Johnson retira lote de pó de talco para bebé (mas insiste que é seguro)

A Johnson & Johnson decidiu mandar retirar um lote de pó de talco para bebé, vendido online nos Estados Unidos, depois de ter contestado várias vezes a existência de vestígios de amianto nos seus produtos.

A decisão foi tomada na sequência dos resultados de um teste feito a uma embalagem comprada na Internet, que detetou a presença de amianto, ainda que numa quantidade mínima. O mesmo teste, feito numa segunda embalagem também pela FDA, teve resultados negativos, de acordo com o Observador.

Por “abundante precaução”, a empresa norte-americana decidiu retirar aquele lote, “de forma voluntária”, como explicou em comunicado, sem deixar de sublinhar a quantidade mínima do vestígio que foi encontrado e a possibilidade de ter havido contaminação cruzada na análise. No total, são 33 mil embalagens retiradas do mercado.

Além disso, estarão a ser feitas outras investigações para perceber se houve alguma contaminação da embalagem alheia à empresa ou se o produto foi alterado depois da compra.

O recuo da Johnson & Johnson acontece numa altura em que a empresa usa todos os meios para contestar os milhares de queixas que têm sido apresentadas em tribunal, por consumidores que atribuem o facto de terem cancro à exposição ao produto e ao amianto que, alegadamente, contém. A essas queixas juntam-se ainda outros processos judiciais relacionados com outros produtos, como dispositivos médicos ou fármacos específicos.

No ano passado, a Reuters revelou que a empresa sabia há mais de 40 anos da eventual presença de vestígios de amianto no pó de talco que comercializava. Em dezembro, uma reportagem do The New York Times tornava públicos documentos internos. Já em 1971 tinha sido sugerido que os controlos de qualidade fossem mais apertados por causa desse risco. Nos memorandos, era referido “um grave risco para a saúde”.

No ano passado, a J&J venceu várias queixas, mas está ainda a recorrer da condenação num caso que envolve 22 mulheres, que culpam a Johnson & Johnson por terem tido – ou terem ainda – cancro nos ovários, por causa da presença de amiante no pó de talco. Nesse processo, a condenação foi pesada: a empresa foi condenada a pagar quase 5 mil milhões de dólares de indemnização pelos dados dados como provados.

A notícia da retirada do lote de pó de talco para bebé teve um impacto imediato no valor da empresa. Na bolsa, as ações da Johnson & Johnson cairam mais de 4%.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Maionese está a salvar tartarugas após derrame de petróleo em Israel

Membros do Centro Nacional de Resgate de Tartarugas Marinhas de Israel estão a usar maionese para limpar as vias respiratórias de tartarugas que inalaram petróleo em alto-mar. Israel fechou este domingo as praias mediterrânicas dias após …

Itália investiga empresas de entrega de comida. Há estafetas tratados "como escravos"

Itália está a investigar as empresas de entrega de comida online, com um promotor a lamentar que os estafetas que fazem as entregas, muitos deles imigrantes, são praticamente tratados "como escravos". Procuradores de Milão avançaram que …

O IONIQ 5 é o novo carro elétrico da Hyundai (e é enorme entre eixos)

O ano 2021 vai ser promissor na apresentação e lançamento de carros elétricos no mercado mundial. Algumas marcas, como a Hyundai, têm produtos prontos para serem comercializados. Agora, a marca sul-coreana apresenta o IONIQ 5. Com …

Em Moscovo, qualquer um pode ser vacinado contra a covid-19 (e até ganha um gelado)

Em Moscovo, capital da Rússia, a vacina Sputnik V está disponível gratuitamente a qualquer pessoa que queira ser vacinada desde 18 de janeiro. Os interessados não precisam de agendar a toma e até ganham um …

As abelhas convenceram-nos de que sabiam matemática. Mas mentiram-nos

O novo estudo não significa necessariamente que as abelhas não entendam números, mas sugere que os animais usam propriedades não numéricas para resolver problemas matemáticos. Vários estudos convenceram-nos de que as abelhas são pequenos génios matemáticos: …

Liam Thorpe era prioritário na vacinação contra a covid-19 por ter 6,2 cm. Foi um erro

Liam Thorp, um homem de 32 anos sem comorbilidades, foi incorporado na lista de cidadãos prioritários para a vacinação contra a covid-19 no Reino Unido. Tudo por causa de um erro no sistema, que o registou …

Decisão de Lyon de retirar carne das ementas escolares gera protestos em França

A decisão temporária do presidente da Câmara de Lyon, membro do partido Europa Ecologia - Os Verdes, está a ser recebida com protestos em França. De acordo com o jornal The Guardian, Grégory Doucet decidiu retirar …

Roma 3-1 SC Braga | Minhotos despedem-se na Cidade Eterna

Portugal está sem equipas na Liga Europa 2020/21. O Sporting de Braga deslocou-se a Roma e perdeu por 3-1, terminando a eliminatória dos 16 avos-de-final com um agregado de 5-1, após a derrota por 2-0 …

Desenhe o seu próprio icebergue. Um site diz-lhe se flutua ou se vira

Joshua Tauberer criou um simulador de icebergues com o objetivo de demonstrar que a glacióloga Megan Thompson-Munson estava certa. "Um icebergue alongado não flutuaria de cabeça, mas de lado", disse a especialista na semana passada. A …

Divulgados vídeos que sugerem como poderão ser os primeiros óculos de Realidade Aumentada da Samsung

A Samsung tem falado de óculos de Realidade Aumentada (RA) há anos, tendo recentemente lançado um conjunto básico de óculos de projeção de imagem no palco CES 2020. Porém, nunca tinha sido visto a empresa …