/

Mais quatro mortes e 485 casos em Portugal. R(t) sobe ligeiramente

3

Esta quarta-feira, Portugal regista mais quatro óbitos e 485 novos casos de infeção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde, o país registou, esta quarta-feira, quatro vítimas mortais e 485 novos casos de covid-19.

Os óbitos registaram-se no Algarve (2), em Lisboa e Vale do Tejo (1) e no Norte (1). Duas das vítimas tinham mais de 80 anos, uma entre os 70 e os 79 anos e outra entre os 60 e os 69 anos.

A região Norte foi a que registou o maior número de infeções (169), seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo (167), o Algarve (46), a região Centro (41) e o Alentejo (oito). Nas regiões autónomas, registaram-se mais 19 casos positivos – tanto nos Açores como na Madeira.

O número de internados mantém a tendência de descida. Neste momento, existem 248 doentes hospitalizados, menos nove do que no dia anterior. Destes, 71 estão em unidades de cuidados intensivos.

Por outro lado, o boletim da DGS indica que há, agora, mais 315 pessoas recuperadas da doença. Desde o início da pandemia, Portugal já registou 840.493 casos da doença, dos quais 16.998 morreram e 801.621 conseguiram recuperar.

A matriz de risco indica que, a nível nacional, Portugal está com uma incidência a 14 dias de 51,0 casos por 100 mil habitantes e um índice de transmissibilidade R(t) de 0,93. No continente, a incidência está nos 48,7 casos de infeção e o índice de transmissibilidade R(t) é de 0,92.

Apesar de o país continuar no verde da matriz de risco, esta é a primeira vez que o R(t) sobe desde dia 28 de abril.

  Liliana Malainho, ZAP //

3 Comments

  1. Parece que o vírus voltou ao ataque. Cuidado com ele! Espalhem aguardente pelo corpo, pois o coitado não gosta do cheiro, e, assim, vai chatear, apenas, quem bebe cerveja da Sagres.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.