Governo lança linha de apoio de 10 milhões para contratação de recursos humanos no setor social

António Cotrim / Lusa

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social anunciou o lançamento de uma linha de financiamento, no valor de 10 milhões de euros, para a contratação de recursos humanos no setor social.

Segundo Ana Mendes Godinho, o novo programa, denominado Adaptar + Social, destina-se ao apoio à contratação de recursos humanos no setor social e à implementação de medidas de prevenção no âmbito da pandemia da covid-19.

“Vamos ter uma linha chamada Adaptar + Social, que é exatamente para que as instituições possam implementar medidas de prevenção e aquisição de equipamentos de proteção individual, também para ajudar nesta próxima fase de prevenção”, disse a ministra este domingo.

A governante falava aos jornalistas durante uma visita ao Centro Social Paroquial Mensagem de Fátima, em Pínzio, no concelho de Pinhel, distrito da Guarda, que gere um lar de idosos onde foram registados casos de utentes infetados com covid-19, inserida numa deslocação a lares de idosos para fazer o balanço das várias medidas implementadas no âmbito da pandemia.

“Esta linha, vai ser lançada já no início de julho, precisamente também para que as instituições se possam preparar e capacitar, para estarem bem preparadas e para reponderem a todas estas situações que têm tido”, declarou, indicando que “vai ter 10 milhões” de euros.

Ana Mendes Godinho disse que o Governo também vai lançar o programa PARES 3.0, “com 110 milhões [de euros] para todo o país”.

“[É um programa] para alargamento dos equipamentos sociais e ampliação das respostas sociais, para conseguirmos chegar a mais pessoas, num momento em que o setor social ganha cada vez mais importância na resposta às populações”, declarou.

A ministra referiu-se ainda ao lançamento do novo programa Radar Social, “para apoio aos idosos e para reforço do serviço domiciliário”.

As medidas inserem-se no âmbito do programa de estabilização económica e social lançado pelo Governo.

“Nós previmos, exatamente, o reforço muito grande do ponto de vista do setor social, quer de reforço dos acordos de cooperação do setor social para compensar os custos que [as instituições] têm tido com estas várias medidas que têm sido implementadas para proteger os idosos”, disse.

A ministra reconheceu ainda que foi feito “um trabalho extraordinário na proteção dos idosos” nos lares e o objetivo é manter a “capacidade de proteção das pessoas mais vulneráveis” durante a pandemia.

Ana Mendes Godinho, que estava acompanhada pela secretária de Estado da Ação Social, Rita Mendes, também visitou as Santas Casas da Misericórdia de Vila Nova de Foz Côa e de Gouveia, duas instituições do distrito da Guarda que possuem lares de idosos e registaram casos de utentes infetados com covid-19.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cidade japonesa acaba de proibir a utilização de telemóveis enquanto se caminha

A cidade japonesa de Yamato acaba de aprovar uma proposta de lei que proíbe as pessoas de utilizarem telemóveis enquanto caminham. A cidade, localizada num subúrbio de Tóquio, entende que os telemóveis são um risco …

MIT apagou base de dados popular que ensinou IA a ser racista e sexista

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, viu-se obrigado apagar uma base de dados de treinamento de Inteligência Artifical (IA) depois de esta ensinar vários algoritmos a usar insultos racistas e sexistas. …

Escola Básica e fábrica de Paços de Ferreira encerradas, com nove casos positivos

A Escola Básica n.º 2 e a Fábrica de Lacados Abrelac, em Paços de Ferreira, Porto, foram encerradas após diagnosticados nove casos de covid-19 para “prevenção” e para “interromper as cadeias de transmissão”, disseram hoje …

Mais nove mortes e 328 casos confirmados em Portugal

Portugal regista hoje mais nove óbitos por covid-19, em relação a sábado, e mais 328 casos de infeção confirmados, dos quais 254 na região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo os dados da Direção-Geral …

Cientistas criam miniatura de ondas de choque de supernovas (e quase desvendam um mistério)

Esta versão em miniatura das ondas de choque das supernovas pode ter ajudado os cientistas a chegar muito perto da resolução de um antigo mistério cósmico. Uma equipa de investigadores do Departamento de Energia do Centro …

Na Indonésia, são os recém-licenciados quem mais vai sofrer com o impacto económico da covid-19

A covid-19 continua a desacelerar a economia na Indonésia e pode causar graves impactos nos recém-licenciados que entram no mercado de trabalho pela primeira vez. Na Indonésia, o crescimento económico diminuiu para 2,97% durante o primeiro …

Mudanças climáticas ameaçam 60% das espécies de peixes do mundo

Uma nova investigação levada a cabo por cientistas do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, sugere que as mudanças climáticas podem destruir mais espécies de peixes do que se pensavam anteriormente. Se as temperaturas globais subirem …

Engenheiros desenvolvem célula de combustível duas vezes mais eficiente do que a de hidrogénio

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu um novo processo para uma célula de combustível que funciona com o dobro da tensão das células a combustível tradicionais de hidrogénio. O novo …

Preços das bebidas concertados durante anos. Seis supermercados sob suspeita de cartel

Seis grupos de distribuição alimentar e dois fornecedores de sumos, vinhos e outras bebidas, foram acusados pela Autoridade da Concorrência de concertarem preços durante vários anos em prejuízo do consumidor. "Após investigação, a Autoridade da Concorrência, …

Sindicato denuncia mobilização forçada de médicos para tratar surto de Reguengos de Monsaraz

O Sindicado dos Médicos da Zona Sul (SMZS) denunciou hoje o que diz ser uma “mobilização forçada de médicos” pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo para o combate ao surto de covid-19 de …