Pais já pagam explicações de Fortnite aos filhos

O negócio dos jogos movimenta muito dinheiro, não só para as produtoras, mas também para os diversos jogadores profissionais e Youtubers que divertem os seus fãs ao partilharem os seus jogos. Mas o Fortnite está a elevar a fasquia a um novo nível.

Já havia diversas formas de ganhar dinheiro com o Fortnite, por exemplo através da venda de contas, ajuda e proteção no jogo. Mas os próprios pais das crianças entrarem diretamente no negócio, é realmente levar o jogo a um novo nível.

A notícia acaba por não surpreender os mais atentos, já que o jogo da Epic Games é um sucesso a nível mundial e envolve, cada vez mais, jogadores – e dinheiro. A própria Epic Games anunciou que durante 2018 iria investir 100 milhões de dólares em torneios, ajudando a aumentar o alcance do Fortnite.

A procura por parte dos jogadores deste jogo não é nova, mas o vício e o envolvimento que os jovens têm neste caso, bem como o seu sucesso, eleva a fasquia da forma como olhamos para a sociedade e como ela reage.

Para os especialistas, há duas razões que levam os pais norte-americanos a pagar explicadores de Fortnite para os seus filhos. Um dos principais motivos é para evitar a exclusão social devido ao jogo.

Com o sucesso que o jogo atingiu, ser bom jogador está a ditar a popularidade dos jogadores na sua vida real – nas escolas e na sociedade – o que levar, contam o USA Today e o Wall Street Journal, os seus próprios pais, preocupados com o bem estar, imagem social e a inserção dos filhos na sociedade, a pagar explicações do jogo.

Segundo é possível pesquisar em sites de classificados, como o Craigslist ou o eBay, e nas redes sociais, as explicações variam entre os 10 e os 25 dólares por hora.

Mas o outro grande motivo que está a levar os pais norte-americanos a pagar explicações de Fortnite, prende-se com a nova tendência das faculdades dos EUA, cujas propinas são normalmente caras, que estão a oferecer bolsas de estudo para equipas de eSports – sendo o Fortnite um dos jogos mais populares.

Algumas faculdades têm já equipas de eSports em competição, oferecendo milhares de dólares em bolsas de estudo e prémios para os estudantes.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Porra, por causa destas e outras que tais que nunca vou ser popular, talvez se tivesse Facebook ainda houvesse esperança.

  2. revivendo as façanhas do personagem asterix em que ele dizia: “este romanos sao louco”
    afinal podemos aplicar a mesma frase para os americanos: “estes americanos sao doidos”
    estamos a criar vicios em vez de se criar bons estudantes e bons empregos (apesar de serem bem pagos para integrarem as equipas)
    dantes era o desporto (basquet, futebol americano, etc) agora sao os jogos
    daqui a uns tempos estao a gastar dinheiro na cura da dependencia dos jogos e como tem acontecido, ha mortes por causa do vicio dos jogos
    é a sociedade que temos

RESPONDER

As vaquitas estão extinguir-se à nossa frente. Já só há 10 em todo o mundo

A vaquita marinha, o cetáceo mais pequeno do mundo, está à beira da extinção, havendo apenas cerca de dez criaturas vivas, segundo cientistas. O ser humano é o principal responsável pelo seu contínuo desaparecimento. As vaquitas …

A Ciência descobriu quando nasceu Deus

A ideia de um deus todo-poderoso que vigia os humanos a partir do Céu e pune os que se desviam da norma surgiu depois que estes trocaram a tribo pela sociedade. Essa é a principal conclusão …

Famílias numerosas queixam-se de disparidades no preço da água consumida

A Associação Portuguesa das Famílias Numerosas queixou-se da diferença no preço da água consumida consoante o município onde se vive e o número de pessoas do agregado familiar. Na quarta edição do estudo sobre a água …

Costa condiciona extensão do Brexit para além de 23 de maio à aprovação do acordo

O primeiro-ministro, António Costa, defendeu esta quinta-feira que uma extensão do Brexit para além de 23 de maio implica a ratificação do Acordo de Saída pelo Parlamento britânico ou a realização de eleições europeias no …

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer influencia risco de desenvolver a doença

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer aumenta a probabilidade de desenvolver a doença, concluiu um estudo recente que avaliou a história familiar de mais de 280 mil pessoas. Na última década, vários estudos indicaram a …

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou a nova lei da paridade (mas com alguns parêntesis)

O Presidente da República promulgou a nova Lei da Paridade. A lei estabelece que as listas para a Assembleia da República, para o Parlamento Europeu e para as autarquias locais têm de assegurar a representação …

Cientistas descobrem o que provocou três eras glaciais na Terra

Cientistas estadunidenses calcularam que um evento geológico repetido deu origem às três últimas eras glaciais no nosso planeta, a última das quais ainda mantém o seu gelo nas regiões polares. Segundo a revista Science, a responsável …

A Terra pode guardar um Oumuamua no seu interior

Uma parte da terra que pisamos poderia vir, literalmente, de outras regiões da galáxia - áreas muito distantes do local onde o planeta está localizado e que para chegar até aqui teriam que viajar anos-luz …

Há um planeta mais próximo da Terra do que Vénus

A partir do Sol, a ordem dos primeiros planetas começa com Mercúrio, depois Vénus e depois a Terra. Então, Vénus é o planeta mais próximo do nosso? A resposta é: depende. Uma equipa de cientistas acaba …

O fim das consolas está à vista. Google lança serviço de videojogos na "nuvem"

A Google apresentou o seu novo serviço de jogos na "nuvem", Stadia, na Game Developers Conference (GDC), em São Francisco. O serviço não precisa de nenhuma consola e pode ser jogado em qualquer plataforma. O CEO …