O Charlie não morreu!

dominikfoto / Flickr

Charlie ! Charlie ! Liberté ! Liberté !

Charlie ! Charlie ! Liberté ! Liberté !

Milhares de pessoas concentraram-se na noite desta quarta-feira na Praça da República, em Paris, com as ruas inundadas por um mar de gente a caminhar muito lentamente em direção à estátua monumental de uma figura de mulher a simbolizar a República Francesa.

Daí entoavam os slogans que ecoaram em toda a praça e eram repetidos pela multidão.

O Charlie não morreu!” foi o principal grito que se ouviu e foi retomado por Sophie Cachera, uma estudante de 19 anos que explicou à Lusa que “não mataram o jornal porque as caricaturas vão continuar vivas”.

O discurso da estudante é interrompido por novos slogans como “juntos, unidos pela democracia”, que ela volta a repetir porque, – explica – “foi um atentado contra a democracia e tentaram calar a liberdade de imprensa”, acrescentando ter vindo à manifestação para “mostrar que não tem medo” e que “há que lutar contra este ataque”.

Perto dela, uma mulher exibe a tampa de uma caixa de sapatos em que escreveu “O Charlie vai sobreviver apesar de todos os sacanas”, uma mensagem que escreveu antes de sair de casa para se juntar à manifestação.

“Vim testemunhar a minha solidariedade com o jornal Charlie Hebdo e a minha ligação umbilical à liberdade de expressão e de imprensa”, conta à Lusa Dominique Debize, de 63 anos, uma geração que diz “muito ligada ao jornal”.

Praticamente as mesmas palavras saem da boca de Michelle Simon, de 70 anos, que trouxe com ela uma edição do jornal satírico em que se lê “É preciso pôr um véu no Charlie Hebdo”.

“Vim porque as vítimas eram meus amigos, não os conheci mas eles envelheceram comigo. Conheço-os desde adolescente, desde os tempos em que foram censurados pelo general De Gaulle”, explica.

bibiweb / Flickr

Charlie não morreu. Je suis Charlie!

Charlie não morreu. Je suis Charlie!

Os mais jovens também afluíram em massa à Praça da República, como Adrien Brunetti, de 31 anos, que também trouxe uma capa de uma antiga edição onde “se pode ver o profeta Maomé que diz que é difícil ser amado por idiotas”.

“Vim para fazer o luto pelos jornalistas que morreram. São pessoas militantes e que sempre lutaram pela liberdade de expressão que é a base da nossa democracia. Estou triste porque foram mortos por causa da sua profissão”, testemunha.

Samuel Petit também furou por entre a multidão e entrou numa espação do metropolitano apinhada de gente, com a mulher e a bebé, para poder vir à manifestação porque, diz, não quer que “a filha cresça em um país onde a liberdade de expressão não é possível”.

“Cresci a ouvir os meus pais a falar sobre estes cartoonistas, a minha família até conhece o desenhador Willem que trabalha no Charlie Hebdo. Este atentado é altamente simbólico e depois disto nunca mais nada será igual, é um ponto de ruptura”, considera.

A manifestação convocada por vários sindicatos, associações, meios de comunicação social e partidos políticos começou às 17:00 e continuava ao início da noite, sempre com a praça cheia de gente.

O atentado desta quarta-feira na sede do jornal satírico Charlie Hebdo matou as figuras históricas do cartoon francês Charb, Cabu, Tignous e Wolinski.

Luís Humberto Marcos, director do festival Porto Cartoon, diz que a morte de Georges Wolinski, membro do júri da competição desde 2004, deixa um “vazio enorme” e que é uma “perda insubstituível”.

“Wolinski fazia do humor uma valorização daquilo que era o próprio conceito da crónica jornalística”, afirmou o também diretor do Museu Nacional da Imprensa.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Dez rinocerontes brancos assassinados por caçadores furtivos em reserva queniana

Dez rinocerontes brancos foram assassinados por caçadores furtivos na reserva queniana de Lewa, no condado de Neru, segundo um comunicado publicado na segunda-feira pelo parque. Os caçadores furtivos atacaram na noite do passado sábado a reserva …

Inscrições nas pinturas rupestres de Foz Côa custam 125 mil euros a ciclistas

O Ministério Público (MP) deduziu acusação contra dois indivíduos que fizeram várias inscrições numa rocha do Parque Arqueológico do Vale do Côa classificado como Património Mundial pela UNESCO. O caso aconteceu durante um passeio de BTT …

Governo lança em 2020 campanha de sensibilização para o consumo de "informação séria"

O Governo anunciou na segunda-feira o lançamento, no início de 2020, de uma campanha de sensibilização que visa a convivência democrática entre uma "comunicação social livre e uma população formada e capaz de exigir e …

Novo Star Wars pode causar ataques epilépticos

A Walt Disney Studios e Epilepsy Foundation publicaram na sexta-feira passada um aviso a dar conta de que Star Wars: Rise of Skywalker contém "várias sequências de imagens com luzes intermitentes que podem afetar quem …

Arqueólogos ativaram (acidentalmente) as "bombas de mau cheiro" mais antigas do mundo

Arqueólogos do Reino Unido lançaram acidentalmente as "bombas de cheiro mais antigas do mundo" quando descobriram ovos de galinha com cerca de 1.700 anos. Durante o longo trabalho de escavação na cidade de Aylesbury, no condado …

Timor atribui nacionalidade a Max Stahl. Jornalista é reconhecido por luta pela libertação do país

O Parlamento Nacional timorense deliberou esta terça-feira, por unanimidade, atribuir a nacionalidade ao jornalista britânico Max Stahl, que filmou o massacre de Santa Cruz, em reconhecimento pelo seu papel na luta pela libertação de Timor-Leste. "É …

Benfica 3 - 0 Zenit | “Pizzão” aos russos vale Liga Europa

O Benfica garantiu o apuramento para a Liga Europa. A formação “encarnada” precisava de um enquadramento especial de resultados e tal acabou por acontecer. O Lyon empatou em casa com o Leipzig, enquanto a formação portuguesa …

Aldeia francesa proíbe habitantes de "morrer em suas casas aos sábados, domingos e feriados"

A presidente da junta de La Gresle, Isabelle Dugelet, assinou um decreto improvável que impede que os habitantes da aldeia francesa de morrer em casa aos fins de semana e feriados. "É proibido que os habitantes …

Lisboa-Porto por cinco euros. CP oferece 80% de desconto no Natal

A CP - Comboios de Portugal está a oferecer descontos de 80% em mais de 4.500 viagens de comboio até 15 de janeiro. Quem viajar de comboio no período de Natal e Ano Novo terá …

Transformer da vida real. Aquanaut é o robô que se transforma em submarino debaixo de água

https://vimeo.com/378556715 Um transformer da vida real: o novo robô autónomo Aquanaut consegue mudar de fisionomia num abrir e fechar de olhos. Num momento assume uma forma humanóide, semelhante a uma sereia, e no outro uma forma …