Nota artística: um clássico que valia 14 pontos

Chegámos.  

Chegámos ao grande jogo do campeonato. Desta vez aparece no calendário só a meio de Janeiro, mas cá está ele. O grande jogo.

“Ai não! Há Sporting, há Boavista, há Braga!”. O Sporting e o Boavista foram campeões há uns anos. Foram. Mas os últimos 18 campeonatos foram ganhos, ou por Futebol Clube do Porto, ou por Sport Lisboa e Benfica. Todos. E, nas últimas 38 edições, 35 foram conquistadas por um destes dois clubes.

Este é o grande jogo.

Estes são os campeões.

Farrokh Bulsara: é o nome que constava no bilhete de identidade do artístico Freddie Mercury.

Mercury protagonizou um dueto famoso com Montserrat Caballé, uma das mulheres mais famosas de sempre de Barcelona.

Barcelona: a cidade que viu crescer, parcialmente, o autor do primeiro golo deste encontro. Belo toque de Seferovic e bela finalização de Grimaldo, que veio de uma bela cidade.

Que horizonte tão bonito para o Benfica…que durou pouco.

Na sequência de nova bonita combinação ofensiva, o FC Porto igualou. A dupla mais ofensiva esteve nesse momento. A quem deve ser atribuído o golo? Taremi ou Marega? Ficou a dúvida para toda a gente. A equipa portista é que não ficou com dúvidas de que tinha marcado e celebrou.

Quem estava com pouca conversa e muita ação era o Benfica. O total de 18 faltas na meia hora inicial era sobretudo resultado de uma intensidade maior dos lisboetas do que na maioria dos jogos anteriores. E – a maior surpresa – resultado de uma intensidade maior do que a do campeão. Os apóstolos estavam a lutar, positivamente, pelo direito de disputar a vitória. E pelo campeonato.

Apesar dessa luta, dessa intensidade, a primeira parte nunca foi interrompida. Daquelas interrupções longas, por causa de lesões, confusões… Nada.

A primeira paragem prolongada surgiu após uma falta dura de Nuno Tavares, já na segunda parte, que deixou Corona lesionado. Corona esteve a mostrar as marcas. Olha este… Tu é que tens deixado marcas no mundo, que pode virar uma selva.

A dureza prolongou-se, os protestos também, até que foi mostrado um cartão vermelho, depois de o árbitro ter ouvido música nos auscultadores. E ainda foi ver o teledisco ao YouTube antes da decisão. Foi sem querer, mas Taremi justificou a expulsão. Depois do encontro, Pepe também aceitou a expulsão mas queria o mesmo desfecho para Pizzi. “Inaceitável!” – disse.

FC Porto com 10 jogadores contra um Benfica com 11. Tenho a impressão de ter visto isto há pouco tempo.

Antes, cartão vermelho para um banco, mais tarde novas paragens, cartão amarelo para os dois bancos… E andámos nisto.

O primeiro tempo não tinha deixado essa sensação mas, ao longo da segunda parte, realmente houve sensação de clássico habitual: muitas faltas, muitos protestos; agora cometo esta falta, agora mais uma; depois vou protestar com o árbitro, depois vou protestar com o banco adversário…

Só novidades.

O resultado também não mudou desde o intervalo. Na fase final (tal como na maioria do tempo), o Benfica procurou mais a baliza contrária, atacou mais vezes e rematou mais vezes. Durante os últimos minutos quis acelerar o jogo, enquanto o FC Porto quis e conseguiu acalmar o ritmo. E também criou momentos de sobressalto lá na frente.
Mas a igualdade manteve-se. Jogo duro, faltas, pouco espaço.

O que também não mudou foi a classificação. O Sporting havia empatado com o Rio Ave, horas antes. Um ponto para o Sporting, um ponto para o Porto, um ponto para o Benfica… Ai não. As contas do filho de Deus são outras: o Benfica perdeu dois pontos no Dragão. “Perdemos dois pontos. Perdemos dois pontos. Perdemos dois pontos”. Analisando a quantidade de vezes que Jesus deixou esta ideia, após o clássico, fiquei a pensar: afinal, este jogo valia para aí uns 14 pontos.

Depois de empates ou depois de vitórias, a peculiaridade do discurso do filho de Deus nunca se altera.

Nuno Teixeira Nuno Teixeira, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Jovens tentam salvar vidas na Índia através do Youtube. Plataforma elimina vídeos por serem "perigosos"

A Índia continua a debater-se com a grave crise sanitária desencadeada pela covid-19. Jovens indianos publicaram no Youtube vídeos a produzir oxigénio em casa, usando processos químicos ensinados nas escolas. A plataforma eliminou-os. De acordo com …

Shuvuuia era um dinossauro do tamanho de uma galinha, que caçava às escuras

Os investigadores descobriram que Shuvuuia, um pequeno dinossauro do tamanho de uma galinha, tinha uma excelente audição e visão noturna, que lhe permitiam caçar de noite. São poucas as aves que têm aquilo que é preciso …

Na China, é ilegal pedir comida em excesso nos restaurantes

A China aprovou uma lei anti-desperdício de alimentos que proíbe clientes de restaurantes de pedirem mais do que precisam, uma legislação abrangente pode prejudicar a experiência de comer fora de casa. A lei, que entrou em …

Sindicato de pilotos denuncia pedidos da TAP para voos em folga

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) denunciou pedidos da Transportadora Aérea Portuguesa (TAP) para que alguns trabalhadores efetuem voos em dias de folga, ao mesmo tempo que afirma ter pilotos em excesso. Num email …

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …

Babbage escreveu uma carta a Tennyson. Exigia a "correção matemática" de um poema

A perspicácia matemática de Charles Babbage levou-o a escrever uma carta ao poeta Alfred Tennyson, que exigia, de certa forma, rigor e precisão no poema The Vision Of Sin. Charles Babbage é conhecido como o pai …

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …