Menino japonês deixado na floresta já teve alta e perdoou ao pai

TV Asahi

Yamato Tanooka, o rapaz de 7 anos desaparecido no Japão depois dos pais o terem abandonado numa floresta como castigo

Yamato Tanooka, o rapaz de 7 anos desaparecido no Japão depois dos pais o terem deixado numa floresta como castigo

O menino japonês que esteve desaparecido durante seis dias, depois dos pais o terem deixado numa floresta de castigo, recebeu alta do hospital esta terça-feira e já contou a sua versão da história.

Yamato Tanooka, o rapaz de sete anos deixado numa floresta de castigo, na ilha japonesa de Hokkaido, já teve alta hospitalar e admitiu que perdoa o pai.

A criança foi deixada pelos pais na floresta, depois de ter estado a atirar pedras a pessoas e carros. Esta foi a forma encontrada pelos progenitores para “disciplinar” o menino mas acabou por não correr como previsto.

Passado cinco minutos, quando voltaram ao local para recolher o rapaz, este já lá não estava. Yamato esteve desaparecido durante seis dias, com as autoridades japonesas envolvidas numa intensa operação de buscas para o encontrar.

Na altura, o caso provocou uma amplo debate no Japão sobre a paternidade, até porque a floresta onde o rapaz foi deixado era conhecida por ser habitada por muitos ursos.

Em entrevista aos jornalistas, o pai de Yamato, Takayuki Tanooka, admitiu que o filho já o perdoou.

“Eu disse-lhe: O pai fez-te passar por um momento difícil. Desculpa-me”, afirmou o homem, de 44 anos, à cadeia televisiva japonesa TBS.

“E então o meu filho respondeu-me: Tu és um bom pai. Eu perdoo-te“, acrescentou.

O menino foi encontrado por militares na passada sexta-feira, numa caserna utilizada pelo exército, a cinco quilómetros do lugar onde os pais o tinham deixado inicialmente.

Segundo o jornal japonês The Mainichi, Yamato contou que perdeu o sentido de orientação de onde estava e caminhou durante cinco horas até chegar à estrutura onde foi encontrado.

O menino recordou que dormiu entre dois colchões, bebeu água de uma torneira dentro da caserna mas que não comeu nada durante os seis dias.

Quando foi encontrado, a criança estava desidratada, desnutrida e apresentava alguns arranhões nos braços e nas pernas.

O médico que o assistiu diz que o rapaz estava “incrivelmente calmo” para quem tinha estado desaparecido durante tanto tempo e que “não entrou em pânico”.

De acordo com a imprensa local, a polícia japonesa afirmou que não vai indiciar os pais pelo ocorrido.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

António Mexia investe 25 mil euros no aumento de capital da EDP

O presidente do Conselho de Administração Executivo da EDP, que se encontra com funções suspensas, subscreveu 7738 ações, num investimento de 24.535 euros, no aumento de capital de mais de mil milhões de euros do …

Liga quer adeptos nas bancadas em setembro. Governo não se compromete

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) disse, esta quarta-feira, que o organismo está a trabalhar para que a época 2020/21 comece com público nas bancadas. Na conferência "Futebol Profissional e Economia Pós COVID-19", …

ONU teme "catástrofe geracional" e pede medidas para reabertura das escolas

A Organização das Nações Unidas (ONU) pediu na terça-feira a todos países para que seja dada prioridade à reabertura das escolas sempre que haja controlo da transmissão local dos contágios de covid-19, alertando que o …

IMT suspende circulação de veículos como o que provocou acidente em Soure

O Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) decidiu, esta quarta-feira, suspender a circulação de veículos de manutenção da ferrovia, como aquele que colidiu contra um Alfa Pendular em Soure, até que sejam adotadas medidas …

PJ e MP fazem buscas no âmbito do caso das golas antifumo

A PJ e o Ministério Público estão a realizar 10 buscas, esta quarta-feira, no âmbito do processo sobre o negócio das golas antifumo, no qual o ex-secretário de Estado, Artur Neves, e o presidente da …

Mais uma morte e 167 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta quarta-feira, mais uma morte e 167 novos casos de infeção por covid-19 em relação a terça-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS). Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde, …

Presidente promulga lei que lança app Stayaway Covid

O Presidente da República promulgou, esta terça-feira, o diploma que estabelece o responsável pelo tratamento dos dados e regula a intervenção do médico no sistema 'Stayaway Covid'. À margem de uma visita a Lagoa, no Algarve, …

Prémios e dados pessoais. Worten alerta clientes para falso SMS em circulação

A Worten alerta os clientes para não partilharem dados pessoais em resposta a mensagens publicitárias falsas que estão a circular por SMS em nome da retalhista, a anunciar um prémio. "Alertamos que não devem ser facultados …

GNR já passou 2200 coimas por falta de limpeza de terrenos. Mais de cem câmaras multadas

Mais de uma centena de câmaras municipais foram multadas por falta de limpeza de terrenos, sendo a ausência de tratamento nas margens das estradas e junto às linhas de distribuição elétrica a principal infração registada …

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …