Maior coleção do mundo de gravuras de Rembrandt descoberta em Águeda

The Mauritshuis / Wikimedia

"A lição de anatomia do Dr. Nicolaes Tulp", de Rembrandt Harmenszoon van Rijn, óleo em tela de 1632

“A lição de anatomia do Dr. Nicolaes Tulp”, de Rembrandt Harmenszoon van Rijn, óleo em tela de 1632

O simples acaso levou à descoberta, numa arrumação da Fundação Dionísio Pinheiro, em Águeda, da maior coleção do mundo de gravuras de Rembrandt, que pertenceu à Biblioteca Nacional de Paris.

A Fundação, criada por testamento de um empresário do setor têxtil que fez fortuna no Porto, tem expostas 14 das 282 gravuras até ao final de junho e tem sido procurada por especialistas, estando aberta a que seja feito um estudo exaustivo da coleção.

Dionísio Pinheiro, que viveu entre 1891 e 1968, foi aos 11 anos trabalhar para o Porto como marçano nos Armazéns Cunha e frequentava à noite a Escola Industrial. Deram-lhe sociedade nos Armazéns e não mais parou, desdobrando-se em atividades comerciais e industriais, de que é exemplo a criação de uma fábrica de tecidos em Rebordões, Santo Tirso.

Fez fortuna e rodeou-se de críticos de arte, galeristas e leiloeiros, construindo sob influência da esposa, Alice Cardoso Pinheiro, uma coleção de arte que por sua vontade, após a morte, teria como destino uma fundação a criar em Águeda, sua terra natal.

Luís Arruda, do conselho de administração da Fundação, explica que “foi assim surgindo uma diversidade imensa de peças, desde ourivesaria, a pintura portuguesa do séc. XIX, e arte sacra de vários períodos”, que veio do Porto para as instalações construídas para a Fundação, muitas das quais permaneceram em depósito.

“Recentemente descobrimos no depósito diversas peças, e entre elas estava um conjunto de gravuras que foram identificadas como sendo de Rembrandt, de diferentes estádios, que terão sido compradas entre 1956 e 1958, na sequência de um leilão da coleção de arte do Conde do Ameal, que as adquiriu de uma coleção da Biblioteca Nacional de Paris. É esse o percurso conhecido das 282 gravuras, em traços gerais, até virem para Águeda”, relata.

Feita a descoberta, a administração da Fundação resolveu divulgá-la e fazer uma primeira exposição temporária com uma seleção de 14 gravuras, por limitações de espaço e razões de segurança, e entende que a coleção deve ser estudada.

“Estamos abertos a que surjam iniciativas concretas para o estudo deste espólio, quer do ponto de vista artístico e histórico, quer quanto aos materiais, como o papel e as tintas”, diz Luís Arruda.

fundacaodionisiopinheiro.pt

-

Outra raridade que a Fundação Dionísio Pinheiro possui são dois esmaltes de Limoges do séc. XVI, de um conjunto que retrata a Lenda de Eneias e de que existem outras peças na Europa, nomeadamente em Paris, que estavam dados como “desaparecidos” para a História.

“Têm identificação das personagens retratadas, mas não havia a informação que permitisse perceber a sua raridade. Quando surgiu a suspeita de que seriam os dois esmaltes que estariam perdidos, houve um contacto feito por uma universidade francesa que os identificou e comunicou a espetacularidade da descoberta e foi bom perceber que, afinal, não haviam sido destruídos”, comenta o administrador da Fundação.

As gravuras de Rembrandt e os esmaltes de Limoges são as últimas surpresas do “tesouro” de Dionísio Pinheiro, que pode ser visitado em Águeda e inclui uma coleção variada de pintura portuguesa do séc. XIX, mas também prataria portuguesa, mobiliário francês do séc. XVIII, porcelana e estatuária chinesa, ou marfim indo-português e cingalês.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. :-)Não lhes dou 3 anos para colocarem tudo à venda por uma ninharia e de serem acusados pelo estado portugues de usurpação..e posso de bens de Portugal. Guerraaaaaaaaaaaa e paga o ze tuga

RESPONDER

Preços dos passes da Área Metropolitana do Porto devem manter-se em 2020

A Área Metropolitana do Porto (AMP) revelou esta quarta-feira que pretende manter inalterados os preços das assinaturas mensais Andante, em 2020, apesar da Taxa de Atualização Tarifária (TAT) de 0,38%. Em resposta à Lusa, aquela entidade …

Diplomata suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico detido

A PSP conseguiu deter, esta quarta-feira, o diplomata guineense suspeito de ter atacado o companheiro da ex-namorada com ácido sulfúrico. Depois do incidente, em Sintra, as autoridades não tinham conseguido prender por causa do seu …

TAP baptiza avião em homenagem a Raul Solnado

Raul Solnado, um dos maiores nomes do humor português, vai dar nome, a partir desta quinta-feira, a um avião da TAP. A homenagem acontece no Dia Mundial da Televisão. O batismo do "Avião Raul Solnado" acontecerá …

Fisco quer devolução de 3,5 milhões de euros por erro em declarações de IRS de 2015

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) identificou um erro na liquidação de declarações de IRS relativas a 2015, que implicou um novo apuramento do imposto em cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 …

Afeganistão declara derrota do Daesh no principal bastião no país

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, anunciou esta terça-feira a derrota do grupo extremista Daesh na província de Nangarhar, no leste, considerado um dos principais bastiões do grupo 'jihadista' no país. "Quem poderia imaginar há um …

Parlamento vota Orçamento do Estado a 10 de janeiro

O Orçamento do Estado para 2020 será discutido na generalidade em 9 e 10 de janeiro, na Assembleia da República, com votação final global marcada para 7 de fevereiro. Segundo o jornal Público, as duas primeiras …

Legionella. Fase de instrução do surto de Vila Franca de Xira começa hoje

O início desta fase facultativa, em que o Tribunal de Instrução Criminal de Loures vai decidir se o processo segue e em que termos para julgamento, está agendado para as 09h30 e decorrerá à porta …

Um dos mais influentes empresários de Malta foi detido no caso da morte de jornalista

Foi detido no seu iate o magnata Yorgen Fenech, um relevante empresário de Malta, no âmbito das investigações à morte da jornalista Daphne Caruana Galizia que estava a investigar pessoas influentes do país pelo alegado …

Presidente argentino diz que vai pagar dívida ao FMI, mas recusa mais ajustes fiscais

O Presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández, assegurou na terça-feira ao Fundo Monetário Internacional (FMI) que o país vai cumprir com os compromissos em matéria de dívida, mas rejeitou aplicar mais ajustes fiscais. "Desenvolvemos um plano …

Vieira garante "reforma" de 3,8 milhões de euros com OPA do Benfica à SAD

A OPA parcial lançada pelo Benfica à sua própria SAD desportiva vai beneficiar os accionistas com um encaixe potencial de mais de 24 milhões de euros. Luís Filipe Vieira está entre esses beneficiados, podendo encaixar …