O segredo da longevidade está no George Solitário, a última tartaruga gigante das Galápagos

rafael-ec / Flickr

Solitário George

No ADN da tartaruga George Solitário, o último exemplar da espécie Chelonidis abingdonii, uma equipa de cientistas encontrou o elixir da juventude.

O George Solitário viveu mais de 100 anos. Encontrado nas ilhas Galápagos, no Equador, este animal foi o último representante da espécie Chelonidis abingdonii e viveu na ilha Pinta, antes de morrer em 2012, sem deixar qualquer descendente.

Desde a sua morte que o seu ADN tem estado na mira da comunidade científica. Agora, uma equipa internacional de cientistas liderada pela Universidade de Yale (nos Estados Unidos) e pela Universidade de Oviedo (em Espanha) analisou o seu genoma em busca de pistas quer sobre o seu tamanho, quer sobre a sua impressionante longevidade.

A equipa de cientistas comparou o ADN do George Solitário com o de outra tartaruga gigante, o atol de Aldabra (Aldabrachelys gigantea), a única espécie viva de uma tartaruga gigante no Oceano Índico.

No estudo, recentemente publicado na Nature Ecology & Evolution, os biólogos fizeram uma análise completa ao genoma completo das duas tartarugas e chegaram à conclusão que as tartarugas gigantes têm uma série de variantes genéticas associadas à regulação do metabolismo e resposta imune, algo que poderá estar relacionado com os tamanhos excecionalmente grandes e com a longevidade destes animais.

As espécies que vivem mais tempo tendem a ter um maior risco de cancro. No entanto, os investigadores acharam curioso o facto de esta doença ser extremamente rara em tartarugas. O estudo mostrou que estes animais têm mais supressores de tumores em comparação com outros vertebrados.

Além disso, os cientistas encontraram alterações específicas em dois genes da tartaruga gigante cuja superexpressão é conhecida por contribuir para o cancro. Os cientistas sugerem assim estudos adicionais para determinar se estas características genómicas estão associadas ao desenvolvimento de tumores.

“Já havíamos descrito anteriormente nove características do envelhecimento e, após estudarmos 500 genes baseados nesta classificação, encontramos variantes interessantes que poderiam afetar seis dessas características em tartarugas gigantes, abrindo novas linhas para a investigação do envelhecimento”, explicou o cientista Carlos López-Otín, da Universidade de Oviedo.

Além disso, frisa a equipa, esta pesquisa ajudará a melhorar a compreensão da biologia da tartaruga gigante, podendo contribuir para uma melhor conservação de outras tartarugas gigantes das Ilhas Galápagos.

ZAP // RT

PARTILHAR

RESPONDER

União Europeia favorável a nova extensão do Brexit mas ainda sem resposta para Londres

Os 27 Estados-membros da União Europeia são favoráveis a um novo adiamento do ‘Brexit’, solicitado pelo governo britânico, mas ainda discutem a sua extensão e as conversações prosseguirão no final da semana, revelaram fontes europeias. O …

A maior família do Reino Unido vai crescer. Vem aí o 22º filho

A família Radford, conhecida como a maior do Reino Unido, anunciou através de um vídeo no YouTube que estão à espera do 22.º filho. A família Radford vive em Morecambe, Inglaterra, e anunciou através do seu …

Cientistas testam medicamento que pode revelar-se mais eficaz para tratar gripe

Cientistas testaram em animais um novo medicamento que pode revelar-se mais eficaz no tratamento da gripe, ao induzir mutações genéticas nos vírus que causam a infeção impedindo a sua replicação e a sua atividade, foi …

PSD vai indicar Fernando Negrão para vice-presidente da Assembleia da República

O PSD vai indicar o líder parlamentar cessante Fernando Negrão para vice-presidente da Assembleia da República, disse hoje à Lusa fonte oficial da bancada social-democrata. A mesma fonte indicou que o PSD irá ainda propor como …

Funcionário da Casa Branca que publicou artigo anónimo sobre Trump vai lançar livro "explosivo"

O alto funcionário da Casa Branca que em setembro do ano passado escreveu de forma anónima um artigo de opinião no The New York Times vai lançar um livro no próximo mês. De acordo com o …

Grupos secretos do Facebook prometem falsas curas para cancro e autismo

Uma investigação do Business Insider expôs casos de contas e grupos secretos no Facebook que passam publicitam "medicamentos" e "tratamentos" alternativos que custam milhares de dólares mas que, na verdade, não passam de fraudes. Segundo noticiou …

Ministério repudia agressões nas escolas e fala em casos "residuais"

O Ministério da Educação garante que as situações de violência grave nas escolas são “residuais” e que existe uma tendência de diminuição de casos, repudiando todas as agressões que considera "inaceitáveis seja quem for o …

Surto de anthrax pode ter matado mais de 100 elefantes no Botswana

Um surto de anthrax pode estar na origem da morte de mais de 100 elefantes no Botswana ao longo dos dois últimos meses. Fontes do Governo do Botswana adiantaram, citadas pela Reuters, que "as investigações preliminares …

Nove migrantes encontrados vivos em novo camião no Reino Unido

A polícia britânica encontrou um segundo camião onde viajavam nove migrantes, todos eles vivos. Ainda hoje foi encontrado um camião com 39 pessoas mortas. Horas depois de ter sido encontrado um camião com 39 pessoas mortas, …

Brexit. Primeiro-ministro da Irlanda apoia adiamento até 31 de janeiro

O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, defendeu esta quarta-feira uma prorrogação da data do 'Brexit' até 31 de janeiro, num telefonema com o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, que já recomendou aos 27 que …