Isaltino Morais nega interferência na aprovação do projeto Porto Cruz

Manuel de Almeida / Lusa

Isaltino Morais nega ter estado envolvido na aprovação do projeto Porto Cruz, que motivou buscas na Câmara Municipal de Oeiras e na empresa de consultoria da qual é sócio.

O presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais, negou qualquer responsabilidade direta na aprovação do projeto Porto Cruz, investigado pela Polícia Judiciária, afirmando, contudo, ser “da maior importância para o município”.

A Câmara de Oeiras, no distrito de Lisboa, foi, esta quarta-feira, alvo de buscas judiciais no âmbito de uma investigação sobre tráfico de influência, corrupção passiva e ativa, participação económica em negócio e abuso de poder.

Em causa está um projeto de Plano de Pormenor da Margem Direita e Foz do Rio Jamor, deliberado pela primeira vez em 2004 e aprovado a 15 de abril de 2014 pelos órgãos autárquicos de Oeiras.

O projeto prevê a demolição da antiga fábrica Lusalite, a construção de uma marina, centros comerciais, estradas, viadutos, parques de estacionamento e de uma estação ferroviária, bem como áreas de habitação, entre as quais cinco torres que vão até 20 andares.

Esta quinta-feira, em comunicado, Isaltino Morais afirmou que “não teve qualquer participação” nas deliberações de 2004 e de 2014, uma vez que não se encontrava em funções executivas na autarquia, mas ressalvou ser favorável ao projeto.

“Se estivesse no exercício de funções como presidente de Câmara quando os trâmites processuais ocorreram e foram aprovados, teria aprovado o mesmo projeto pela sua maior relevância urbanística, económica e social para a zona da Cruz Quebrada-Dafundo, tal como fizeram os presidentes antecessores, Dra. Teresa Zambujo e Dr. Paulo Vistas”, consta no comunicado.

Reafirmo que concordo com a aprovação do projeto e considero-o da maior importância para o nosso concelho”, disse o autarca.

Uma empresa de consultadoria de Isaltino Morais, inserida no mesmo processo, também foi alvo de buscas no âmbito de um contrato de consultadoria feito com o grupo imobiliário Sil, dono do projeto Porto Cruz.

Segundo o Público, “o Ministério Público acredita que os perto de 50 mil euros pagos em 2016 a uma empresa que Isaltino Morais tem com o filho terão servido para pagar a intervenção ou influência de órgãos autárquicos na validação daquele projeto, que já tem plano de pormenor aprovado, mas ainda aguarda por alvará de construção”.

A esse respeito, o autarca refere que a prestação de serviços da sua empresa, Jubilande Consulting Lda, “ocorreu depois da aprovação do Plano Pormenor e que essa prestação teve como objeto a assessoria no desenvolvimento de potenciais negócios nos mercados de Angola e Moçambique”.

“Face a este encadeamento de datas, facilmente se pode entender que, em 2015, a minha consultoria não traria nenhuma mais-valia a um plano que estava aprovado em abril de 2014″, atestou.

Ainda sobre o projeto Porto Cruz, Isaltino Morais sublinha que “no processo global de aprovação deste plano participam 28 entidades, da Administração Central à Administração Local, não sendo competência exclusiva do município a sua aprovação”.

O inquérito está a ser dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Sintra, da Comarca de Lisboa Oeste, coadjuvado pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da Polícia Judiciária.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Caro ZAP
    Qual o critério utilizado para a escolha da fotografia? Apresentam a fotografia do Tino a sair do estabelecimento prisional visivelmente magro e com um saco preto do lixo na mão.
    Estarão V. Exas. a insinuar que ele para lá caminha novamente?

RESPONDER

Colaborador de Macron investigado por agredir manifestante

A justiça francesa anunciou a abertura de uma investigação preliminar após a transmissão de imagens de um colaborador do Presidente Emmanuel Macron a agredir um manifestante no 1º de maio. A investigação também tem como alvo …

Mbappé vai doar todo o dinheiro que ganhou no Mundial

O jogador francês Kylian Mbappé prometeu oferecer os ganhos financeiros obtidos no Mundial 2018. E vai mesmo cumprir com a sua promessa. Kylian Mbappé prometeu e vai cumprir. O jogador da seleção francesa vai oferecer a totalidade …

MP abre inquérito sobre alegadas irregularidades na reconstrução de casas de Pedrógão

O Ministério Público abriu um inquérito para investigar alegadas irregularidades na reconstrução de casas afetadas pelos incêndios de Pedrógão Grande, em junho de 2017, disse à agência Lusa fonte da Procuradoria-Geral da República (PGR). "Confirma-se a …

Bruxelas quer passageiros portugueses a pagar taxa aeroportuária em Lisboa

A Comissão Europeia considera que ao cobrar esta taxa apenas a não residentes, Portugal está a discriminar em função da nacionalidade. A Comissão Europeia enviou, esta sexta-feira, um parecer fundamentando a Portugal reclamando que a taxa …

Justiça espanhola recusa extradição de Puigdemont apenas por peculato

O Tribunal Supremo espanhol decidiu cancelar o mandado europeu de detenção do ex-presidente do Governo catalão, recusando-se a julgar o independentista em fuga apenas pelo alegado delito de peculato e não pelo de rebelião. O juiz …

Militante envolvido na falsificação de fichas do PS nomeado para administrador de saúde

Um dos novos administradores que o Governo nomeou para o Centro de Medicina de Reabilitação da Região Centro, António João Paredes, é um militante que esteve envolvido no processo de fichas falsas do PS de …

Francisco J. Marques constituído arguido no caso dos e-mails

Francisco J. Marques foi interrogado pela PJ a em março deste ano, na qualidade de arguido, no âmbito do chamado caso dos e-mails, relacionado com a divulgação, no Porto Canal, de correio eletrónico do Benfica. O …

Facebook vai banir notícias falsas e violência (mas não a negação do Holocausto)

O Facebook vai remover informações falsas publicadas na rede social que possam contribuir para atos de violência iminente, anunciou a empresa, que já testou a medida no Sri Lanka, recentemente abalado pelos conflitos inter-religiosos. “Estamos a …

João Benedito formaliza candidatura à presidência do Sporting

O antigo guarda-redes e ex-capitão da equipa de futsal do Sporting apresentou, esta quinta-feira, a sua candidatura às eleições do Sporting. João Benedito, o mais recente candidato à presidência do Sporting, apareceu juntamente com a sua …

China lança centro de investigação para clonar primatas

A China lançou um centro de investigação para clonar primatas, na cidade de Xangai, que permitirá avançar no diagnóstico e tratamento de doenças celebrais, informou esta quinta-feira a imprensa local. O centro, que faz parte de …