira. Por outro lado, Rui Costa, que integra a …