Julie morreu aos 16 anos com Covid-19. É a vítima mortal mais jovem de França

Jean-Christophe Bott / EPA

Julie A., uma jovem de 16 anos, morreu esta semana em França com Covid-19, tornando-se na vítima mortal mais jovem do novo coronavírus oriundo da China em território francês.

A jovem, que vivia nos subúrbios de Paris, só foi diagnosticada com a doença ao terceiro teste realizado. Os dois primeiros deram negativo para a Covid-19, doença que já infetou mais de 500.000 pessoas e já fez mais de 24.000 mortes em todo o mundo.

Em declarações à agência noticiosa AFP, a mãe da jovem, Sabine, contou que a sua filha só teve sintomas ligeiros associados à doença. “Só tinha tosse”, disse.

A tosse surgiu há cerca de uma semana, aparecendo depois no sábado, dia 21 de março, os primeiros problemas respiratórios. “Começou a ficar sem fôlego”, contou a mãe de Julie, detalhando que no domingo, dia 22, levou a sua filha a uma clínica privada, onde lhe foi diagnosticado uma insuficiência respiratória “aceitável”.

Ainda assim, conta o jornal Observador, foi chamada uma ambulância e Julie foi levada para um hospital generalista e, no mesmo dia, para um Hospital Pediátrico Necker, onde fez dois testes à Covid-19 que se revelaram ambos negativos.

Dois dias depois, na terça-feira, dia 24 de março, Julie foi transferida para a unidade de cuidados intensivos da unidades hospitalar e, nesse mesmo dia à noite, a família foi informada que o terceiro teste à Covid-19 tinha sido positivo.

“Não acreditámos. Pensávamos que se tinham enganado“, contou Sabine à agência, detalhando que se dirigiu para o hospital nesse mesmo dia, por volta da meia noite.

Quanto chegou ao hospital, a sua filha já tinha falecido.

“Nunca teremos uma resposta, é insuportável”, disse Sabine.

Em conferência de imprensa, o diretor-geral de Saúde de França, Jerôme Salomon, confirmou a morte de Sabine, frisando não poder adiantar “detalhes”  e referindo que a morte de uma pessoa tão jovem com a doença é algo “extremamente raro”.

Na passada quarta-feira, uma jovem de 18 anos morreu no Reino Unido com a Covid-19, apesar de ser uma jovem saudável.

Os jovens “não são invencíveis”

Na semana passada, a Organização Mundial de Saúde deixou um alerta aos jovens.

Apesar de se saber que esta é uma doença particularmente letal entre as pessoas mais idosas, o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, deixou um aviso aos mais jovens perante um aumento dos casos de jovens infetados.

“Vocês não são invencíveis. Este vírus pode deixar-vos no hospital durante semanas ou até matar-vos. E, mesmo que não fiquem doentes, quando decidem se vão ou não a um sítio isso pode significar a diferença entre outra pessoa morrer ou sobreviver”.

A OMS salienta que “os mais novos não são poupados” à doença e que as pessoas com menos de 50 anos são “uma percentagem significativa dos infetados”.

“Cada morte é uma tragédia e uma motivação para impedir o contágio e salvar vidas”, referiu Ghebreyesus. “Solidariedade, solidariedade, solidariedade” entre países e grupos etários diferentes é “a chave para derrotar” a doença.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Não haverá acordo" se Londres não respeitar compromissos, avisa Michel Barnier

O negociador europeu para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE), Michel Barnier, sublinhou no domingo que "o tempo urge", avisando que não haverá acordo se Londres permanecer nas posições anteriores. "O Reino Unido …

Ex-Benfica Garay acusa Valência de "campanha difamatória"

Ezequiel Garay acusou o Valência de levar a cabo uma "campanha difamatória" contra si. "Dói ver estas coisas quando estão a prejudicar os que amas", disse o argentino. O ex-jogador do SL Benfica Ezequiel Garay cumpre …

O maior salto em cinco anos. Dívida pública atingiu recorde em abril

A dívida pública aumentou para 262,1 mil milhões de euros em abril, o valor mais alto desde 1995, segundo os dados divulgados pelo Banco de Portugal. A dívida pública aumentou para o valor recorde de 262,1 …

Diabéticos e hipertensos. PSD quer debater alteração que retirou estes doentes de regime excecional

O PSD pediu a apreciação parlamentar do decreto-lei que retirou doentes hipertensos e diabéticos do regime excecional de proteção relativo à covid-19. A apreciação parlamentar permite que a Assembleia da República debata, altere e, no limite, …

Norte sem contágios por covid-19. Grande Lisboa regista 96,5% dos novos casos

Portugal regista hoje 1.424 mortes relacionadas com a covid-19, mais 14 do que no domingo, e 32.700 infectados, mais 200, segundo o boletim da Direcção-Geral de Saúde (DGS). 193 dos novos casos são na área …

Aviões deixam de ter lotação reduzida a partir desta segunda-feira

Os aviões deixam, a partir desta segunda-feira, de ter a lotação de passageiros reduzida a dois terços, mas o uso de máscara comunitária é obrigatório. O Governo alinhou, assim, as regras nacionais pelas regras europeias no …

Marcelo pede que não se passe do "8 para o 80" e alerta para imagem do país

O Presidente da República reiterou hoje o apelo à população para que não se passe “do 8 para o 80” nas medidas de prevenção da covid-19, alertando para os riscos da imagem do país “cá …

Só metade das crianças deverá voltar ao pré-escolar esta segunda-feira

As crianças em idade pré-escolar regressam esta segunda-feira aos jardins de infância, que voltam a funcionar com novas regras, depois de encerradas durante mais de dois meses, devido à pandemia da covid-19. Apesar do regresso, que …

Dois astronautas (e um dinossauro de peluche) chegaram à EEI à boleia da SpaceX

Para além dos astronautas Doug Hurley e Bob Behnken, seguia a bordo da Crew Dragon um dinossauro de peluche com lantejoulas. E há uma explicação para isso. Este sábado, o foguetão Falcon 9, da SpaceX, fez …

Pescadores já podem capturar sardinha, mas recuo no consumo é uma preocupação

Os pescadores voltam a poder capturar sardinha, a partir desta segunda-feira, e até 31 de julho, com limites diários e semanais, segundo um despacho publicado em Diário da República. De acordo com o diploma, assinado pelo …