Morte de menina de três anos de Setúbal foi causada por mais de 50 golpes

Rui Minderico / Lusa

Mulher detida por suspeita de envolvimento na morte de Jéssica.

Jéssica Biscaia, a criança de três anos morta em Setúbal, foi vítima de mais de 50 golpes que levaram à sua morte, revela o relatório preliminar da autópsia.

O relatório preliminar da autópsia a Jéssica, a menina de três anos que foi morta em Setúbal, revela que a causa do óbito foi espancamento. A criança foi vítima de mais de 50 golpes que acabaram por levar à sua morte, avança o Correio da Manhã.

De momento, ainda não é conhecido se a menina poderia ter sido salva caso tivesse recebido assistência médica imediata assim que foi entregue à mãe pela alegada bruxa. “Tudo indica que não”, uma vez que Jéssica sofreu o descolamento do crânio e “as lesões internas seriam fatais”, escreve o matutino.

Quanto à suspeita de abusos sexuais, só os exames complementares permitirão chegar a uma conclusão. A suspeita foi avançada pela própria avó materna, mas, ao que o Correio da Manhã apurou, os primeiros exames mostram que os hematomas nas zonas genitais são externos.

Os tais exames complementares ainda estão a decorrer e serão também decisivos para perceber se a medicação eventualmente dada à criança teve alguma interferência com o seu estado de saúde.

A Polícia Judiciária de Setúbal apreendeu várias mensagens no telemóvel da mãe de Jéssica que confirmam o pedido de bruxaria, a dívida e também a extorsão de que a mulher estaria a ser alvo, escreve o Correio da Manhã. A mãe pode ser constituída arguida.

A menina de Setúbal morreu, com apenas três anos, depois de ter sido, alegadamente sequestrada e torturada por uma falsa ama e pelo marido e a filha desta, devido a uma dívida da mãe.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.