Milhares de espanhóis protestam por luz a preço justo

Jan Slangen / Flickr

-

Milhares de pessoas mobilizaram-se hoje em 23 cidades espanholas para iniciar uma campanha de protesto contra o preço pago pelos consumidores por causa “da dívida das elétricas e das tarifas manifestamente injustas”, indicou hoje a associação de consumidores (Adicae).

As manifestações, sob o lema “Luz a Preço Justo“, foram apoiadas por mais de 500 organizações e realizaram-se em Madrid, Saragoça, Barcelona, Alicante, Valência, Múrcia, Santander, Cáceres, Badajoz, Don Benito, Las Palmas, Sevilha, Cádis, Almeria, Granada, Málaga, Jaén, Córdoba, Huelva, Santiago de Compostela, Toledo, Bilbau e Logrõno.

Segundo a Adicae, as mobilizações para esta jornada “constituem um ponto de partida de uma iniciativa global”, que se efetua conjuntamente com centenas de organizações sociais a reivindicar uma “reforma da reforma elétrica”.

Além de “denunciar o abuso a que se está a submeter milhões de famílias”, a Adicae indicou que os “consumidores não vão continuar a aceitar a situação”, pelo que exigem mudanças “imediatas e urgentes”, como a revisão do mecanismo de fixação de preços e de todos os custos que se imputam à tarfifa elétrica.

Solicitaram, também, a realização de uma auditoria independente ao denominado défice de tarifa e a participação dos consumidores neste processo destinado a clarificar a dívida e a definir o que é legítimo.

Entre as exigências dos consumidores figura a “garantia de acesso à eletricidade por todos os lares a um preço justo e que seja considerado um serviço de primeira necessidade” e que não se corte a eletricidade em nenhum momento aos grupos mais vulneráveis da sociedade por atraso no pagamento da luz.

A Adicae pretende, ainda, que haja a garantia e o apoio ao consumo de energias renováveis, a recuperação do carácter de serviço público que o sistema eletrico tinha e uma redução do IVA aplicado de 21 para quatro por cento.

A associação vai transmitir ao ministro da Indústria a necessidade de avançar para uma reforma e apresentar propostas para que os consumidores não sejam meros agentes passivos que “carregam às costas os custos do setor”.

A Adicae pretende também um acompanhamento da situação das famílias em maiores dificuldades para pagar a eletricidade, tendo dados de 2012 indicado que a luz foi cortada a 1,4 milhões de consumidores.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Governo indiano ordena inspeção a todos os centros da congregação da Madre Teresa

O Governo da Índia ordenou uma inspeção a todos os centros para crianças geridos pela congregação católica da Madre Teresa no país, após a detenção de uma das suas freiras por alegadamente vender bebés. A ministra …

Peru decreta estado de emergência na fronteira com a Colômbia

O Peru decretou na segunda-feira o estado de emergência por 60 dias na fronteira com a Colômbia, devido à presença de narcotraficantes e de dissidentes da antiga guerrilha das Forças Armadas Revolucionários da Colômbia. O Presidente …

CP acaba com o primeiro Alfa Pendular do dia (e reforça receios de colapso)

A partir de 5 de Agosto, deixa de haver o primeiro comboio Alfa Pendular do dia a realizar o percurso de Lisboa ao Porto. A CP - Comboios de Portugal vai acabar com esta ligação …

São feitos por dia quase 600 créditos para comprar carro

Vendem-se cada vez mais carros em Portugal. Só no mês de maio foram concedidos quase 290 milhões de euros e feitos mais de 20 mil contratos, segundo dados do Banco de Portugal. Os empréstimos para compra …

Transferência do Infarmed "ameaça saúde pública” em Portugal e no mundo

A presidente do Infarmed, Maria do Céu Chamado, alertou esta terça-feira que uma deslocalização da instituição pode ser uma “ameaça à saúde pública” em Portugal e também no mundo. Ouvida na comissão parlamentar de Saúde, a …

Campanha oficial do Brexit multada por violar lei eleitoral

A campanha oficial para o voto a favor da saída do Reino Unido da União Europeia - Vote Leave - foi multada por violar a lei eleitoral, anunciou esta terça-feira a Comissão Eleitoral. Segundo revelou a …

Bitcoin ajudou a financiar ciberespionagem eleitoral da Rússia, acusam os EUA

A bitcoin terá ajudado a financiar o esquema de ciberespionagem nos Estados Unidos levado a cabo por 12 agentes russos durante as eleições presidenciais de 2016. Segundo um relatório, apresentado esta sexta-feira pelo vice-procurador-geral dos Estados …

Parlamento chumba fim do adicional ao imposto dos combustíveis

O Parlamento chumbou esta terça-feira, na especialidade, com os votos da esquerda, o projeto de lei do CDS que punha fim ao adicional ao Imposto sobre os Produtos Petrolíferos (ISP). PS, PCP e Bloco chumbaram o projeto …

UE e Japão assinam acordo de comércio livre contra protecionismo

A União Europeia e o Japão assinaram nesta terça-feira, em Tóquio, um acordo de comércio livre que o presidente do Conselho Europeu considerou ser uma "mensagem clara" contra o protecionismo. "Enviamos uma mensagem clara de que …

Alunos da secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem

Os alunos da Escola Secundária Pedro Nunes tiveram de pagar 10 euros para se matricularem. A diretora do estabelecimento de ensino desconhecia a situação e já deu instruções para que o dinheiro seja devolvido. Os alunos …