Os extraterrestres podem estar a observar-nos à distância (em mais de 1.000 estrelas diferentes)

Da mesma forma que nós, da Terra, já detetámos vários milhares de planetas ao redor de outras estrelas, uma hipotética civilização alienígena poderia ter detetado a nossa presença. Mas de que posições no Espaço isso seria possível? 

Com esta ideia em mente, Lisa Kaltenegger, diretora do Carl Sagan Institute da Cornell University, e Joshua Pepper, físico da Lehigh University, decidiram fazer as contas e descobriram que, ao nosso redor, existem 1.004 sistemas estelares dos quais alienígenas, se existirem, podem estar a observar-nos à distância.

Cada um desses sistemas tem uma linha direta de visão para o nosso planeta e muitos também estão suficientemente próximos de nós para detetar os traços químicos deixados pela vida terrestre.

As 1.004 estrelas identificadas pelos investigadores estão dentro da chamada “sequência principal”, ou seja, são semelhantes ao nosso Sol e podem ter mundos semelhantes à Terra em órbita. Nenhum deles está a mais de 300 anos-luz de distância, o que os torna “vizinhos” que habitam a nossa mesma região da Via Láctea. O mais próximo está a apenas 28 anos-luz de distância.

“Revertemos a situação e perguntámo-nos de quais pontos de vista a Terra poderia ser detetada pelo método de trânsito”, explicou Kaltenegger, em comunicado.

Um planeta em trânsito é aquele que passa à frente de uma estrela que está na linha de visão da Terra, obscurecendo ligeiramente o seu brilho, revelando a sua presença e dando pistas sobre a composição e o tamanho do planeta.

Quais são estes sistemas estelares a partir dos quais seria mais fácil encontramo-nos? Para descobrir, Pepper e Kaltenegger fizeram a lista das 1.004 estrelas mais próximas usando o catálogo de exoplanetas em trânsito do satélite TESS da NASA.

Se algumas das estrelas da lista tivessem observadores olhando, “conseguiriam ver sinais de uma biosfera na atmosfera do nosso ponto azul. Podemos até ver algumas dessas estrelas, as mais brilhantes, no nosso céu noturno, sem a necessidade de binóculos ou telescópios”.

Os investigadores acreditam que cerca de 5% das 1.004 estrelas selecionadas no estudo são provavelmente demasiado jovens para que a vida inteligente tenha evoluído, mesmo que um planeta com condições habitáveis ​​as orbite.

No entanto, os 95% restantes pertencem a categorias de estrelas que podem sustentar a vida durante milhares de milhões de anos. Isto, pelo menos na experiência da Terra, significa que é um tempo suficientemente longo para a vida inteligente evoluir.

Procurar exoplanetas, apesar de todos os que já encontrámos, não é fácil. De todos os exoplanetas existentes, apenas uma pequena parte alinha-se com a nossa linha de visão para que possamos vê-los a transitar as suas estrelas. O resto seria impossível ver da nossa posição.

“Todas as mais de mil estrelas que identificámos no nosso artigo podiam ver a Terra a transitar no Sol e isso é algo que chamaria a sua atenção”, disse Pepper.

“Se procuramos vida inteligente no Universo, alguém poderia estar a fazer o mesmo e encontrar-nos. E pode querer fazer contacto. Acabámos de criar o mapa estelar dos lugares onde devemos procurar primeiro“, concluiu Kaltenegger.

Para os investigadores, o próximo passo que devemos dar é claro: concentrar as operações de busca por vida inteligente nas 1.004 estrelas identificadas.

Este estudo foi publicado este mês na revista científica Monthly Notices of the Royal Astronomical Society.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Da "política do filho único" a incentivos à natalidade: como a China tem mudado a sua estratégia populacional

A China está a planear incluir novas medidas para estimular a taxa de natalidade do país e lidar com o rápido envelhecimento da população. A estratégia passa pelo “plano de cinco anos” que deverá estar …

Vacinação será “grande prioridade” de presidência portuguesa da UE

O primeiro-ministro português, António Costa, referiu hoje que a vacinação contra a covid-19 deverá ser uma das “grandes prioridades” da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE), após um encontro com o presidente do …

No Cambodja, os aldeões usam "espantalhos mágicos" para afastar a covid-19

Os aldeões do Cambodja têm evitado a pandemia de covid-19 sem máscaras nem distanciamento social, mas sim com "espantalhos mágicos" que espantam o vírus mortal. Os dois espantalhos de Ek Chan, um aldeão de 64 anos, …

O Arecibo desabou. É o fim de uma era à procura de vida extraterrestre

O Observatório de Arecibo, em Porto Rico, morreu. Três semanas depois de um dos principais cabos de sustentação da sua cúpula ter desabado, danificado irremediavelmente o radiotelescópio, o icónico caçador de vida extraterrestre antecipou-se à …

O maior elevador panorâmico do mundo tem vista para os cenários de Avatar

Com o recente lançamento de fotografias subaquáticas dos bastidores do Avatar 2 e a notícia de que Avatar 3 está quase a terminar as filmagens, não há melhor momento para revisitar o parque nacional que …

Pandemia tirou comida da mesa, mas deu asas a startup que transforma plástico do mar em máscaras

A startup portuguesa Skizo transformou a pandemia numa oportunidade de crescimento. Quando faltava comida nalgumas mesas, a empresa de produção de sapatilhas e bolsas passou a fazer máscaras a partir de plástico retirado dos oceanos …

Na Irlanda, o Pai Natal é considerado um "trabalhador essencial"

A Irlanda fez esta semana um anúncio especialmente dedicado às crianças, afirmando que o Pai Natal é considerado um trabalhador essencial no país e, por isso, não terá as suas deslocações restringidas no período natalício. …

Mais 2400 novos casos. Portugal ultrapassa os 300 mil desde o início da pandemia

Portugal ultrapassou hoje a barreira dos 300 mil casos de covid-19 desde o início da pandemia no país, em março, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Portugal registou mais 2.401 novos casos, tendo passado a contabilizar …

Medidas para o Natal conhecidas no sábado. Passagem de ano com todas as restrições

O primeiro-ministro, António Costa, adiantou hoje que no sábado anunciará as medidas para o Natal “com as melhores condições possíveis”, mas avisou desde já que “a passagem do ano vai ter todas as restrições”. “O Governo …

Os assentos do meio da Delta Air Lines vão continuar vazios

A companhia norte-americana Delta Air Lines anunciou esta semana que continuará a manter os assentos do meio vazios, mantendo a política de distanciamento social decretada por causa da pandemia de covid-19. A bloqueio destes lugares intermediários …