Lisboa descarrilou devido à falta de técnicos. Reforço de meios tardou duas semanas

Mário Cruz / Lusa

Na Amadora, um dos concelhos mais afetados, chegou a haver 100 casos positivos em que não foi possível fazer o trabalho de identificação e isolamento de contactos, possivelmente infetados com o novo coronavírus, por falta de capacidade de resposta da equipa de saúde pública local.

A notícia é avançada este sábado pelo semanário Expresso, que adianta que o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, responsável por coordenar o combate à covid-19 na região de Lisboa, sublinhava, para um artigo publicado no dia 13 de junho, que o importante era “a rapidez de resposta e em rede”.

Na altura, o responsável referiu que a estratégia nas semanas seguintes iria ser “a velocidade com que se referencia e isola um caso positivo”. “Tenho plena consciência do cansaço de todos, mas a saúde pública tem de aumentar a intensidade. Se for preciso, serão disponibilizados mais meios.”

Os meios começaram a chegar à Amadora no dia 15 de junho, altura em que havia quatro a cinco elementos a fazer o rastreio dos contactos de casos positivos, passando a haver oito a nove profissionais dedicados a essa tarefa.

No entanto, o Expresso sublinha que, nessa altura, já tinham passado duas semanas desde que a equipa de saúde pública do concelho requisitou reforços. O pedido de ajuda foi feito assim que a situação começou a ficar crítica, na última semana de maio.

“O que acabou por acontecer foi que estas unidades locais tiveram muitas dificuldades em dar resposta em tempo útil e esses reforços deviam ter sido planea­dos e decididos muito antes, porque já sabíamos que era expectável, com a retoma da atividade, um aumento de casos em certos contextos”, lamentou Ricardo Mexia, presidente da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública (ANMSP).

O dirigente culpa a falha de planeamento e aponta responsabilidades. “Acima das unidades estão as ARS [administrações regionais de saúde] e acima das ARS está a DGS [Direção-Geral da Saúde] e a tutela. A DGS deveria ter dado indicações para o reforço de meios, inclusive para dar descanso aos colegas que estão a trabalhar de forma intensa e ininterrupta há muitas semanas.”

A partir deste sábado, a equipa da Amadora começa a contar com a ajuda de 10 a 12 médicos internos, que passam a garantir os fins de semana em regime de horas extraordinárias. Guilherme Gonçalves Duarte, membro da ANMSP e médico de saúde pública, conta que a situação no terreno é muito difícil.

Há casas onde vivem oito ou nove pessoas. E passámos a ter casos positivos em bairros sociais em que as pessoas estão muito na rua, porque simplesmente não conseguem aguentar muito tempo em casa”, disse ao Expresso.

De acordo com um relatório do Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), o rastreio de contactos é essencial “tanto como método para conter o vírus onde existe um número limitado de casos como enquanto instrumento eficaz no contexto da transmissão generalizada”, sendo determinante nas fases de desconfinamento.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Primeiro-ministro da Arménia acusa militares de tentativa de golpe de Estado

O primeiro-ministro da Arménia referiu-se hoje a "tentativa de golpe de Estado" depois de o Estado Maior ter pedido o afastamento do governo num contexto de protestos por causa da derrota no último conflito com …

EUA condenam Coreia do Norte a indemnizar militares torturados em 1968

A Justiça dos Estados Unidos (EUA) condenou Pyongyang a indemnizar em 2,3 mil milhões de dólares (cerca de dois mil milhões de euros) os tripulantes de um navio da Marinha norte-americana, que foram capturados e …

Ex-gestores do Novo Banco seguem para Banco do Fomento e para CGD

Os gestores Vítor Fernandes e Jorge Freire Cardoso, que saíram do Novo Banco em divergência com a estratégia da Lone Star, vão desempenhar as funções de presidente do Banco de Fomento e de administrador na Caixa …

EUA acusado de prometer contrapartidas a Cabo Verde pela extradição de testa-de-ferro de Maduro

O antigo juiz espanhol Baltasar Garzón, que coordena a defesa de Alex Saab, detido em Cabo Verde e considerado testa-de-ferro do Presidente venezuelano Nicolás Maduro, acusou na quinta-feira os Estados Unidos (EUA) de prometerem contrapartidas …

Bispo italiano sugeriu a padre que pagasse 20 mil euros a vítima de pedofilia

O bispo católico de Como, em Itália, afirmou ter sugerido a um jovem padre suspeito de pedofilia que pagasse 20 mil euros à suposta vítima para encerrar uma investigação interna ao caso ocorrido numa residência …

Governo reforça financiamento de projetos LGBTI com 50 mil euros

O Governo vai reforçar em 50 mil euros o financiamento de projetos de organizações que atuem na defesa dos direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexo (LGBTI), anunciou o gabinete da secretária de …

CDS pede ao Governo "um plano de desconfinamento controlado, à inglesa"

Francisco Rodrigues dos Santos quer que o Executivo apresente um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores. Esta sexta-feira, o presidente do CDS-PP insistiu na necessidade de o Governo apresentar um …

Para os idosos que estão em lares, visitar a família sem isolamento poderá acontecer em maio

A CNIS estima que, com todos os idosos residentes em lares vacinados, maio possa ser o mês da libertação depois de mais de um ano de pandemia, confinamentos e restrições apertadas. DGS diz que orientações …

UE retalia e declara chefe da missão venezuelana "persona non grata"

A União Europeia (UE) decidiu, esta quinta-feira, declarar a chefe da missão venezuelana em Bruxelas persona non grata, respondendo ao anúncio feito por Caracas de dar 72 horas à embaixadora comunitária para abandonar o país. "Por …

Novo problema num Boeing 777 leva a aterragem de emergência na Rússia

Um Boeing 777 da companhia aérea russa Rossiya fez uma aterragem de emergência em Moscovo, esta sexta-feira, devido a um problema de motor, uma semana depois de um incidente semelhante com um aparelho do mesmo …