Ministro da Segurança indonésio esfaqueado durante visita a cidade em Java

O ministro Coordenador da Segurança indonésio, Wiranto, foi esta quinta-feira esfaqueado, por um homem cuja identidade ainda é desconhecida mas que foi detido, durante uma visita à cidade de Pandeglang, na ilha de Java, disse a polícia.

Citado pela imprensa indonésia, um porta-voz da polícia nacional da Indonésia confirmou o incidente, explicando que Wiranto foi hospitalizado, mas sem adiantar o estado de saúde do ministro Coordenador de Assuntos Políticos, Legais e de Segurança.

Wiranto foi golpeado duas vezes e as feridas são profundas. Porém, está estável, segundo a estação de televisão Al Jazira.

Dedi Prasetyo acrescentou que um agente policial foi igualmente ferido e não deu informação sobre as motivações do agressor. O porta-voz não divulgou a identidade do agressor.

Imagens filmadas pelas televisões mostram o ministro a sair do carro e a cair no chão. Fotografias tiradas pela polícia mostram o ministro, um antigo general, a ser levado numa maca para um hospital local. Há também imagens de um dos suspeitos a ser detido.

Wiranto, de 72 anos, candidatou-se às presidenciais em 2004, mas foi derrotado. É desde 2016 o ministro da Segurança do Presidente Joko Widodo. O general foi, de acordo com o jornal Público, acusado de cometer atrocidades durante a ocupação de Timor pela Indonésia.

Era o chefe do aparelho militar e dos grupos paramilitares na repressão de 1999 contra a tentativa do território conseguir a independência. Durante a ocupação, cerca de cem mil pessoas morreram, segundo as estimativas, a maior parte delas às mãos das forças indonésias, mas também devido às duras condições de vida impostas por Jacarta.

O general está entre os indicados pelas Nações Unidas como tendo cometido crimes contra os direitos humanos dos timorenses nos 24 anos de ocupação. Mas apesar das provas reunidas contra si, pelo seu papel no massacre de 1999, o general negou as acusações e nunca foi julgado.

A Indonésia tem terrorismo interno e no país estão ativos grupos ligados ao Daesh.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Conselho da Europa teme que polícia de Malta tenha “recusado provas” no caso da jornalista assassinada

Daphne Galizia era jornalista, acompanhava casos de corrupção no país e foi assassinada há dois anos. Pieter Omtzigt, relator do Conselho da Europa responsável pelo caso, diz que a abordagem da polícia e dos …

Itália quer mudar sede da final da Liga dos Campeões

A Itália quer que a final da Liga dos Campeões deste ano, marcada para o Estádio Olímpico Atatürk Olympic, mude de sede. Os últimos dias não têm sido fáceis para a UEFA. Depois dos incidentes racistas …

CNN coloca broa portuguesa entre os 50 melhores pães do mundo

A propósito das celebrações do Dia Mundial do Pão, que se celebra esta quarta-feira, a CNN fez uma lista com os 50 melhores pães do mundo e um deles é a broa portuguesa. A broa conhecida …

CP lança nova campanha: Lisboa-Porto por cinco euros e mais descontos até 80%

Há 10.300 bilhetes a custos muito reduzidos, anunciou a CP – Comboios de Portugal esta terça-feira. A nova campanha garante viagens nos comboios de longo curso Alfa Pendular e Intercidades “com 80% de desconto”, abrangendo …

"Níveis recorde". Glaciares suíços perderam 10% do seu volume nos últimos cinco anos

Os glaciares suíços perderam 10% do volume nos últimos cinco anos, a maior redução em cem anos, alertou esta terça-feira a Academia Suíça das Ciências. A Academia baseia-se nas medições feitas pelos peritos do painel intergovernamental …

Caso BPN. Relação condena dois dos absolvidos e agrava penas a outros dois

O Tribunal da Relação de Lisboa condenou esta quarta-feira dois dos três arguidos absolvidos no processo principal da falência do BPN, Ricardo Oliveira e Filipe Nascimento, e agravou as penas a dois dos 12 arguidos …

Operação Éter. Hermínio Loureiro entre as dezenas de autarcas arguidos

Hermínio Loureiro, ex-presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis, está entre as dezenas de atuais e antigos autarcas que foram constituídos arguidos no âmbito da Operação Éter. Este processo levou à prisão preventiva do antigo presidente …

Proteção Civil quer que bombeiros voltem a ser obrigados a usar cinto de segurança

A estrada mata mais bombeiros do que os incêndios. Por isso, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil criou um grupo específico para analisar o problema. Rui Ângelo, chefe da Divisão de Segurança, Saúde e …

Estratégia prevê rede de bancos de leite materno e revisão das licenças para amamentar

A ENALCP apresentada esta quarta-feira prevê a criação de uma rede nacional de bancos de leite materno e a revisão dos diretos de parentalidade. Ambientes favoráveis deverão ser também revistos. A Estratégia Nacional para a Alimentação …

DGS aconselha grávidas e bebés vegetarianos a tomarem suplementos

A Direção-geral da Saúde recomenda suplementos de vitaminas e minerais para bebés e grávidas com alimentação vegetariana e lembra que a dieta não omnívora no primeiro ano de vida deve estar sempre sob supervisão médica. "A …