Madeira aperta regras. Universitários que regressam têm de fazer dois testes e isolamento

Manuel de Almeida / Lusa

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque

O presidente do Governo da Madeira anunciou esta sexta-feira que as novas medidas para conter a disseminação da covid-19 abrangerão o período das festas de Natal e Ano Novo que, no arquipélago, é entre 15 de dezembro e 15 de janeiro.

“Serão um conjunto de princípios genéricos relativamente às nossas festas que, na Madeira, vão de 15 de dezembro a 15 de janeiro”.

Miguel Albuquerque tinha anunciado na quinta-feira que iam ser tomadas “regras complementares” devido ao regresso de milhares de estudantes e emigrantes para as comemorações do Natal.

“Vamos, na próxima semana, anunciar um conjunto de regras e procedimentos complementares aos que estão disponibilizados, no sentido de melhorarmos as condições de segurança e de circulação nesta época difícil que se avizinha”.

De acordo com o jornal Público, uma resolução determinou que os estudantes que regressem à Madeira sejam sujeitos a um rastreio mais apertado e a um isolamento extra em relação aos restantes passageiros.

Assim, enquanto que o normal para quem chega ao arquipélago seja a realização de um teste no aeroporto – para os que não apresentem um teste negativo feito até 72 horas antes da chegada -, e depois aguardar em isolamento pelo resultado, os estudantes universitários vão ser obrigados a um segundo teste e a uma quarentena mais prolongada.

O segundo teste será realizada entre o quinto e o sétimo dia, após o desembarque. Até ser conhecido o resultado, os estudantes têm de ficar isolados em casa.

Quanto à visita à Horários do Funchal, Miguel Albuquerque adiantou que, até 2022, a empresa será objeto de um investimento de 40 milhões de euros na aquisição de 115 novos autocarros.

De acordo com os últimos dados, divulgados na quinta-feira pelo Instituto da Administração de Saúde da Madeira, a região reportou 14 novos casos de covid-19, totalizando 167 situações ativas.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.360.914 mortos resultantes de mais de 56,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 3.701 pessoas dos 243.009 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Continuamos a alimentar esta novela.
    Por que razão os outros que morrem de outras doenças não são notícia? Até porque nunca morreu tanta gente em Portugal e não é de Covid !
    Então e relativamente aos que morrem de Covid tanto confinamento e tanta máscara e os contágios continuam. Andamos a ser manipulados não há dúvidas. O estado de emergência não está a resolver nada. Qual é o intuito de tudo o que se passa afinal?
    Depois dizem que são teorias da conspiração!

RESPONDER

Imagens mostram construção de instalação nuclear secreta em Israel

Está a ser construída uma instalação nuclear secreta em Israel, diz a Associated Press depois de analisar imagens de satélite. Os trabalhos estão a decorrer a poucos metros do antigo reator do Centro de Pesquisa …

Supremo confirma prisão efetiva de cinco anos e oito meses de João Rendeiro

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou a nulidade do acórdão que proferiu em janeiro e confirmou, assim, a condenação do antigo presidente do BPP. Num acórdão datado da passada quarta-feira, e a que a agência …

Portugal regista mais 33 mortes e 1071 novos casos de covid-19

Portugal registou, este sábado, mais 33 mortes e 1071 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 1071 novos …

Ana Gomes revela que Europol está pronta para investigar o Chega

A Europol está disponível para "ajudar as autoridades portuguesas" a investigar eventuais ligações do Chega de André Ventura a "actividades criminais internacionais". É Ana Gomes quem o revela depois de ter enviado uma participação ao …

João Almeida termina Volta aos Emirados no pódio, o seu primeiro numa prova do World Tour

O ciclista português, da equipa Deceuninck-QuickStep, assegurou, este sábado, o primeiro pódio numa prova do World Tour, ao ser terceiro na Volta aos Emirados Árabes Unidos, após a sétima e última etapa. João Almeida concluiu a prova …

Alemanha vai autorizar vacina da AstraZeneca a maiores de 65 anos

A Comissão Permanente para a Vacinação na Alemanha vai alterar a recomendação que limitava o uso da vacina da farmacêutica AstraZeneca para maiores de 65 anos. O anúncio foi feito, este sábado, por Thomas Mertens, chefe da …

Éter, Teia e Tutti-Frutti. PS e PSD decidem "os bons e os maus" entre uma centena de autarcas suspeitos

PS e PSD estão na recta final da escolha dos candidatos às próximas eleições autárquicas e os dois partidos coincidem na forma como estão a avaliar os potenciais candidatos que estão envolvidos em processos judiciais. …

"Lei Khashoggi". Estados Unidos restringem vistos a 76 cidadãos sauditas

Os Estados Unidos anunciaram a restrição à atribuição de vistos a 76 cidadãos da Arábia Saudita acusados de "ameaçar dissidentes no estrangeiro", nomeadamente o jornalista saudita assassinado, em outubro de 2018, na Turquia. Segundo o secretário …

OMS quer isenção de direitos de propriedade intelectual para vacinas

A Organização Mundial da Saúde (OMS) reclamou, esta sexta-feira, o uso de "todas as ferramentas" para aumentar a produção de vacinas contra a covid-19, incluindo a transferência de tecnologia e a isenção de direitos de …

PS propõe que independentes possam usar símbolos e siglas nas freguesias

A líder parlamentar do PS anunciou, este sábado, que o partido vai apresentar duas alterações à lei eleitoral autárquica através de um projeto de lei que deverá entrar no Parlamento na segunda-feira. Em declarações ao jornal …