Depois de 17 anos no subsolo, milhões de cigarras vão invadir cidades nos Estados Unidos

(dr) Doug Pfeiffer

Depois de 17 anos no silencioso subsolo, milhões de cigarras sazonais estão prontas para emergir em algumas partes do território norte-americano. Virgínia, Virgínia Ocidental e Carolina do Norte serão os estados mais afetados.

Este “exército” de cigarras do género Magicicada é totalmente inofensivo para o Homem e o único problema que poderá trazer aos humanos está relacionado com o ruído, nota o portal Science Alert, dando conta que estes insetos pertencem à chamada “Geração IX”.

“Comunidades e quintas com um grande número de cigarras a emergir ao mesmo tempo podem ter um problema substancial de ruído“, começou por explicar Eric Day, especialista do Departamento de Entomologia da Virginia Tech University, em comunicado.

“Felizmente, qualquer incómodo causado por distúrbios é amenizado pelo facto deste evento ser tão raro e surpreendente”, sustentou.

Os especialistas destacam que este fenómeno natural não ocorre na região desde 2003 – 2004, com a exceção de algumas áreas específicas que observaram o aparecimento da “Geração II” em 2013 – trata-se de um fenómeno raro.

Estes aparecimentos em massa ocorrem anualmente ou de forma periódica a cada 13 ou 17 anos, dependendo da espécie de cigarra em causa.

“A escala destes eventos de emergência é impressionante, havendo até 1,5 milhões de cigarras emergentes por hectare de território. Cada geração periódica cobre uma região geográfica específica, com algumas áreas sobrepostas”, explicam os cientistas, que continuam sem saber ao certo porque é que o processo se reaparecimento é tão longo – “é um dos grandes mistérios do mundo dos insetos“.

“Estudos e modelagens matemáticas sugeres que a duração destes ciclos de reprodução pode ser atribuída a [uma estratégia] para evitar predadores”.

Produtores devem estar atentos

Além de gerarem um ruído que pode ser incómodo, as cigarras podem também representar uma ameaça para pomares ou áreas de cultivo. Estes insetos não se alimentam dos pomares, mas usam-nos para colocar os seus ovos e esta implantação danifica galhos e folhas, podendo prejudicar o crescimento e até matar pequenas árvores ou árvores jovens.

“Produtores em áreas de atividade previstas devem estar vigilantes“, disse Doug Pfeiffer, professor de entomologia, citado na mesma nota de imprensa, sublinhando que estes insetos se podem reproduzir em grandes quantidades.

Contudo, importa frisar, estas cigarras não representam qualquer perigo para os seres humanos, nem mesmo para cães e gatos.

Os especialistas sublinham que este evento, bem como o aparecimento da “Geração X”, que deve emergir no próximo ano, são eventos naturais e raros.  “Este inseto é realmente fascinante, e se não tiverem árvores de frutos ou trepadeiras para proteger, poderão aproveitar esse fenómeno enquanto durar”, concluiu Pfeiffer.

Quanto ao ruído emitido por estes animais, o Science Alert frisa ainda que está diretamente relacionado com o processo de reprodução. São os machos que cantam para as fêmeas, que permanecem em silêncio, através das membranas vibratórias do seu abdómen.

E, tendo em conta que a esperança de vida destes animais é de apenas 4 a 6 semanas após saírem do subsolo, espera-se umas semanas barulhentas em algumas partes do território norte-americano.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …