MP quer impedir Ivo Rosa de destruir emails do caso Sócrates

José Sena Goulão / Wikimedia

Ex-primeiro-ministro e ex-líder do PS, José Sócrates

O Ministério Público (MP) apresentou recurso da decisão do juiz Ivo Rosa que ordenou a destruição de emails apreendidos ao ex-patrão de José Sócrates na farmacêutica Octapharma, Lalanda e Castro.

O juiz ordenou aos funcionários do Tribunal Central de Instrução Criminal que coloquem as mensagens de correio electrónico de Lalanda e Castro num “envelope lacrado” para que sejam posteriormente eliminadas, como atesta o Público.

“Dado que o correio electrónico em causa não foi indicado como meio de prova [pelo MP]” e visa “pessoas que não são nem nunca foram consideradas suspeitas” no processo, justifica Ivo Rosa.

Os emails envolvem correspondência entre Lalanda e Castro e funcionários da Octapharma que nunca foram visados na Operação Marquês. O ex-patrão de Sócrates na farmacêutica chegou a ser arguido no processo, mas as suspeitas contra ele foram arquivadas.

Ivo Rosa entende, assim, que estes emails devem ser destruídos. Mas o MP contesta a decisão num recurso enviado para o Tribunal da Relação de Lisboa, alegando que a argumentação do juiz “não tem qualquer suporte legal“, como cita o Público.

O MP acusa também Ivo Rosa de pretender influenciar o desenrolar do caso, notando que “a fase de instrução transforma-se numa forma de condicionar a produção de prova em posteriores fases do processo”.

A posição do MP é que os emails só devem ser destruídos após um eventual julgamento e logo que as possíveis condenações transitem em julgado.

ZAP //

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. Aqui está a explicação do “conveniente” sorteio de Juízes (à terceira tentativa).
    O Juiz Ivo Rosa é o guardião de José Sócrates.
    Nem que a vaca tussa, com este Ivo Rosa, Sócrates jamais será condenado.
    Talvez se torne mais um “grande amigo” de Sócrates e dos muitos milhões que surripiou.

  2. Óptima iniciativa a do Sr Dr.
    Talvez fosse conveniente caucionar o respetivo salário a receber no futuro para ajudar a pagar a indemnização choruda a peticionar pelo Pinóquio e os seus associados depois de serem absolvidos como se de autênticos meninos de coro se tratasse. Porque a serem absolvidos, os vigaristas nunca ficam satisfeitos e querem a desforra e somos nós que teremos de pagar.
    A alternativa pode também ser uma mudança de profissão, após esse senhor desmontar todo o trabalho a grande custo levado a cabo pelo MP…
    E também sou da opinião que aquele sorteio manhoso, que só funcionou á terceira – á terceira foi de vez – tem muito que se lhe diga…

  3. O malandro do juiz quer destruir emails: a) que não foram indicados como prova; b) que não pertencem a pessoas acusadas; c) quando o próprio Lalanda de Castro não é acusado… e o “malandro” é o juiz???
    O que pretende o MP com emails estranhos aos autos e com títulos como este?

  4. De facto, no primeiro foi tudo muito mais claro: sorteio para quê? Entrega-se em mão ao super juiz e está feito o sorteio. O princípio do juiz natural é só para quando o MP não quiser o super ou estiver distraído.

    • “Arvelos”

      És mais um amigo do pinoquio???
      Malandro tu??? Meu maroto!!!!

      Deve ser mais claro entregar o processo há terceira tentativa depois de ter saído o nome do “super”!!

      Sim super pois ele venceu 3 a 1!!!

    • Durante a primeira fase houve mais de 50 recursos por parte da defesa e apenas um foi deferido… por uma coisa que dá pelo nome de Rangel. Penso que diz tudo relativamente a este processo.

