“Já passei do prazo”. Legislativas são as últimas eleições de Marinho e Pinto

RTP / Flickr

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado pelo MPT

O presidente do Partido Democrático Republicano (PDR), Marinho e Pinto, revelou esta quinta-feira que as legislativas de outubro serão as suas últimas eleições, decisão que mantém seja qual for o resultado obtido pelo partido.

“É a última vez que concorro a qualquer coisa, já passei do prazo, estou fora”, disse, em entrevista à revista Visão, dando conta que a sua quarta eleição será também a sua última.

“Se não for eleito, é a ultima vez que concorro a uma eleição (…) Se for eleito também é a última vez, porque não me candidato seja ao que for daqui a quatro anos”, acrescentou o advogado e ex-bastonário da Ordem, apontando a sua idade, bem como o estado da política no país como principais motivos para este afastamento

“Já tenho quase 70 anos, há muito que devia ter deixado a política”, aponta, antes de deixar duras críticas à política portuguesa. “Só temos uma estratégia e uma tática: apontar o que está mal num país em que não há espaço para a cidadania, onde ninguém pode ser candidato se não for por um dos partidos [tradicionais]”, lamenta.

“A vida política transformou-se numa coisa degradante (…) Lutei quando era difícil, mas se soubesse que era para isto não o teria feito. A política atrai os piores”, disse à revista.

Marinho e Pinto insiste na ideia de que Portugal “não tem mudança”, antevendo que Portugal pode mesmo vir a ter um ditador impulsionado por eleitores desiludidos. “Acreditei que era possível mudar as coisas pela vida democrática, mas já percebi que não. O país não tem mudança (…) Há de vir aí um ditador”, afirma, elencando alguns exemplos.

“Trump, Bolsonaro, Orban, Salvini, o Vox aqui ao lado, a [Marine] le Pen, em França – nada disso são epifenómenos, é o resultado de opções de eleitores desiludidos com a democracia (…) O sistema democrático em Portugal perdeu a superioridade moral que tinha em relação à ditadura”, vaticina.

Críticas aos políticos e aos média

Na mesma entrevista, publicada esta quinta-feira na edição da Visão, Marinho e Pinto estende as críticas aos políticos, traçando um cenário que diz estar cada vez pior.

“Isto está cada vez pior, cobram-se mais impostos, as clientelas são cada vez mais vorazes, há políticos que o são desde os 14 anos e que, provavelmente, não sabem o que é pagar o próprio telemóvel porque o partido sempre assumiu esse custo, não sabem o que é pagar um almoço porque sempre usaram o cartão do Estado, e a comunicação social foi corrompida de alto a baixo”, critica.

Tal como recorda a revista, o cabeça de lista pelo círculo eleitoral do Porto nas legislativas de outubro, pelas listas do PDR, que fundou depois de romper com o MPT, anuncia a sua saída da vida política cinco anos depois de ter regressado.

Em 2014, recorde-se, foi eleito para o Parlamento Europeu nas primeiras eleições que disputou, que foram também as únicas que venceu.

Marinho e Pinto ainda tentou conquistar um lugar na Assembleia da República, mas ficou a 14 mil votos do PAN e falhou o objetivo.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Aqui está um homem que não faz qualquer falta ao país. Por mim estarias reformado ainda antes de teres começado. Um conselho amigo: não escolhas Lisboa para viver a reforma. Bem sabes que não dá com 5 mil euros.

RESPONDER

Pizza para Itália e salmão para a Noruega. Emissora pede desculpa por imagens usadas nos Jogos Olímpicos

O canal de televisão sul-coreano MBC pediu desculpa publicamente após usar imagens para representar países durante a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Fotos de pizza para a comitiva italiana, de salmão para a …

"Quanto mais cedo, melhor". A dona da Marlboro apoia a proibição dos cigarros até 2030

O CEO da Philip Morris Internacional, dona da Marlboro, apoia a proibição da venda de cigarros, mas os activistas anti-tabaco já acusaram a empresa de hipocrisia por tentar comprar uma farmacêutica enquanto lucra com o …

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …

Jogos Olímpicos. Ouro e prata para atletas de...13 anos

Pódio muito jovem na estreia do skate feminino. A espreitar o pódio ficou uma norte-americana com quase o triplo da idade. O skate está a "viver" os seus primeiros dias na história dos Jogos Olímpicos. Inserido …

SEF e PSP reforçam fiscalização às regras aplicáveis nas viagens de avião

O SEF e a PSP reforçaram a fiscalização nos aeroportos às regras do tráfego aéreo devido às variantes de covid-19 e ao aumento do número de voos previsto para as próximas semanas, segundo um despacho …