“Água milagrosa” de março animou produção de cereais

Março foi o mês mais chuvoso desde 1931 e, embora não tenha vindo a tempo de recuperar a produção de tomate, ajudou a recuperar as culturas do próximo verão.

As chuvas de março ajudaram a recuperar a produção das culturas de sequeiro, cereais e floresta. Embora não tenha vindo a tempo para recuperar a produção de tomate para a indústria, o mês mais chuvoso desde 1931 ajudou a recuperar as culturas do próximo verão.

Luís Mira, secretário-geral da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), admitiu, citado pelo Diário de Notícias, que “esta água fazia-nos falta”.

No entanto, este cenário animador nem sempre o foi desde o início de 2018. No final de fevereiro, 84% do território nacional encontrava-se em seca severa e extrema, tendo nos cereais de outono-inverno a seca prolongada reduzido a janela de oportunidade para a realização de sementeiras.

Isto fez com que houvesse uma diminuição generalizada das áreas cultivadas, com a área dedicada ao centeio a reduzir 5%, a diminuir 10% na cevada, 15% no trigo mole e triticale e 20% no trigo duro, segundo o boletim Mensal da Agricultura e Pesca do INE, divulgado no mês passado.

Esta diminuição da área de produção ocorreu pelo quinto ano consecutivo. Aliás, o gabinete de estatísticas nacional apostou que se iria atingir um mínimo histórico de 121 mil hectares, a menor área dos últimos cem anos, desde que existem registos.

“Em termos de área cultivada, já não há nada a fazer, mas as culturas, com a chuva, deverão recuperar um bom bocado“, afirma Luís Mira. “As searas estão com muito bom aspeto. Foi uma água milagrosa”, refere o responsável da CAP.

No que diz respeito à floresta, este mês chuvoso também beneficiou as áreas ardidas. “Choveu um pouco, tendo nascido alguma vegetação, e quando choveu mais não houve arrastamento de terras”, descreve o responsável.

No entanto, Luís Mira admite que se continuar a chover com estes níveis, “as coisas poderão complicar-se”. “Em maio/junho tudo estará ao nível da precipitação na normalidade. Mas vamos ver”, diz, lembrando que as estações do ano, que antes determinavam as culturas, estão cada vez mais imprevisíveis.

Este ano, as previsões para o ano agrícola apontam para uma produção histórica de azeite, que deverá superar os 1,3 milhões de hectolitros, segundo o INE.

Em relação aos preços agrícolas ao nível do produtor, escreve o DN, os dados são apenas até fevereiro, mas as maiores variações face ao ano anterior são nos ovinos e caprinos (+18,6%), nos ovos (+14,5%) e na batata (-58,1%). Face a janeiro, as maiores variações ocorreram nos hortícolas frescos (+6,1%), nos ovos (-21%) e nos frutos (-7,3%).

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Tempo de espera para entrega de cartão de cidadão pode chegar a cinco meses

Para fazer o levantamento do cartão de cidadão é preciso fazer marcação e há balcões que só têm disponibilidade para entregar o documento no final do ano. De acordo com a edição desta quinta-feira do …

Físicos explicam por que as mudanças do campo magnético da Terra são mais fracas no Pacífico

Uma nova investigação levada a cabo por físicos da Universidade de Alberta, no Canadá, apresenta uma explicação para o facto de as mudanças no campo magnético da Terra serem mais fracas na região do Pacífico. …

Chovem diamantes no interior de Neptuno e Urano (e já se sabe porquê)

Podem estar a chover diamantes dentro dos corações de Neptuno e Urano. Agora, os cientistas descobriram novas evidências experimentais que mostram como é que isso poderia ser possível. Neptuno e Urano são os planetas mais mal …

Descobertas duas super-Terras na zona habitável de uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar

Uma equipa internacional de cientistas encontrou duas super-Terras a orbitar uma das estrelas mais próximas do Sistema Solar. Conduzida pela Universidade de Göttingen, na Alemanha, a equipa de especialistas localizou um sistema formado por pelo …

Sporting 2-1 Gil Vicente | Leão de Plata só sabe vencer

O Sporting cumpriu na recepção ao Gil Vicente, no fecho da 29ª jornada da Liga NOS, e venceu por 2-1, num jogo que pareceu sempre controlado, mas que terminou com emoção. Os “leões” dominaram por completo …

Leões marinhos decapitados estão a dar à costa no Canadá (e ninguém sabe porquê)

Os corpos decapitados de pelo menos cinco leões-marinhos encontrados nas costas de Vancouver, no Canadá, nos últimos meses sugerem que pode haver um serial killer de mamíferos marinhos à solta. O LiveScience relata que pelo menos …

Este japonês é a única pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja

Um homem japonês tornou-se a primeira pessoa no mundo a ter um mestrado em Estudos Ninja depois de concluir um curso de pós-graduação que envolvia a aprendizagem de artes marciais básicas e escalada de montanhas. De …

Cátio Baldé acusado de comprar vistos para jogadores do Benfica

Cátio Baldé está a ser acusado de corrupção passiva por ter pagado a um funcionário da embaixada portuguesa em Bissau para conseguir vistos para jogadores do Benfica. O empresário admite o crime, mas nega o …

Ex-polícia admite ser "Assassino de Golden State" e declara-se culpado de 13 homicídios

O ex-polícia norte-americano Joseph DeAngelo declarou-se, esta segunda-feira, culpado de 13 homicídios. Mais conhecido como o "Assassino de Golden State", DeAngelo foi preso em 2018, após 40 anos de investigação. A identificação do criminoso apenas foi …

Infarmed garante ter stock de remdesivir, apesar da compra massiva dos EUA

Depois da notícia de que os EUA compraram à empresa Gilead Sciences praticamente toda a reserva para três meses do medicamento remdesivir, o primeiro aprovado no país no tratamento de covid-19, o Infarmed garante que …