LMM faz duras críticas a Cabrita e alerta Costa que não tem só responsabilidades sobre a Europa

Carlos Barroso / Lusa

Luís Marques Mendes

Esta semana, o comentário habitual de Marques Mendes, no Jornal da Noite da SIC, centrou-se sobretudo nos acontecimentos que se se desenrolaram nos últimos dias em Odemira.

Em Odemira “fez-se tudo ao contrário (…) mas a grande responsabilidade no meio disto tudo é do primeiro-ministro que tem de dar atenção a coisas que se passam cá dentro” por muito ocupado que ande com a Europa, disse Luís Marques Mendes. Neste contexto, para o comentador, o ministro Eduardo Cabrita foi “desajeitado e trapalhão”.

Defendendo também que “Eduardo Cabrita já devia ter saído do Governo há imenso tempo”, Marques Mendes considera, no entanto, que no Governo “anda toda a gente a esconder-se atrás do ministro Cabrita”. Aqui, diz o também membro atual do Conselho de Estado, a responsabilidade do Governo é “transversal” e “a grande responsabilidade é do primeiro-ministro”.

“Esta semana toda a gente se pronunciou sobre Odemira. [Mas] será que o país sabe que há uma secretária de Estado para a Integração e as Migrações? Acho que não sabe, mas há! Chama-se Cláudia Pereira e é suposto tratar destas matérias. Devia ser a primeira a aparecer e a explicar. Só que não aparece, não dá a cara, ninguém a vê, parece desaparecida em combate”, constatou.

Marques Mendes foca a crítica nesta responsável governamental que disse publicamente: “Odemira é exemplo de integração de emigrantes”.

A requisição civil do Zmar também foi alvo da crítica de Marque Mendes. “A requisição civil, aconteceu o que sempre acontece com o ministro Cabrita. Uma trapalhada. O que o ministro devia ter feito era dialogar com o Zmar, acordar condições de utilização pelos imigrantes e, só em caso de manifesto desacordo, recorrer seletivamente à requisição civil. Como fez o contrário deu a trapalhada que se vê. Confusão, avanços e recuos”.

No campo económico, Marques Mendes referiu que Vítor Bento será o próximo presidente da Associação Portuguesa de Bancos.

No que toca à Cimeira Social que se realizou esta sexta-feira e sábado no Porto, o grande elogio vai para o primeiro-ministro António Costa. “Esta Cimeira é uma vitória pessoal e política de António Costa. Não é uma vitória com resultados imediatos e concretos porque a matéria social é competência dos Estados e não da UE. Mas é uma vitória simbólica, pelo sinal, pela orientação e pela estratégia”.

O ex-líder do PSD lembra que a União Europeia tem problemas estruturais apesar dos louros colhidos no Porto. “A UE tem 16,9% de desemprego jovem”, 21% da população a viver no limiar da pobreza, e uma “desigualdade salarial séria”, já que em média as mulheres ganham menos 14,1% que os homens, considerou.

Relativamente aos prémios de gestão aos gestores do Novo Banco, que está a receber dinheiros públicos, apontou: “Acho uma decisão inqualificável, insensata, provocatória, quase pornográfica. Não aprendem nada. É falta de bom senso mas é muito grave por outra razão. Isto mina a imagem da banca e dos banqueiros. Coisas destas degradam, contaminam a imagem da banca”.

Já sobre a audição do empresário Bernardo Moniz da Maia em sede de comissão na Assembleia da República, Mendes lembra o caso de Joe Berardo e lamenta as alegadas faltas de memória.

Por fim, Marques Mendes referiu ainda que João Galamba devia demitir-se, ou ser demitido pelo primeiro-ministro, do cargo de secretário de Estado Adjunto e da Energia por ter chamado no Twitter “estrume” e “coisa asquerosa” ao programa da RTP “Sexta às 9”.

Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …