Vacina da AstraZeneca será dada a menores de 65 anos. Confinamento durará até “meio de março”

Carlos Barroso / Lusa

Luís Marques Mendes revelou na noite de domingo, no seu habitual espaço de comentário na SIC, que a vacina da Astrazeneca só será administrada a menores de 65 anos e que o confinamento durará até meados de março.

No domingo, chegaram a Portugal as vacinas da Astrazeneza, mas continua sem ter sido dito publicamente a quem serão aplicadas. Segundo Marques Mendes, “as autoridades portuguesas preparam-se para dar uma orientação prática no sentido em que, enquanto não houver mais testes, estudos, elementos, esta vacina vai ser aplicada prioritariamente a pessoas abaixo dos 65 anos”.

Em relação às prioridades no processo de vacinação, Marques Mendes frisou que estas devem ser “claras” e sem dar azo a “buracos na interpretação” e defendeu que “o discurso político tem de ser de mão pesada, para pôr ordem na casa, quando estamos a falar de fraudes e de chico-espertismo”.

“Hoje, o plano de vacinação aos olhos de muita gente está descredibilizado, por causa dos abusos, e isto é mau. Este processo não pode ser politizado, e muito menos partidarizado”, sublinhou.

Relativamente à saída de Francisco Ramos da task-force do plano de vacinação, Marques Mendes considera que saiu “com dignidade” e que foi uma escolha positiva ter ido buscar como seu sucessor “um almirante conceituado”.

O comentador disse ainda que não vai tomar a vacina a que tem direito como conselheiro de Estado e que vai esperar pelo momento da sua faixa etária, como “qualquer cidadão”.

Para Marques Mendes, no “seu critério” de vacinação prioritária não cabe o Conselho de Estado por ser “um órgão consultivo e decisório”, lembrando que apenas reúne de “três em três meses”.

Em relação ao confinamento, o ex-líder do PSD considerou que as medidas decretadas pelo Governo para controlar a disseminação da pandemia já começam a ter resultados nos números diários divulgados. Porém, a situação está pior “dentro dos hospitais do que fora”.

“A situação é especialmente grave nos hospitais”, refere, acrescentando que o país ainda não atingiu o pico no número de internamentos e que, nas próximas duas semanas, deveremos assistir a uma subida exponencial.

“As duas próximas semanas vão ser de enorme pressão sobre o SNS. É preciso não esquecer que 90% dos internados em UCI são doentes Covid e um em cada três dos internados em geral também”, alertou.

Tendo isto em conta, Marques Mendes considera que o país deverá ficar em confinamento, pelo menos, durante mais dois estados de emergência. “Pelo menos até meio de março”, estimou. “Se não for mesmo fim de março. Não podemos voltar a ter recaídas”.

O comentador referiu ainda que a pandemia vai ter um “impacto grande” na estratégia do Governo, que irá chegar a 2023 “muito desgastado e dividido”. Segundo Marques Mendes, a presidência portuguesa fica “assombrada” pelos casos, a economia pode recuperar para níveis pré-crise só em 2023 e Costa vai chegar às autárquicas em “desgaste” e “sequelas sérias”.

Para Marques Mendes, a próxima remodelação no Governo vai ser difícil porque será difícil convencer “figuras de prestígio” a irem para o Governo “num tempo de desgaste, de crise e de fim de ciclo”.

CDS: “Ganharam os dois”

Questionado sobre a crise no CDS, Marques Mendes considera que este foi um dos momentos em que “ganham os dois protagonistas: o líder do CDS e o seu desafiador”.

O antigo líder do PSD destaca que Francisco Rodrigues dos Santos “fez exatamente o que Rui Rio fez há dois anos quando foi desafiado por Luís Montenegro” e que “internamente ficou relegitimado”.

Por outro lado, o comentador diz que “Adolfo Mesquita Nunes também ganhou”, isto porque “teve um resultado acima das expetativas” e “ganhou autoridade” ao ter a “coragem” de enfrentar a atual liderança. Esta situação deixa Mesquita Nunes “em excelentes condições para disputar a liderança no Congresso do CDS daqui a um ano, se o desejar”.

