Ordem dos Médicos condena encerramento do SAMS e pede intervenção do Governo

O Conselho Nacional da Ordem dos Médicos condenou esta sexta-feira a decisão de encerramento total do hospital e clínicas do SAMS, serviço de saúde dos bancários, e instou o Governo a intervir com vista à reposição da normalidade.

A direção clínica do SAMS decidiu suspender os serviços devido à infeção pelo novo coronavírus de doentes e profissionais de saúde, tendo esclarecido que esta tinha sido a “melhor solução” encontrada e que iam ser aplicadas “novas regras de regime simplificado de ‘lay-off'”, garantindo a “salvaguarda da segurança e saúde” de profissionais e doentes.

Esta sexta-feira, num comunicado citado pela agência Lusa, a Ordem dos Médicos condenou a decisão “incompreensível dos órgãos dirigentes do SAMS, solidarizando-se com médicos e doentes, e exigiu a reposição de todas as condições que permitam manter o contacto e o acesso aos cuidados de saúde”.

“O Conselho Nacional da Ordem dos Médicos insta também o Governo, através do Ministério da Saúde, a socorrer-se do Estado de Emergência declarado, para ter uma intervenção que permita repor a normalidade no SAMS”, é sublinhado.

A Ordem considerou que “não é admissível que uma instituição privada fique de fora da solução, criando até mais dificuldades a outros hospitais do setor público, privado ou social, que agora somam à covid-19 os restantes doentes do SAMS que viram o seu acompanhamento abruptamente interrompido”.

No entendimento da Ordem, o custo público e para a saúde decorrente do encerramento de unidades de saúde torna obrigatória uma posição do Estado sobre este tema.

Na nota, a Ordem dos Médicos lembrou que a Direção-Geral da Saúde (DGS) veio esclarecer esta semana que apenas determinou o encerramento da urgência do hospital localizado nos Olivais, em Lisboa, não instando o fecho de toda a atividade do SAMS, como acabou por acontecer.

A Ordem salientou que o encerramento tem impacto nos mais de 90 mil beneficiários do SAMS, que deixaram de ter apoio, e também de forma indireta no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e noutras unidades privadas, numa altura em que o país vive grandes dificuldades devido à pandemia.

O SAMS manteve-se apenas a funcionar “exclusivamente para assegurar os tratamentos em curso na Unidade de Oncologia e na Unidade de Radioterapia”, disse a Ordem.

“Para a prescrição de medicamentos urgentes foi assegurado apenas um número de telefone, o que tem inviabilizado a manutenção do contacto dos médicos com os doentes, bem como o acesso a dados clínicos necessários para apoiar decisões”, indicou.

Para a Ordem dos Médicos, a situação torna-se “ainda mais gravosa” pelo facto de, em 24 de março, ter sido enviado a todos os médicos do SAMS um e-mail individual informando que a Comissão Executiva iria aplicar o regime de ‘lay-off’.

“Viram-se assim os médicos com as suas agendas encerradas a partir dessa data e sem a possibilidade de manter pelo menos o contacto remoto/consulta telefónica com os doentes, como se mantêm noutras instituições do SNS ou privadas”, sublinhou.

A Ordem destacou ainda que o SAMS conta com “um total de cerca de 94 mil beneficiários, que durante anos foram seguidos pelos seus médicos nesta instituição onde têm toda a sua história clínica e que foram deixados ao abandono, sem continuidade de cuidados e com a sugestão de procurarem outras instituições, quebrando a relação médico-doente e violando todas as regras éticas”.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, já infetou mais de um milhão de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 50 mil. Em Portugal registaram-se 209 mortes associadas à Covid-19 e 9.034 casos de infeção confirmados, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde.

Portugal iniciou às 00:00 desta sexta-feira a renovação do estado de emergência devido à pandemia por mais 15 dias, até 17 de abril, abrangendo o período da Páscoa.

Lusa //

PARTILHAR

RESPONDER

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …

Marcelo promulga uso obrigatório de máscara na rua por 70 dias

O Presidente da República promulgou esta segunda-feira o decreto da Assembleia da República que determina o uso obrigatório de máscara na rua, por um período de 70 dias, sempre que não seja possível cumprir o …