Nova Iorque passou a jantar às 18h

3

(dr) Dhamaka NYC

Quando muita gente ainda está a lanchar, outros aparecem no restaurante para jantar. Tendência veio para ficar, na cidade dos EUA.

A que horas costuma jantar? 21h? 20h? Assim os mais “madrugadores”, arriscamos dizer 19h?

Ora, todos esses horários já são tardios para muitas pessoas que vivem em Nova Iorque.

“Posso reservar mesa para as 18h?” – este pedido começou a ser uma rotina no Dhamaka NYC, um dos casos apresentados pelo jornal The New York Times.

No Ci Siamo, muita gente senta-se para jantar às 18h30 – e, nessa altura, o restaurante já está cheio.

Pouco antes, no The Odeon Restaurant, quando alguns ainda lanchavam, verificaram que a mesa onde estavam já era necessária para outros jantarem. Eram 18h22. Num sítio onde 23h40 até era cedo, noutros tempos. “Só ficávamos ocupados depois das 20h30”, relata a responsável Roya Shanks.

E há pessoas que fazem reserva para jantar para as…17h.

A pandemia mudou tanta coisa. Incluindo a hora de jantar. Nova Iorque era caso invulgar, num país (EUA) onde há diversas cidades a jantarem ao pôr-do-sol, a jantarem cedo – comparando com a realidade europeia, por exemplo.

Esta antecipação da hora de jantar tem uma explicação: as mudanças laborais. Caíram as fronteiras claras entre a vida profissional e social de milhões de pessoas.

E uma palavra destaca-se neste contexto: teletrabalho. Só 8% das pessoas que trabalham na zona de Manhattan vão à sede da empresa todos os dias.

Há outro motivo: o que era uma obrigação passou a ser rotina, nos restaurantes. Ou seja, noutros tempos que já lá vão, havia um horário de encerramento obrigatório, um horário precoce. Os restaurantes – tal como cá – fechavam muito cedo.

Agora não têm essa obrigação, mas muitos restaurantes mantiveram essa rotina – escrever “escolha” acaba por ser arriscado porque muitos gerentes têm funcionários a menos, ou clientes a menos, e por isso fecham mais cedo.

As rotinas dos próprios clientes também definem o novo horário de jantar: as pessoas dão mais atenção ao seu bem-estar, ao seu sono…e ainda dá para ver uns episódios de uma série depois de jantar. Às 23h, ou até antes, chega-se à cama e já se fez muita coisa à noite.

E é uma tendência que, aparentemente, veio para ficar. Que se vai prolongar durante vários anos.

  ZAP //

3 Comments

  1. ja parecem os malucos dos finlandeses que jantam ás 17h30m e depois á 21h estão a comer porcarias porque estão esganados de fome …
    Grande logica tem esta gente

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.