Covid-19. México investiga mercado negro de atestados de óbito falsos

Christophe Petit Tesson / EPA

As autoridades da Cidade do México anunciaram que estão a investigar um suposto mercado negro de atestados de óbito relacionado com a covid-19, no dia em que o país registou 625 mortes nas últimas 24 horas.

Esta sexta-feira, o México superou os 110 mil casos e as 13 mil mortes por covid-19, ao registar nas últimas 24 horas 625 óbitos e 4.346 contágios.

No mesmo dia, a autarca da Cidade do México, Claudia Sheinbaum, disse que vários médicos são suspeitos de emitirem atestados de óbito falsos.

À medida que as mortes aumentam no México, a necessidade de se libertarem os cadáveres aparentemente levou a um mercado negro de atestados de óbito.

Ao descrever a investigação, a autarca alegou que os médicos “estavam envolvidos na cobrança desses serviços”. Apesar de os atestados de óbito serem gratuitos, o processo pode ser demorado e burocrático.

“Eles venderam esses certificados quando não o deveriam”, disse Sheinbaum.

O esquema terá envolvido pelo menos um funcionário do governo da cidade e cerca de 10 médicos, nenhum dos quais era funcionário do hospital da cidade, acrescentou.

Há também indicações de que os médicos podem ter assinado outras causas de morte além do covid-19 para corpos que nunca examinaram, embora os motivos não sejam claros, disseram as autoridades.

Os corpos estavam a acumular-se em hospitais na Cidade do México, à medida que a pandemia piorava, e alguns familiares podem simplesmente ter querido que os familiares falecidos fossem libertados mais rapidamente.

Além disso, os corpos das pessoas que morreram com a covid-19 precisam ser cremados ou enterrados sob regras mais rígidas. Para evitar isso ou o estigma social que o vírus carrega, algumas famílias terão comprado um atestado falso.

Este não é o primeiro escândalo no México a envolver empresas que cresceram em torno da pandemia.

Em maio, as autoridades encontraram 3,5 toneladas de lixo hospitalar ilegalmente despejadas na floresta, nos arredores da Cidade do México. As autoridades também descobriram resíduos médicos empilhados até ao teto de um armazém no estado de Puebla, enquanto pilhas de caixões descartados se amontoavam do lado de fora dos crematórios sobrecarregados da Cidade do México.

O México é atormentado por problemas comuns com empresas não regulamentadas, tanto na indústria de eliminação de resíduos quanto na de funerais.

Segundo o Senado, 60% das agências funerárias no México ou não estão registadas ou o processo de registo está incompleto.

Esta sexta-feira, o México superou os 110 mil casos e as 13 mil mortes por covid-19, ao registar nas últimas 24 horas 625 óbitos e 4.346 contágios.

Se o número de mortes baixou (1.092 na quarta-feira e 816 na quinta-feira), o balanço diário revelou o segundo dia em que foram identificados mais casos desde o início da pandemia.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Tão lentamente quanto humanamente possível". Site simula como era usar a Internet nos anos 90

Se é jovem e gostaria de experimentar as velocidades lentas da Internet dos anos 90, está com sorte. Um novo site simula a experiência dolorosa à qual já não estamos habituados com as redes atuais. Nos …

Novembro vai ser “muito duro e muito exigente” (e fechar escolas seria uma "grande falta de respeito")

O primeiro-ministro, António Costa, avisou hoje que “convém não criar falsas expectativas”, porque novembro vai ser “muito duro e muito exigente”, sendo maior a probabilidade de, daqui a 15 dias, acrescentar mais concelhos à lista …

O Torsus Praetorian é o autocarro mais radical de sempre (e não permite faltas à escola)

Cheias, árvores caídas ou tempestades. Há muitas razões para faltar à escola ou, neste caso, haviam. É que a Torsus lançou um novo autocarro capaz de enfrentar todos os obstáculos e transportar as crianças até …

Spot, o cão-robô, visitou Chernobyl (e analisou os seus níveis de radiação)

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Bristol visitou a Central Nuclear de Chernobyl na semana passada para testar Spot, um robô de quatro patas feito pela empresa norte-americana Boston Dynamics. O Spot é o robô …

Sangue de porco é mais proteico do que qualquer proteína do mercado (e pode ser consumido em smoothies)

Uma equipa de investigadores do departamento de ciência alimentar da Universidade de Copenhaga desenvolveu um método para extrair proteínas do sangue de porco. O resultado é um pó fino, branco, com sabor neutro e com …

Costa anuncia cinco medidas restritivas para 121 concelhos "de elevado risco" e reforços da capacidade de resposta

Após um Conselho de Ministros extraordinário que durou mais de 8 horas, o primeiro-ministro anunciou este sábado novas "medidas imediatas" de combate à pandemia de covid-19. Concelhos "de elevado risco" estão sujeitos a medidas restritivas, …

Escola na China transformou-se num "edifício andante" para evitar a demolição

Os residentes da cidade chinesa de Xangai que, no início deste mês, passaram pelo distrito de Huangpu podem ter encontrado uma visão incomum: um "edifício andante". De acordo com a cadeia de televisão CNN, uma escola primária …

Joke Boon, a chef holandesa que não tem olfato nem paladar

Joke Boon perdeu o paladar e o olfato quando ainda era criança, mas isso não a impediu de viver da culinária, área na qual estes requisitos são, à partida, essenciais.  "Como seria a minha vida se …

Portugal com mais 39 mortos, mais 4007 casos e recorde de internamentos graves

Portugal registou hoje 39 mortos e mais 4.007 casos de novas infeções pelo novo coronavírus, tendo alcançado um novo recorde de 286 doentes internados nos cuidados intensivos por covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde. Registou-se este …

Leiloada carta de Nobel antissemita a desprezar Einstein e os judeus

Uma carta escrita em 1927 pelo Prémio Nobel Philipp Lenard a um colega a reclamar das conquistas de Einstein e do suposto domínio judaico da ciência foi a leilão no Nate D. Sanders Auctions, em …