Israel. Netanyahu propõe ao partido da oposição criar um “governo de unidade”

World Economic Forum / Flickr

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, desafiou nesta quinta-feira Benny Gantz, líder do partido rival, para formar um “governo de unidade”.

As eleições em Israel, na terça-feira, determinaram um cenário em que nem o partido Likud (direita) do primeiro-ministro cessante, Benjamim Netanyahu, nem a coligação de oposição Azul e Branco (centro), de Benny Gantz, conseguem garantir uma maioria parlamentar que sustente um Governo. Por isso, restam as coligações ou a crise política.

Na véspera falou-se num empate técnico, ao julgar-se que ambos os partidos em causa teriam garantido o mesmo número de cadeiras no Knesset: 32 de 120. Esse resultado provisório veio agora alterar-se na manhã desta quinta-feira, contou o Independent, citado pelo Expresso.

É que esta manhã os resultados parciais revelavam que Benny Gantz poderá ter mais deputados eleitos do que o atual primeiro-ministro. São necessários 61 membros do parlamento para uma maioria e, assim, formar governo.

 

 

Palestina prefere um Governo sem Benjamim Netanyahu

O Presidente da Palestina, Mahmoud Abbas, pronunciou-se na quarta-feira contra um novo Governo israelita liderado por Benjamim Netanyahu, no dia seguinte às eleições que colocaram o primeiro-ministro cessante em igualdade com o líder da oposição.

As eleições em Israel, na terça-feira, determinaram um cenário em que nem o partido Likud (direita) do primeiro-ministro cessante, Benjamin Netanyahu, nem a coligação de oposição Azul e Branco (centro), de Benny Gantz, conseguem garantir uma maioria parlamentar que sustente um Governo, noticiou a agência Lusa.

Benedikt von Loebell / World Economic Forum / Flickr

O presidente da Autoridade Nacional Palestiniana, Mahmoud Abbas

Perante este cenário de previsível crise política, o Presidente da Palestina não escondeu a sua preferência sobre o futuro político de Israel, manifestando-se favorável a uma mudança de cor partidária no futuro Governo.

“A nossa posição: contra Netanyahu”, respondeu Mohamoud Abbas, quando questionado pelos jornalistas sobre qual o cenário que gostaria de ver em Israel, durante uma visita de Estado a Oslo, na Noruega.

Estas declarações contrastam, contudo, com a visão mais conciliadora do ministro dos Negócios Estrangeiros palestiniano, Riyad al-Maliki, que se tinha mostrado mais recetivo a diversos cenários governativos em Israel.

“Estamos disponíveis para nos sentarmos com quem seja capaz de formar Governo e reiniciar negociações”, tinha afirmado Riyad al-Maliki, na qaurta-feira de manhã, acrescentando que a Palestina está pronta para conversar “com base no direito internacional e nas resoluções da ONU”, procurando uma saída para um conflito que se arrasta desde meados do século XX.

As declarações do Presidente da Palestina, ao final do dia de quarta-feira, em Oslo, contrariam este espírito de abertura do chefe da diplomacia palestiniana e colocam de novo em risco as possibilidade de negociação se a solução governativa saída das eleições em Israel passar por uma nova liderança de Benjamin Netanyahu.

Taísa Pagno TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

I Liga pondera reduzir número de equipas a partir de 2022/2023

O desportivo Record avança esta quarta-feira que a Liga de Clube pondera reduzir o número de equipas em competição na I Liga já a partir da época de 2022/2023. Em cima da mesa está a redução …

Sob risco de expulsão, Fidesz de Orbán deixa bancada do Partido Popular Europeu pelo próprio pé

O partido Fidesz, liderado pelo primeiro-ministro húngaro Viktor Orbán, vai deixar a bancada do Partido Popular Europeu no Parlamento Europeu. De acordo com a agência Reuters, o partido Fidesz, que governa a Hungria, anunciou esta quarta-feira …

Varandas move mundos e fundos por João Mário, que ganha dobro do teto salarial

Frederico Varandas está disposto a investir na contratação em definitivo de João Mário. O médio do Inter ganha quase o dobro do teto salarial em Alvalade. "João Mário é para ficar", lê-se esta quarta-feira na capa …

Moedas é a cara de uma megacoligação em Lisboa. PSD tenta fechar Santana em Sintra

Aliança, RIR, MPT e PPM também estão fechados. Carlos Moedas vai encabeçar a candidatura PSD/CDS à Câmara Municipal de Lisboa, uma megacoligação de centro-direita. O Público avança que a participação do Aliança, do Reagir, Incluir e …

Neandertais tinham a capacidade de falar e perceber a linguagem humana

Um novo estudo mostra que os nossos parentes Neandertais tinham a capacidade de ouvir e produzir os sons da fala dos humanos modernos. Nos últimos anos, várias evidências científicas provaram que os Neandertais eram muitos …

Maria José Valério morre vítima de covid-19 ao 87 anos

A cançonetista Maria José Valério, que deu voz à "Marcha do Sporting", morreu esta quarta-feira em Lisboa, aos 87 anos, vítima de covid-19, disse fonte da Casa do Artista. A intérprete de "Menina dos Telefones" (1961) …

Mais impostos e incentivos. Governo avança com reforma fiscal verde (e tem o apoio de Bruxelas)

O Governo está a trabalhar com a Comissão Europeia para aprofundar a primeira vaga reformista, lançada pelo anterior Governo PSD-CDS em 2015, para avançar com uma nova reforma fiscal verde. O Diário de Notícias avança esta …

Costa dá guião a deputados do PS sobre bazuca e promete plano nacional

António Costa reuniu-se com deputados do PS para elucidar sobre a aplicação da bazuca europeia. O primeiro-ministro prometeu um plano nacional para os setores mais afetados. Com as eleições autárquicas à porta e 16 mil milhões …

"Mini cérebros" criados em laboratório sugerem mutação que revolucionou a mente humana

A mudança de uma única letra no nosso código genético pode ter desencadeado um novo nível de função cerebral em humanos modernos, sugere um novo estudo. Como é que nós, humanos, nos tornamos o que somos …

6% da população já recebeu uma dose da vacina. 3% tem a vacinação completa

Portugal já vacinou 603.486 pessoas com a primeira dose da vacina contra a covid-19, com 168.798 a serem vacinadas na última semana, das quais 265.281 pessoas já têm a vacinação completa, informou o Ministério da …