“Já passei do prazo”. Legislativas são as últimas eleições de Marinho e Pinto

RTP / Flickr

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado pelo MPT

O presidente do Partido Democrático Republicano (PDR), Marinho e Pinto, revelou esta quinta-feira que as legislativas de outubro serão as suas últimas eleições, decisão que mantém seja qual for o resultado obtido pelo partido.

“É a última vez que concorro a qualquer coisa, já passei do prazo, estou fora”, disse, em entrevista à revista Visão, dando conta que a sua quarta eleição será também a sua última.

“Se não for eleito, é a ultima vez que concorro a uma eleição (…) Se for eleito também é a última vez, porque não me candidato seja ao que for daqui a quatro anos”, acrescentou o advogado e ex-bastonário da Ordem, apontando a sua idade, bem como o estado da política no país como principais motivos para este afastamento

“Já tenho quase 70 anos, há muito que devia ter deixado a política”, aponta, antes de deixar duras críticas à política portuguesa. “Só temos uma estratégia e uma tática: apontar o que está mal num país em que não há espaço para a cidadania, onde ninguém pode ser candidato se não for por um dos partidos [tradicionais]”, lamenta.

“A vida política transformou-se numa coisa degradante (…) Lutei quando era difícil, mas se soubesse que era para isto não o teria feito. A política atrai os piores”, disse à revista.

Marinho e Pinto insiste na ideia de que Portugal “não tem mudança”, antevendo que Portugal pode mesmo vir a ter um ditador impulsionado por eleitores desiludidos. “Acreditei que era possível mudar as coisas pela vida democrática, mas já percebi que não. O país não tem mudança (…) Há de vir aí um ditador”, afirma, elencando alguns exemplos.

“Trump, Bolsonaro, Orban, Salvini, o Vox aqui ao lado, a [Marine] le Pen, em França – nada disso são epifenómenos, é o resultado de opções de eleitores desiludidos com a democracia (…) O sistema democrático em Portugal perdeu a superioridade moral que tinha em relação à ditadura”, vaticina.

Críticas aos políticos e aos média

Na mesma entrevista, publicada esta quinta-feira na edição da Visão, Marinho e Pinto estende as críticas aos políticos, traçando um cenário que diz estar cada vez pior.

“Isto está cada vez pior, cobram-se mais impostos, as clientelas são cada vez mais vorazes, há políticos que o são desde os 14 anos e que, provavelmente, não sabem o que é pagar o próprio telemóvel porque o partido sempre assumiu esse custo, não sabem o que é pagar um almoço porque sempre usaram o cartão do Estado, e a comunicação social foi corrompida de alto a baixo”, critica.

Tal como recorda a revista, o cabeça de lista pelo círculo eleitoral do Porto nas legislativas de outubro, pelas listas do PDR, que fundou depois de romper com o MPT, anuncia a sua saída da vida política cinco anos depois de ter regressado.

Em 2014, recorde-se, foi eleito para o Parlamento Europeu nas primeiras eleições que disputou, que foram também as únicas que venceu.

Marinho e Pinto ainda tentou conquistar um lugar na Assembleia da República, mas ficou a 14 mil votos do PAN e falhou o objetivo.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Aqui está um homem que não faz qualquer falta ao país. Por mim estarias reformado ainda antes de teres começado. Um conselho amigo: não escolhas Lisboa para viver a reforma. Bem sabes que não dá com 5 mil euros.

Depois do "selo Brexit", os correios da Áustria emitem o "selo corona" impresso em papel higiénico

O serviço postal da Áustria uniu dois pontos da pandemia do novo coronavírus ao criar um selo impresso em papel higiénico que, segundo os correios, as pessoas também podem, a qualquer momento, usar para ajudar …

A Moog celebra os 100 anos do Theremin com um novo instrumento: o Claravox Centennial

Este ano marca o 100º aniversário do Theremin - um dos primeiros instrumentos musicais completamente eletrónicos, controlado sem qualquer contacto físico pelo músico. Para celebrar vai ser lançado o Claravox Centennial. Foi em 1920 que Leon Theremin, …

Depósito inexplorado na Sibéria tem uma das maiores reservas de ouro do mundo

O maior produtor de ouro da Rússia, PJSC Polyus, anunciou esta semana que o seu depósito inexplorado em Sukhoi Log, na região siberiana de Irkutsk, possui uma das maiores reservas mundiais deste metal preciosos. De …

Os novos iPhones não trazem carregador. Apple poupa muito nos custos, mas não no ambiente

A Apple decidiu vender os seus novos iPhones sem carregador ou auscultadores, alegando que a alteração tem em conta o ambiente, uma vez que serão utilizados menos produtos na embalagem dos telemóveis, mas os especialistas …

Caça ao tesouro secular. Lendária ilha pode esconder Santo Graal, manuscritos de Shakespeare e jóias reais

Perto da Nova Escócia, no Canadá, há uma lendária ilha com misteriosos túneis e estranho artefactos. Há quem acredite que esconde o Santo Graal, os manuscritos de Shakespeare e um tesouro de um capitão. Porém, …

Aprender "baleiês" pode evitar choque de navios com o animal

Uma equipa de cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, tem uma nova ideia para salvar as baleias-azuis em migração das colisões com navios. Durante a época de migração das baleias-azuis, os animais enfrentam sérios …

Afinal, os carros elétricos não são a melhor resposta para combater as alterações climáticas

Os carros elétricos, surgem como alternativas mais sustentáveis aos veículos a gasolina ou gasóleo, podem não ser a melhor forma de combater as alterações climáticas no âmbito dos transportes, de acordo com um novo estudo. …

Seria Jesus um mágico? Há arte romana que parece sugerir que sim

Em alguma arte antiga, Jesus é retratado a fazer milagres com algo na mão que parece ser uma varinha. Investigadores sugerem que se trata de um cajado, que era usado como símbolo de poder. Segundo a …

Nem todos os clubes estão a afundar – alguns estão a prosperar durante a pandemia

Nem todos os clubes estão a sofrer às mãos desta pandemia de covid-19. Alguns deles têm conseguido bons resultados financeiros apesar da crise. A covid-19 provou ser um adversário devastador para o desporto profissional em todo …

Kibus: o aparelho que vai revolucionar a forma como os nossos cães se alimentam

Ter cães como melhores amigos pode ser muito benéfico, mas também traz a sua dose de trabalho e responsabilidades. Levar ao veterinário, dar banho, levar a passear, brincar, dar de comer... No fundo é como …