Nadadores-salvadores devem privilegiar salvamento “sem entrar na água”

A Federação Portuguesa de Nadadores-Salvadores divulgou hoje alguns dos procedimentos que os vigilantes devem adotar na época balnear face à pandemia, como privilegiar o salvamento “sem entrar na água” ou abordar o náufrago pelas costas.

“Ainda não saiu a recomendação internacional para os nadadores-salvadores com as medidas de prevenção e, em Portugal, fizemos sair uma medida de prevenção nacional”, adiantou à Lusa o presidente da federação, Alexandre Tadeia.

Segundo o responsável, tratam-se de “questões muito técnicas” relacionadas com o salvamento, em que, por exemplo, o nadador-salvador deve “tentar salvar sem entrar na água, utilizando equipamentos”, como forma de prevenção do contágio da covid-19.

“Se tiverem mesmo que entrar na água por força da situação, devem utilizar um equipamento que os mantenha à distância, como uma boia torpedo ou um cinto de salvamento, que têm um cabo de dois metros e permite ficar a, pelo menos, dois metros do náufrago”, indicou.

No entanto, em caso de necessidade ou se a pessoa já estiver inconsciente, deve-se “abordar o náufrago pelas costas e nunca pela frente”.

“Enquanto o primeiro nadador está a fazer o salvamento, o segundo, que está fora de água, deve equipar-se com os equipamentos de proteção individual (luvas, máscara e viseira) e depois é ele que fará o transporte da pessoa sempre pelas costas e fará cá fora o resto do socorro”, explicou.

Neste sentido, o presidente esclareceu que o nadador-salvador “não tem de estar sempre com máscara” e nunca o fará dentro de água porque “não é possível e não há máscaras específicas para essa situação”.

“Quando está em vigilância, a patrulhar ou a dar conselhos a banhistas, desde que mantenha um distanciamento físico, não necessita de usar máscara. Agora quando está a prestar primeiros socorros, aí tem que usar esses equipamentos”, apontou.

A época balnear começa no próximo sábado, mas a federação continua “no mesmo ponto de situação que estava há duas semanas”, sem saber se há nadadores-salvadores suficientes para assegurar a vigilância em todo o país.

“Ainda não temos a certeza se vamos ter pessoas disponíveis. Só com a abertura da época balnear é que vamos ter essa noção”, mencionou.

Desde abril, a federação tem vindo a alertar que poderão faltar cerca de 1.500 a 2.000 nadadores-salvadores para a próxima época balnear, porque os cursos foram interrompidos com a declaração do estado de emergência e “apenas 50% dos nadadores-salvadores voltam a trabalhar na época seguinte”.

Para contrariar esta tendência, Alexandre Tadeia tem defendido a implementação de incentivos fiscais e sociais, mas até ao momento o Governo ainda não tomou uma decisão, segundo o responsável.

As propostas passam por isenção de IRS, IVA, de taxas moderadoras ou de propinas, um regime especial de contratação ou uma alteração nos dispositivos de segurança, com redução do número de vigilantes.

Alexandre Tadeia também alertou hoje para o aumento do número de mortes por afogamento, que “ainda está a subir”, registando desde o início do ano 52 mortes, mais 21 do que no mesmo período do ano passado.

A época balnear inicia-se no sábado e, segundo as recomendações do Governo, os utentes das praias devem assegurar um distanciamento físico de 1,5 metros entre diferentes grupos e afastamento de três metros entre chapéus-de-sol, toldos ou colmos.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não há de ser fácil.
    Nada para a esquerda, agora a direito, desvia do insuflável, cuidado com a banana, isso…

RESPONDER

Governo prolonga prazo das moratórias até setembro de 2021. Portugal em contingência até 14 de outubro

O Conselho de Ministros decidiu prorrogar, esta quinta-feira, a vigência da situação de contingência em Portugal continental até às 23h59 de 14 de outubro. As moratórias de crédito foram prolongadas até 30 de setembro de …

Trump diz que diretrizes mais rigorosas para aprovação de vacina são “jogada política”

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse, esta quarta-feira, que a Casa Branca “pode ou não” aprovar novas directrizes da Food and Drug Administration. As novas diretrizes para aprovação de vacina contra a covid-19 exigem …

Maduro insta ONU a criar fundo que garanta alimentos e medicamentos

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, propôs que a Organização das Nações Unidas (ONU) crie um fundo rotativo de compras públicas para garantir o acesso a alimentos e a produtos de saúde, financiado com recursos …

Mais três mortes e 691 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quinta-feira, mais três mortes e 691 novos casos de infeção por covid-19 em relação a quarta-feira, mostra o boletim mais recente da Direção-Geral de Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da …

2 em 1. Ryanair está a oferecer um voo na compra de outro (e é só hoje)

Já estava com saudades de viajar e conhecer novos países? A Ryanair não quer que lhe falte nada. A companhia aérea low cost lança uma promoção “inédita” e garante uma oferta 2 em 1. As …

Autarca de Almada diz que declarações sobre Bairro Amarelo foram descontextualizadas

A presidente da Câmara de Almada disse esta quarta-feira que as suas afirmações sobre o Bairro Amarelo surgiram em resposta a uma pergunta feita pelo Bloco de Esquerda (BE), considerando que foram descontextualizadas devido …

Vendas tardam em recuperar. Empresas pouco preparadas para mudanças

Um estudo do Banco de Portugal (BdP), publicado na quarta-feira, revelou que as empresas enfrentam um "cenário de recuperação muito gradual" do volume de negócios para níveis anteriores à pandemia e poucas estão preparadas para …

Hospital de Lisboa deixou entrar pessoas sem máscara

O Hospital da Luz, em Lisboa, permitiu a entrar e circulação de pessoas sem máscara dentro das instalações. O hospital garante que foi um "erro humano" e que não voltará a acontecer. A Rádio Renascença escreve, …

A Estação Espacial Internacional moveu-se para evitar uma colisão

Esta terça-feira, a Estação Espacial Internacional realizou uma "manobra de evasão" para evitar ser atingida por um pedaço de lixo espacial. Controladores de voo russos e norte-americanos terão trabalhado em conjunto para mover a Estação Espacial …

Professor de Direito que ataca feminismo está a ser julgado por violência doméstica

Francisco Aguilar, professor na Faculdade de Direito de Lisboa, está a causar polémica devido a conduta que escolhe para dar as suas aulas. O professor que leciona algumas cadeiras do mestrado em Direito, aproveita as …