Leopoldo López admite que nunca quis fugir (e promete regressar para “libertar” a Venezuela)

Miguel Gutierrez / EPA

Leopoldo López, um dos líderes da oposição na Venezuela

O líder da oposição venezuelana Leopoldo López disse esta terça-feira, em Madrid, na primeira conferência de imprensa depois de ter saído do seu país, que nunca o quis deixar e que a intenção é “regressar para libertar a Venezuela”.

“Eu não queria sair da Venezuela, sempre disse isso, infelizmente as circunstâncias levaram-me a isto”, afirmou o líder da oposição, que descreveu o governo do Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, como uma “ditadura”.

“Hoje, graças ao trabalho de muitos líderes venezuelanos, está claro que a Venezuela é uma ditadura e Maduro é um criminoso”, disse López, que acrescentou acerca do Presidente venezuelano que o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos o considera “cruel, repressivo e assassino”.

Leopoldo López chegou a Madrid no último domingo, depois de deixar a residência do embaixador de Espanha em Caracas, onde estava como “convidado” desde 30 de abril de 2019, deixando depois o país “clandestinamente” através da fronteira com a Colômbia.

López permaneceu na residência do embaixador espanhola desde que deixou a prisão domiciliar em que se encontrava, para juntar-se a uma tentativa de levantamento militar levada a cabo pelo opositor Juan Guaidó, que cerca de 50 países reconhecem como Presidente interino da Venezuela.

O político foi condenado a 14 anos de prisão, acusado de ter promovido manifestações violentas contra o Governo, e passou três anos na prisão militar de Ramo Verde, para onde o regime costuma enviar os seus adversários, até ser transferido para o regime domiciliário, em 2017.

Em junho, Maduro acusou o embaixador de Espanha no país, Jesus Silva Fernández, de cumplicidade com um político (seu opositor) numa conspiração para realizar um golpe de Estado que incluiria o seu assassinato. .

Na conferência de imprensa em Madrid, Leopoldo López agradeceu a “Deus” e ao Governo de Espanha por ter podido sair da Venezuela e referiu-se ao opositor Guaidó como “o Presidente legítimo da Venezuela”.

“A partir de aqui poderei contribuir como parte de uma equipa liderada por Juan Guaidó e tenho a certeza que vamos apoiar muito de fora”, vincou o líder da oposição, que se descreveu como uma “vítima” e comentou que “todas as vítimas merecem justiça”.

A Europa não pode virar as costas, nem os Estados Unidos”, perante um regime que, segundo a ONU, cometeu “crimes contra humanidade”, apontou López, acompanhado pela sua mulher, filhos e pais.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …

Sob o nariz dos militares norte-coreanos, ex-ginasta salta muro de 3 metros e foge para a Coreia do Sul

Um homem norte-coreano que queria escapar da sua terra natal deu um salto de quase três metros num muro no início deste mês. O salto, que ocorreu sob os narizes dos soldados, trouxe-o para a …

Islândia quer tornar-se um refúgio para o teletrabalho. Mas não é para todos

A Islândia fez uma série de alterações no seu programa de vistos de trabalho remoto para cidadãos foram do espaço Schengen, tendo como objetivo tornar-se num destino atraente para os trabalhadores que procuram escapar dos …