Cidade inglesa de Leicester em confinamento local. Escolas e comércio voltam a fechar

David Hanwell / Flickr

Centro de Leicester

Lojas de bens não essenciais devem fechar a partir desta terça-feira em Leicester, no norte de Inglaterra, onde o governo britânico decretou um confinamento local devido ao número elevado de casos de infeção com a covid-19.

O ministro da Saúde, Matt Hancock, disse à BBC , citada pela agência Lusa, que a decisão foi tomada porque “ficou claro que este surto não estava a ser controlado” com o aumento de testes e outras medidas de monitorização pelas autoridades locais implementadas há cerca de uma semana.

De acordo com dados da direção geral da saúde Public Health England, foram diagnosticados quase três mil casos de pessoas infetadas em Leicester desde o início da pandemia, dos quais 866 nas últimas duas semanas.

Num depoimento no parlamento já depois das 21:00 de segunda-feira, mais tarde do que inicialmente previsto, Hancock disse que Leicester, uma cidade com cerca de 350 mil habitantes, “foi responsável por cerca de 10% de todos os casos positivos no país na semana passada” e que estão a ser registados seis a 10 internamentos hospitalares por dia, contra cerca de um por dia noutras regiões.

O confinamento local decretado pelo governo implica que as escolas vão voltar a fechar na quinta-feira para a maioria dos alunos, mantendo apenas os filhos de trabalhadores de serviços críticos, e os bares, restaurantes e outros espaços comerciais não poderão reabrir ao público este sábado como no resto do país.

O ministro da Saúde britânico disse que as autoridades têm identificado e controlado outros surtos locais, nomeadamente em Kirklees, no norte de Inglaterra, atribuído a uma fábrica de processamento alimentar, ou em Weston super Mare, no sudoeste, num hospital.

Porém, a dificuldade em controlar a situação em Leicester, sob vigilância há quase duas semanas, sugere que existe uma transmissão do vírus na comunidade, pelo que o governo teve de adotar medidas mais rigorosas.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, já tinha admitido que o governo poderia ter de aplicar confinamentos locais, numa estratégia que apelidou de “paulada na toupeira” [whack-a-mole], numa referência a um jogo popular em que os participantes têm de martelar as toupeiras à medida que elas surgem à superfície.

“O crucial é garantir que estamos prontos a reprimir surtos locais. É por isso que estão a ser tomadas as medidas em Leicester”, disse na segunda-feira à Times Radio.

De acordo com o Daily Telegraph, existem mais 36 cidades inglesas com um aumento significativo de casos, embora Matt Hancock tenha vincado que o número de novas infeções em Leicester é três vezes superior à cidade com o segundo valor mais alto.

O Reino Unido registou até segunda-feira 43,575 mortes (em 311.151 casos de infeção) durante a pandemia covid-19, o maior número na Europa e o terceiro maior no mundo, atrás dos Estados Unidos e Brasil.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Então não são os bifes , que dizem que Portugal é um dos países de risco?
    Talvez não fosse má ideia o M. N, Estrangeiros emitisse um comunicada onde qualquer cidadão britânico que entrasse em Portugal , teria de ficar em quarentena.
    Há duas razões para que isso não aconteça , tomates e dinheiro , ou falta dos dois .

RESPONDER

Cientistas "encontraram" a válvula de Nikola Tesla nos intestinos de tubarões

Cientistas descobriram que os intestinos de tubarões funcionam de forma semelhante à famosa válvula unidirecional de Nikola Tesla, criada há mais de 100 anos. Pela primeira vez, cientistas fizeram exames 3D de intestinos de tubarão para …

Recolher obrigatório, limitação horária nos restaurantes e restrições por concelho podem acabar hoje

Na reunião de terça-feira no Infarmed, os peritos concluíram haver condições para começar a aliviar algumas das medidas restritivas em vigor. Em Conselhos de Ministros, que se irá realizar hoje, o Governo irá definir novas …

Alerta de tsunami no Alasca depois de sismo de magnitude 8.2

A península do Alasca, a oeste dos Estados Unidos, foi atingida por um sismo de magnitude 8.2 na noite de quarta-feira (7h15 de quinta-feira em Lisboa) e já foi lançado um alerta de tsunami na …

Conselho de Ministros reúne-se para discutir próximos passos no desconfinamento

O Conselho de Ministros reúne-se esta quinta-feira para decidir os próximos passos no processo de abertura do país, dois dias depois de especialistas terem sugerido a evolução das medidas de restrição de acordo com a …

Capacete magnético mostra-se eficaz na redução de tumor cerebral

O diagnóstico de um cancro é sempre complicado, mas há partes do corpo onde a presença da doença pode ser mais ameaçadora. É o caso do glioblastoma, um tipo de cancro cerebral, que se não …

Engenheiros japoneses fizeram levitar objectos com "armadilha acústica"

Engenheiros japoneses descobriram uma forma de fazer pequenos objectos levitar usando apenas ondas sonoras, o que pode ser um passo importante para a tecnologia. A engenharia biomédica, o desenvolvimento de farmacêuticos e a nanotecnologia podem vir …

Juno fez a maior aproximação a Ganimedes das duas últimas décadas (e as imagens são de cortar a respiração)

A NASA divulgou, recentemente, um vídeo da sonda Juno a passar por Júpiter e Ganimedes, uma das suas luas. As imagens são de cortar a respiração. Juno visitou Ganimedes em junho. As imagens foram captadas no …

Homicídio com 32 anos resolvido com a menor amostra de ADN de sempre

Um caso de homicídio ocorrido há 32 anos, que muitos consideraram impossível de ser resolvido, foi finalmente desvendado (e tudo graças à amostra de ADN mais pequena de sempre usada para decifrar um caso). De acordo …

Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas. Os …

Alemão foi forçado a remover estátua do pai por esta se parecer com Hitler

Um alemão foi obrigado a retirar uma figura de madeira de um cemitério, que seria para homenagear o seu falecido pai, por ter semelhanças com o antigo ditador nazi. As autoridades do município de Weil im …