Para o antigo líder do PSD, o Conselho Nacional foi sobre “ajustes de contas pessoais” e com “poucas mensagens para o país”.

Sobre a TAP, Marques Mendes disse: “Tenho de saudar este acordo, pela primeira vez os sindicatos aceitaram uma redução de salários“.

Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Nunca percebi como ainda há gente a ouvir e ver Políticos Profissionais que a única coisa que fazem é ler a Cartilha, se é isto que nos prometiam com a Liberdade de informação, com a comunicação social privada, fomos todos enganados, tínhamos televisão a defender o Estado/os Portugueses, hoje temos televisão a atacar o Estado/portugueses e a defender interesses de Grupos, tínhamos Futebol hoje pagámos para ter, tínhamos Variedades hoje nem a Pagar, temos ligue para o 700qualquer coisa

RESPONDER

Ummu tem 25 anos e é rosto das negociações com o Boko Haram

Com a Nigéria a enfrentar uma crise de raptos, Ummu Kalthum é uma das mais jovens — e mais bem-sucedidas — mediadoras a negociar acordos para libertar reféns do Boko Haram no país. Na última década, …

Liveblog Autárquicas. Urnas encerradas e abstenção entre 45 e 50%

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Alemanha: Sociais-democratas reclamam vitória (com "desastre" para os conservadores)

Os sociais-democratas SPD reivindicaram hoje vitória nas eleições parlamentares alemãs, numa altura em que os conservadores da CDU, força política de Angela Merkel, se aproximam de uma votação mínima histórica, de acordo com as primeiras …

Em 2018, cientistas de Wuhan terão planeado infetar morcegos com coronavírus

Em 2018, um grupo de cientistas da cidade chinesa de Wuhan, onde foi registado o primeiro caso de covid-19, estaria a planear infetar, com coronavírus modificados, morcegos que vivem em cavernas. Os cientistas terão pedido 14 …

Este batom foi lançado em 1971, mas está esgotado - e é mais uma prova do impacto económico do TikTok

O Black Honey da Clinique é o mais recente produto de maquilhagem a bombar no TikTok. Muitas marcas estão a notar o poder económico que em ser viral na aplicação e estão a tentar promover …

Portugal regista mais duas mortes e 599 casos de covid-19

Nas últimas 24 horas registaram-se mais duas mortes e 599 novos casos de covid-19 em Portugal, de acordo com o boletim epidemiológico da DGS. Portugal regista hoje duas mortes atribuídas à covid-19, assim como 599 novos …

Em 2021, Sochi voltou a ser Sochi e em Sochi ganha a Mercedes – com recorde histórico para Hamilton

Lando Norris, o jovem piloto da Mclaren, vai sair da Rússia com um misto de sensações. No fim-de-semana em que conquista a primeira pole position da carreira, perde também, de forma dramática, a hipótese de …

As pessoas que comem mais gordura láctea têm menor risco de doença cardíaca

As pessoas que fazem uma dieta com maior teor de gordura láctea têm um menor risco de desenvolver doenças cardiovasculares, revela um novo estudo. Uma equipa internacional de cientistas estudou o consumo de gordura láctea de …

Alaphilippe revalida título de campeão mundial de fundo

O francês Julian Alaphilippe revalidou neste domingo o título de campeão mundial de fundo, ao cortar isolado a meta no final da “prova rainha” dos Mundiais de ciclismo de estrada, que decorreram na região belga …

Do céu ao inferno. Adeptos do Palmeiras chamam "arrogante" a Abel Ferreira

O Palmeiras perdeu e está cada vez mais longe da liderança do Brasileirão. Os adeptos estão insatisfeitos com as exibições e chamaram "arrogante" a Abel Ferreira. O Palmeiras, treinado pelo português Abel Ferreira, perdeu na deslocação …