Isaltino recebeu (e recusou) convite do PSD para ser candidato às autárquicas

Andre Kosters / Lusa

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais

O ex-presidente da Câmara de Oeiras Isaltino Morais confirmou esta quinta-feira à noite ter sido convidado pelo PSD para integrar as listas do partido numa candidatura ao mesmo município nas próximas autárquicas, mas recusou a proposta.

Em comunicado, Isaltino Morais adianta ter tido “algumas conversas” com Carlos Carreiras, coordenador autárquico do PSD, sobre as suas intenções de se candidatar ou não nas eleições do próximo ano.

Além disso, acrescenta, esteve reunido com o presidente da distrital de Lisboa do PSD, Miguel Pinto Luz, e com o presidente da concelhia de Oeiras, Ângelo Pereira, num hotel em Sintra a 26 de julho.

“Foi-me transmitido por aqueles dirigentes do partido, o mandato que lhes tinha sido dado pelo referido coordenador autárquico, para que me fosse proposto concorrer aos órgãos autárquicos de Oeiras, integrando as listas do partido”, diz o comunicado.

Recusei os termos da proposta recebida“, revela Isaltino Morais.

O ex-autarca escusou-se a revelar mais detalhes da conversa, sublinhando que quer “apenas esclarecer a verdade”.

“Se fui convidado para integrar as listas do PSD, a resposta é: Fui, sim!“, lê-se.

Isaltino Morais explica que a intenção do comunicado emitido surge depois de Carlos Carreiras ter “referido factos que não constituem verdade”.

“Tendo já sido suficientemente prejudicado por mentiras que se perpetuam no tempo, julgo que este esclarecimento era um imperativo”, concluiu.

Isaltino Morais foi eleito presidente da Câmara de Oeiras pela primeira vez em 1985 e esteve à frente da autarquia durante mais de duas décadas.

Em 2013 foi detido para cumprir pena de dois anos de prisão por fraude fiscal e branqueamento de capitais. Ao fim de um ano e dois meses, saiu em liberdade condicional.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. E fez muito bem. No lugar dele faria exactamente o mesmo.
    Mostrou ter personalidade e responder adequadamente a quem o expulsou do partido. Por outro lado, ele sabe que não precisa do PSD para nada para ganhar, caso se candidate.
    Este individuo cometeu ilicitos, foi julgado/ condenado e agora sim, podemos dizer que foi desonesto. No entanto, não obstante o castigo que teve e cumpriu, é uma pessoa que a nivel autárquico é competente, quer se goste ou não dele. Oeiras é um exemplo no País para muitos concelhos, em vastas areas e os municipes reconhecem o trabalho dele. Roubou, sim mas, ele fez obra e os outros roubam e não fazem obra. A diferença está exactamente nisso.

RESPONDER

Israel não vai desperdiçar "oportunidade histórica" para anexar a Cisjordânia

O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu voltou a defender hoje a anexação de partes da Cisjordânia nos próximos meses e em prosseguir este polémico plano, apesar do crescente coro de condenações de diversos aliados. Os palestinianos, e …

Zlatan Ibrahimovic lesiona-se e deixa carreira em risco

No treino com vista ao regresso da Liga italiana, Zlatan saiu a coxear do centro de treinos, com os milaneses a explicarem que exames vão determinar se se trata de lesão no gémeo ou tendão …

Há uma orquestra presa num palácio da Alemanha há 75 dias

Um grupo de músicos bolivianos, que pertencem à Orquestra Experimental de Instrumentos Nativos, está confinado no Palácio Rheinsberg, na Alemanha, há cerca de 75 dias devido à pandemia de covid-19. No início de março, os membros da …

Bolsonaro diz ter imagem negativa no exterior porque a imprensa "é de esquerda"

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse hoje que a sua imagem no exterior é negativa porque a imprensa mundial é de esquerda, enquanto falava com apoiantes junto ao Palácio da Alvorada, em Brasília. "A imprensa …

Líderes vodu do Haiti preparam templos para tratar infetados com covid-19

Líderes de vodu do Haiti pediram aos padres da religião afro-caribenha para criar um remédio secreto que servisse de tratamento contra o novo coronavírus. Aos religiosos foi também pedido que preparassem as câmaras sagradas de …

Centros comerciais e lojistas dizem-se preparados para reabrir em junho

Os centros comerciais e lojistas asseguram estar preparados para reabrir em pleno em 1 de junho, apelando à não discriminação face aos restantes espaços de retalho, mas pedem medidas que travem o impacto da pandemia …

Não vai faltar sardinha dentro dos próximos anos, revela investigação

A quantidade de sardinha adulta no mar é mais do que suficiente para os próximos três anos. Os dados científicos confirmam que o stock de sardinha está totalmente recuperado. O último cruzeiro realizado pelo Instituto Português …

Um ano e 20 mil assinaturas depois, Acordo Ortográfico regressa ao parlamento

Um projeto de lei de iniciativa de cidadãos, com 20.669 assinaturas, contra o Acordo Ortográfico (AO), começa esta quarta-feira a ser discutido no parlamento, mais de um ano depois de ter sido entregue. Na agenda de …

Em Inglaterra, 60 clubes podem falir até ao próximo ano

A pandemia de covid-19 pode levar à falência de cerca de 60 clubes dos escalões ingleses mais baixos. O aviso é feito por Phil Hodgkinson, dono do Huddersfield Town, equipa do Championship, a segunda divisão inglesa. "O …

OMS suspende ensaios clínicos com hidroxicloroquina

A Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou hoje a suspensão temporária dos ensaios clínicos com hidroxicloroquina para combater a covid-19 por causa de estudos científicos que associam maior mortalidade ao uso daquele medicamento. O diretor-geral da …