Médicos de Saúde Pública admitem 2 mil casos diários (e novo confinamento)

Hugo Delgado / Lusa

Ricardo Mexia, presidente da Associação de Médicos da Saúde Pública, disse, em entrevista à Renascença, que, em breve, Portugal estará a registar mais de dois mil casos por dia e admite mesmo um novo confinamento.

Em entrevista à Renascença, Ricardo Mexia, presidente da Associação de Médicos da Saúde Pública, diss que a “tendência” aponta para a possibilidade de, em breve, Portugal registar mais de dois mil casos por dia.

“Estamos bastante apreensivos com este contínuo aumento, principalmente com a dificuldade que as unidades estão a ter em conseguir todas as tarefas”, lamentou, acrescentanto que os médicos de saúde pública estão preocupados com a “inexistência de reforços”.

Ricardo Media admitiu mesmo à Renascença a necessidade de um novo confinamento: “Se não houver uma mudança de abordagem, não vejo muitas alternativas. Se não tivermos a capacidade de acolher os doentes, não percebo como podemos controlar a situação”, disse.

Para o responsável, Portugal está as condições de combate à pandemia no Serviço Nacional de Saúde (SNS) idênticas às de março. “O que era preciso ter feito era planear a resposta e dotar o país dessa capacidade. Chegamos agora a outubro e não estamos muito diferentes do que estávamos em março“, assegurou. “Os serviços não foram reforçados, o sistema de informação não melhorou. Não percebo qual é a estratégia”.

“Sinceramente, se a situação continuar a evoluir de forma negativa e atingirmos o limite de resposta de tratamento e começarmos a acumular mortalidade, se não há investimento, se não há recursos a montante para evitar que as pessoas adoeçam, eu não percebo qual é a solução alternativa” a um novo confinamento, confessou à Renascença.

Segundo o médico, vários hospitais já esgotaram a capacidade de internamento e, se a pressão nos internamentos continuar, o país pode ter de tomar medidas mais drásticas.

O primeiro-ministro António Costa frisou no fim de semana passado, um dos piores dias desde que a pandemia começou a alastrar em Portugal, que o país não pode confinar nem voltar ao confinamento realizado em março – posição que tem mantido nos últimos meses.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. O costa e toda a CAmbada está neste momento á a pensar nas eleições. Querem eles lá saber das condições saúde do povo. Para os politicos o Povo não vale Nada.

  2. Ó Mora, estou certo de que é só o PS que está a pensar nas eleições, ahahah… É uma coisinha que só costuma dar a um partido! Você é que deve estar preocupado que o seu clube ideológico perca. Deve estar mais preocupado do que o PS.

  3. Confinem, confinem e depois contabilizem as pessoas que morreram por causa da recessão económica e de um SNS sem dinheiro. Confinamento só fez sentido no primeiro surto. Agora já houve tempo para preparar o SNS para um segundo surto… Ou não houve? Ou estiveram a pensar como íam desviar os dinheiros que pouparam com as pessoas todas que não usaram o SNS? Ou andam a gastar o dinheiro em Apps para controlar a malta e invadir privacidade? Ou estão a ver se arranjam mais proibições impossíveis de cumprir para arrecadar milhões em multinhas?

  4. O mundo não está ameaçado pelas pessoas más, e sim por aquelas que permitem a maldade. (Albert Einstein)

    Existe muita boa gente que são da opinião que o famigerado viris covid19 tem origem na China, não me acredito. Quando alguém pensa criar semelhante praga antes, precavesse de criar o anti vírus, não vá o próprio também ser apanhado na curva e contrair o bichinho, e depois?
    O que me preocupa é se o referido bichinho (covid19 e outros) é de origem natural. O homem tem feito e continua a fazer tão mal à natureza e ainda ninguém pensou ou estudou os efeitos e consequências de tão nefastos procedimentos, cujas marcas poderão dar origem á destruição dos ecossistemas. Por favor não brinquem com a natureza.

    05/05/2015 – Esgota-se o tempo e o ANIMAL PENSANTE, ávido de poder, continua a não ver e saber interpretar os sinais que nos são enviados.

RESPONDER

“Incompetência e arrogância”. Cabrita está (novamente) debaixo de fogo. Partidos pedem a sua demissão

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, está mais uma vez no centro da polémica. Depois de ter avançado com uma requisição civil para que mais de 20 imigrantes fossem transportados para o Zmar, durante a …

Fernando José é o candidato do PS a Setúbal. Ana Catarina Mendes concorre à Assembleia Municipal

O deputado e vereador socialista Fernando José é o cabeça de lista do PS às próximas eleições autárquicas para a Câmara de Setúbal e Ana Catarina Mendes à Assembleia Municipal, revelou fonte oficial do Partido …

Portugal na zona de queda dos restos do foguetão chinês

O foguete de Longa Marcha chinês que foi lançado a 29 de abril, e agora está a preocupar o mundo. As previsões é que a reentrada na atmosfera se dê até ao próximo dia 9 …

CIP propõe "almofada" pública de 8.000 milhões para resolver moratórias

A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) propôs ao Governo criar uma "almofada" de garantias públicas no valor de oito mil milhões de euros para dar poder às empresas e levar a banca a renegociar os …

Reino Unido. Variante indiana é “preocupante“ e já infetou idosos vacinados

No Reino Unido, já foram encontradas 48 cadeias de transmissão da variante indiana e sabe-se que há transmissão comunitária. A Public Health England classifica esta variante como “preocupante”. A direção geral de saúde de Inglaterra (PHE …

Petição para cancelar Jogos Olímpicos conta já com 200 mil assinaturas

Uma petição 'online' a pedir o cancelamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 devido à pandemia da covid-19 ultrapassou esta sexta-feira as 200 mil assinaturas, avançou a agência Lusa. A campanha, lançada na quarta-feira pelo advogado e ativista …

“Não queremos estragar a nossa joia da coroa“. Governo pode limitar acesso da Peneda-Gerês

O Secretário de Estado da Conservação da Natureza concorda com os autarcas, sobre o impacto positivo do turismo para as populações, mas nota que o sucesso do PNPG não pode pôr em causa os valores …

Fome e seca levam milhares de angolanos a fugirem para a Namíbia

A fome provocada pela seca extrema na província de Cunene, no sul de Angola, está a levar milhares de pessoas a fugir para a Namíbia. "A estiagem provocou a rutura de 'stocks' alimentares das comunidades e …

Governo britânico confirma Portugal na “lista verde” de viagens. Preço das viagens disparou

Portugal vai estar na “lista verde” de países considerados seguros para viajar e isentos de quarentena na chegada a Inglaterra a partir de 17 de maio, anunciou hoje o ministro dos Transportes britânico, Grant Shapps. Portugal …

Nova Zelândia vai proteger fiorde emblemático de turismo de massas

O Governo da Nova Zelândia anunciou que vai proteger do turismo de massas a paisagem natural do icónico fiorde Milford Sound-Piopiotahi, património mundial na ilha do Sul. O turismo em Milford Sound-Piopiotahi, considerado um dos principais …