  5. Todos devemos confiar na Justiça, penso que o sistema terá meios de corrigir eventuais erros de um Juiz, que também se pode enganar. pelo que ouvi nas noticias o Juiz Ivo Rosa parece estar mais do lado dos arguidos que do MP e teve algumas decisões polémicas que depois foram corrigidas, algumas já tarde por tribunais superiores ( peço perdão se estou a dizer alguma inverdade ). Quanto à minha opinião sobre este caso, é um caso grande mais para que alguém o possa branquear, a opinião publica não perdoaria algo assim. A justiça será feita apesar de todas as influências que certamente se movem nos bastidores pois são pessoas muito importantes, poderosas e ricas. Algo mudou na Justiça portuguesa o tempo da impunidade para alguns parece ter acabado.

    • Era tão bom que assim fosse!!!

      Olhe no caso da CGD os deputados impediram a divulgação das listas de devedores! Quando estas listas foram públicas os crimes prescreveram

      No caso do Zé S acredito que o juiz Rosa vai só deixar ir a tribunal meia dúzia de pequenos crimes que pelo facto dele ter estado preso vai dar-lhe apenas pena suspensa

      Mas vamos ver quem tem razão

RESPONDER

"Tenho muitas dívidas, muito financiamento por pagar"

Isabel dos Santos explicou em entrevista à Lusa a origem dos seus investimentos, salientando serem totalmente privados, o que a levou a criar muitas dívidas. Disse ainda que os empresários têm dificuldade em trabalhar e …

Estados Unidos autorizados a aplicar taxas sobre produtos europeus

A Organização Mundial do Comércio (OMC) autorizou oficialmente esta segunda-feira os Estados Unidos a aplicar taxas alfandegárias sobre 7500 milhões de dólares de importações oriunda da União Europeia devido aos subsídios dados à Airbus. A OMC …

Tribunal rejeita providência cautelar requerida pela Ordem dos Enfermeiros contra ministério

O Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa rejeitou a providência cautelar pedida pela Ordem dos Enfermeiros (OE) contra o Ministério da Saúde no processo de sindicância à OE, anunciou esta segunda-feira o Governo. Em comunicado, o …

Paraísos fiscais. Portugal transferiu 672 milhões em 2018

Os bancos a operar em Portugal transferiram 672 milhões de euros no ano passado para territórios que constavam das listas de offshores problemáticos da União Europeia. Em 2018, os bancos a operar em Portugal transferiram 672 …

Discurso da Rainha. Entre crime, saúde e imigração, o Brexit foi destaque

Várias propostas de lei relacionadas com o Brexit destacam-se no programa do governo britânico para os próximos meses apresentado esta segunda-feira pela rainha Isabel II no parlamento, o qual inclui a implementação de um eventual …

Conservadores polacos vencem legislativas com maioria absoluta

Os conservadores nacionalistas no poder na Polónia venceram as eleições legislativas com 45,16% dos votos, de acordo com os resultados oficiais que se referem à contagem de 82,79% das circunscrições. O partido conservador eurocético Lei e …

Ambulâncias rejeitadas no Hospital de Setúbal por sobrelotação das urgências

Ambulâncias que chegavam ao Hospital de São Bernardo, em Setúbal, durante a tarde de domingo, foram encaminhadas para outros hospitais. As urgências do centro hospitalar estavam sobrelotadas. Entre as 12h e as 16h30 deste domingo, o …

Professores regressam à greve ao trabalho extraordinário

A paralisação poderá comprometer as avaliações intercalares dos alunos, alertam os sindicatos que pedem o cumprimento do horário de 35 horas semanais. A greve dos professores ao trabalho extraordinário regressa esta segunda-feira às escolas, sem data …

Caos na Síria. Bombardeamentos turcos levam à fuga de centenas de militantes do Daesh presos

Cerca de 800 militantes do Daesh fugiram neste domingo da prisão de Ain Issa, de acordo com a administração autónoma curda, que acusa a Turquia de ter dado “cobertura aérea” para que a fuga fosse …

Supremo Tribunal espanhol reativa mandado de detenção europeu contra Puigdemont

Um juiz do Supremo Tribunal de Justiça espanhol, Pablo Llarena, aceitou o pedido do Ministério Público e reativou o mandado de detenção europeu para a extradição de Carles Puigdemont. O ex-Presidente do governo regional da Catalunha …