Megaterramoto na falha de San Andreas pode ocorrer nos próximos 30 anos

New Line Cinema

“San Andreas”, Brad Peyton (2015)

Um grande terramoto pode assolar os Estados Unidos nos próximos 30 anos, sendo a falha de San Andreas, localizada a sul do estado da Califórnia, a área onde é mais provável que o fenómeno geológico ocorra.

A conclusão é de uma equipa de geólogos da Universidade de Utah, nos Estados Unidos, que publicou os resultados na mesma semana em que a Califórnia foi abalada por dois sismos. O primeiro sismo, na quinta feira, teve magnitude de 6,4 foi sucedido este sábado por um novo abalo, desta vez com uma magnitude de 7,1.

A equipa, liderada pela geóloga Susanne Jänecke, aponta a falha de San Andreas como o potencial ponto de alerta. Na área da falha foi descoberta, segundo explicou, uma região de quase 25 quilómetros perto da fronteira com o México que pode vir a libertar no futuro uma grande quantidade de energia, causando um enorme terramoto.

Apesar de este lugar estar sob o olhar atentos dos especialistas, a falha de San Andreas tem mostrado pouca atividade nos últimos 300 anos.

“Acreditava-se que o possível local de nucleação fosse uma pequena área perto da praia de Bombaim, na Califórnia, mas o nosso trabalho sugere que pode haver mais um ‘fusível’ no sul [deste estado]”, disse Jänecke, citada num comunicado da universidade, observando que um terramoto pode vir a ocorrer com uma intensidade ainda mais forte do que as estimadas anteriormente para a falha.

A área apontada pelos cientistas, apelidada de Durmid Ladder pela equipa, abriga duas importantes ramificações da falha posicionadas quase em paralelo, tendo ainda outras fraturas que se cruzam transversalmente.

Esta localização potencialmente perigosa está a cerca de 300 quilómetros do epicentro da última réplica do terramoto desta quinta-feira, 4 de julho, que registou alguns dos movimentos mais fortes da região em 20 anos.

Essa estrutura foi descoberta graças a uma documentação exaustiva sobre a falha de San Andreas, que foi publicada em junho na revista científica Litosphere. O trabalho incluiu a análise de fotografias aéreas do local em alta resolução, tomografias geofísicas e perfurações in sit, revela ainda a nota da universidade norte-americana.

“Não está claro [como é que os] os terramotos anteriores interagiram com esta estrutura e isso torna o comportamento futuro difícil de prever”, disse Jänecke, acrescentando que, “felizmente”, a área recém-descoberta se estende por uma área “mais distante dos principais centros populacionais” do que tinha sido pensado.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Lá vem o chato: em português escreve-se terramoto. Do outro lado do Atlântico é que se usa terremoto. P.f. corrijam.

  2. No título do artigo também é válido acrescentar-se: “Também pode ocorrer nos 30 anos seguintes. Ou nos seguintes. Ou nos seguintes dos seguintes. Até pode ocorrer já amanhã. É tudo uma questão da probabilidade associada a cada uma das hipóteses. Mas isdo é algo que a notícia não refere.

RESPONDER

Leipzig 2-1 Atlético | Alemães ganham asas e passam às “meias”

O 2.º semi-finalista desta edição da Liga dos Campeões está encontrado. Na noite desta quinta-feira em Alvalade, o Leipzig venceu o Atlético de Madrid por 2-1 e assegurou uma presença inédita nas meias-finais da prova …

EUA apreendem 1,6 milhões de euros em criptomoedas de organizações terroristas

O Departamento da Justiça dos Estados Unidos apreendeu 2 milhões de dólares (1,6 milhões de euros) em contas de criptomoedas que vários grupos, incluindo a Al-Qaida e o grupo ‘jihadista’ Estado Islâmico (EI), utilizavam para …

"Janelas de Vinho". Itália ressuscita tradição do tempo da peste

Centenas de bares e restaurantes italianos "ressuscitaram" a tradição antiga das chamadas "Janelas de Vinho" durante a pandemia de covid-19, tentando assim servir os seus clientes com o mínimo contacto pessoal. A tradição remonta aos …

Um dos maiores telescópios do mundo ficou gravemente danificado devido a um cabo partido

O radiotelescópio de Arecibo, um ícone da busca para entender o Universo, sofreu graves danos como resultado do rompimento de um cabo. A causa da quebra e quanto tempo o telescópio demorará a ser consertado …

Pumpkin Island já custou 78 dólares. Agora pode comprá-la por 17 milhões

Se ainda não decidiu onde passar férias fica aqui uma dica: uma ilha privada na costa da Austrália está à venda por 17 milhões de dólares (cerca de 14,5 milhões de euros). A Pumpkin Island …

Desaparecem oito mulheres por dia no Peru, mais três do que antes da pandemia

O número de mulheres desaparecidas no Peru, um fenómeno endémico no país, subiu de cinco por dia, em média, para oito, desde a quarentena decretada para travar a pandemia de covid-19, indicou o provedor de …

EUA já gastaram quase tanto com a covid-19 como com a II Guerra Mundial

Até ao momento, os Estados Unidos da América gastaram quase tanto com a pandemia de covid-19 como gastaram com a II Guerra Mundial. A Segunda Guerra Mundial travou-se entre 1939 e 1945 e deixou milhões de …

Sporting recusou proposta de 32 milhões por Joelson Fernandes

O Sporting CP rejeitou uma proposta de 32 milhões de euros do Arsenal por Joelson Fernandes. Os 'leões' pedem 45 milhões pelo jovem extremo de 17 anos. Continua o leilão pela promessa sportinguista Joelson Fernandes. Depois …

CIA tentou desenvolver um "drone-pássaro" nuclear para espiar a União Soviética na Guerra Fria

Durante a Guerra Fria, a CIA tentou desenvolver um drone nuclear do tamanho de um pássaro para espiar a União Soviética e outros países do bloco comunista. Porém, o projeto nunca foi concluído. De acordo com …

Para combater o desperdício, China acaba com os banquetes tradicionais

Conhecidos pela gastronomia e pelo bom apetite, os chineses terão de adotar a austeridade, invertendo a tradição, que exige que sejam servidos à mesa tantos pratos quantos forem os convidados e mais um. A nova regra …