Os dinamarqueses vão plantar um milhão de árvores sem sair do sofá

iberomassa.florestal / Facebook

No último sábado, a emissora dinamarquesa TV2 transmitiu um programa em direto para convidar os espectadores a doarem dinheiro para plantar árvores.

O objetivo, de acordo com o jornal britânico The Guardian o produtor Martin Sundstrøm, era angariar 20 milhões de coroas dinamarquesas – cerca de dois milhões e meio de euros. Uma parte seria entregue à Sociedade Dinamarquesa para a Conservação da Natureza para plantar as árvores e outra ajudaria o Fundo Mundial para a Natureza (WWF – World Wildlife Fund) a salvar as florestas tropicais.

O grande propósito era conseguir o financiamento para semear um milhão de árvores e o resultado não ficou muito longe: foi angariado o suficiente para plantar 914.233 árvores. As doações foram feitas a título individual ou empresarial, através do preenchimento de um formulário no site da campanha.

“Acho maravilhoso ver como a Dinamarca criou um foco no clima e a importância de árvores no nosso mundo”, disse Lotte Lindegaard, do canal TV2 ao Sustainability Times. “Claro que isto não pode ser uma ação isolada. Temos que trabalhar para preservar a floresta, mas isto é um passo na direção certa.”

O programa foi transmitido a partir da floresta Gisselfeld Klosters e coube ao primeiro-ministro Mette Frederiksen dar o pontapé de saída, ao plantar uma árvore. Os espetadores que fizeram uma doação apadrinharam automaticamente árvores da iniciativa “folk forests” – florestas que vão ser criadas em 600 hectares de terra junto de cidades dinamarquesas.

Deverão realizar-se mais encontros para plantar árvores por toda a Dinamarca. O primeiro vai ser no outono e espera-se que “na primavera de 2020 aconteçam outros — dependendo de quanto for angariado”.

Nicolai Hansson, editor da TV2, disse ter consciência de que a ação “não vai resolver a crise climática”, mas que poderá ajudar as pessoas a sentir “que isto é algo tangível, algo do qual podem fazer parte e desfrutar quando visitarem as florestas e virem as árvores a crescer”. O produtor do evento espera que esta ação incentive outros países a fazer o mesmo.

As árvores têm um papel fundamental no combate às alterações climáticas. Por outro lado, Sara Lom, CEO da associação inglesa The Tree Council, deixa o aviso: “Para plantar árvores suficientes para ajudar a mitigar as alterações climáticas é necessário que todos se envolvam — e rapidamente.”

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Antes de morrer, os glóbulos brancos fazem uma dança da morte

https://vimeo.com/373758059 Cientistas da Universidade La Trobe, na Austrália, revelaram, pela primeira vez, de que forma os glóbulos brancos controlam os momentos finais da sua própria morte. A equipa de investigadores da universidade australiana identificou uma proteína nas …

É oficial. Cotrim Figueiredo é candidato à liderança da Iniciativa Liberal

O deputado único da Iniciativa Liberal (IL), João Cotrim Figueiredo, confirmou este domingo que vai candidatar-se à presidência do partido na Convenção Nacional marcada hoje para “7 ou 8 de dezembro, algures na região centro”. “No …

Ponte colapsa em Toulouse. Há pelo menos um morto

Uma ponte colapsou, esta segunda-feira de manhã em Toulouse, em França, provocando a morte de pelo menos uma pessoa. A ponte suspensa sobre o rio Tarn, na cidade de Mirepoix-sur-Tarn, caiu esta manhã. Um carro e …

ADN revelou quem teve casos extraconjungais nos últimos 500 anos

Os cientistas revelaram que membros da sociedade tinham mais probabilidade de ter filhos fora do casamento ao estudar o ADN de pessoas da Europa ocidental nos últimos 500 anos. A densidade populacional do local onde uma …

O Ártico pode ficar sem gelo no verão de 2044

As mudanças climáticas provocadas pelo Homem estão muito perto de tornar o Ártico livre de gelo, já a partir do verão de 2044. Um artigo científico, publicado recentemente na Nature Climate Change por investigadores da Universidade …

Estamos sozinhos no Universo? Cientistas detalham que exoplanetas poderiam albergar vida

Através da modelagem climática, uma equipa de cientistas da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, apontou que tipo de planetas têm maior probabilidade de serem habitáveis. A descoberta pode ajudar os astrónomos a selecionar áreas …

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …